Google+

26 de novembro de 2008

O CARRO DE UM DOS MEUS GURUS

Tem um cara que eu admiro muito chamado Steve Magnante. Moparzeiro de carteirinha, um cara que tem entusiasmo por um slant six e o mesmo tempo por um Hemi.

Ele tem um Dart 67, vermelho com teto preto, e eu amo esse carro. É um sedã 2-portas, não um cupê hardtop como os que tivemos aqui. Tem um motor Wedge normal com cabeçotes stage V, que são uma forma de montar um Hemi num bloco Wedge comum. Uma das muitas coisas bacanas que ele fez, e de quebra escreveu uma longa história em algumas revistas automobilísticas contando essa e outras fanfarras sobre automóveis, como um tutorial do buzzin' half dozen, um completíssimo guia de como fazer um muito bacana /6 com 232 polegadas cúbidas usando tanto um bloco de alumínio do início dos anos 60, quanto um regular de produção de ferro fundido.

Um cara muito gente boa.


3 comentários:

  1. Caro AG,
    Seria possível, numa situação hipotética, a adaptação de um V8 em posição central-traseira num carro de motor/tração dianteiros (mudando, então, para tração traseira)? Isso sendo feito por um profissional independente (e pervertido o suficiente) e não uma "preparação" do fabricante (como a minivan Renault Space com motor V10, de Fórmula 1, em posição central). Seria possível a montagem de um V8 (na posição original) em uma ELba, por exemplo? Você também faz outras alterações (como suspensão, freios, etc) em seus carros "transplantados"?
    Desculpe tantas perguntas esdrúxulas. É, como você diz, a falta do fenobarbital (Gadernal®).
    Abraços.

    ResponderExcluir
  2. AG,

    No meio de tanto carros feitos por exibicionistas que querem apenas ser mais vistos e conhecidos que os seus vizinhos, um carro desses é realmente como copo de chope gelado no verão escaldante...

    Um Hot Rod real e de espírito. Feito apenas para andar rápido, com pouca grana. E mais nada.

    MAO

    ResponderExcluir
  3. Mao,

    As coisas que o Magnante faz são assim, me identifico muito com ele.

    Marlos,

    Sim, é possivel. O problema no caso é custo e outros impecilhos tecnicos. Para por por exemplo um small block chevy entreeixos traseiro, preciso de um cambio que aguente ele. O que me vem a mente é o transaxle TH 425 dos Olds Toronados e Caddys Eldorado. Não se acha isso facilmente. Porsche 930 guenta o tranco, mas o bolso não. Usar um transaxle normal como os de passat novo com motor longitudinal me parece arriscado. Usar algum irs compacto como de omega é legal, mas imagina o tamanho que vai ficar o drivetrain, quando pensar que ainda tem que por cambio no meio de tudo? Esses problemas é que dificultam fazer uma elba ou outra peruinha pequena qualquer com um motor grande entreeixos. Um transaxle que talvez, veja bem TALVEZ guentasse a bagunça seria o das MB 180 e valem nada porque ninguém mais dá valor a van. Mas não me pergunte de relações, porque não tenho a menor idéia de quais sejam, e o bolt pattern bate com nenhum outro, logo vai ter que rolar um flange. Mas faria uma coisa dessas sim. Mas isso não é coisa menor ou barata não, ok?

    ResponderExcluir

Olá AUTOentusiasta, seu comentário é sempre bem-vindo! De preferência, identifique-se ao comentar.
Atenção: comentários contendo ofensas pessoais, a marcas, a fabricantes isoladamente e/ou em conjunto, a nacionalidade de veículos, bem como questionando práticas comerciais lícitas e margens de lucro aceitáveis nas quais este blog não interfere, bem como o uso de palavras de baixo calão e a exposição de outros leitores ao ridículo, não serão publicados. O AUTOentusiastas se reserva o direito de editar os comentários sem declinar motivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...