24 de maio de 2009

DE ONDE VEM O FOCUS


Apresentado em 1998 na Europa, o Ford Focus veio com um pacote técnico bastante bom para a categoria. Precisamos lembrar que na Inglaterra, o país mãe para esse carro, a Ford liderava por anos a fio, e justamente com carros médios. Mas o Focus original é mais do que o sucessor do Escort, que durou 30 anos. É o resultado da lição aprendida mais dura pela qual a Ford Europa passou, após o lançamento do Escort de 1990, o CE14.


Em 29 de agosto de 1990, a revista Autocar, a de maior influência na Ilha, publicou uma matéria de capa que foi uma bomba dentro da Ford GB. Dizia a manchete: Ford's new Escort meets its rivals....and loses. (Novo Escort enfrenta seus rivais...e perde).
Vários pontos foram mostrados como muito ruins no carro novo, que custou 1 bilhão de libras. Motor de respostas fracas, qualidade da troca de marchas, bancos, painel de instrumentos, estabilidade. Este ponto era bem visível, pois a rolagem de carroceria era demais para um carro pequeno e razoavelmente leve. O resultado foi tão forte dentro da Ford, que após o lançamento para a Imprensa, foi adicionada barra estabilizadora na dianteira.
Essa prática é um terror para qualquer fabricante. Ao se marcar um lançamento com a Imprensa, seja especializada ou não, é inadmissível precisar alterar algo no carro depois que as matérias começam a ser publicadas, mas foi o que aconteceu ao Escort inglês. Em três meses, o preço havia caído, os pacotes de opções haviam se enriquecido, e o marketing de vendas e a propaganda trabalhavam para manter o Escort como o mais vendido. As séries especiais e opcionais grátis eram adicionados. Em poucos anos, mudanças leves e outras mais profundas foram sendo apresentadas, e o carro melhorou muito.
Isso mostra o quanto a Imprensa séria e com base e formação técnica pode influenciar fabricantes também sérios. Na Inglaterra, país que deve ter a maior quantidade de autoentusiastas por metro quadrado no mundo, a Autocar é sempre muito bem vista, dada a tradição de ter sido fundada em 1895, e não testar carros por press-release, Internet ou telepatia. A equipe é grande e os carros são utilizados de verdade, muitos deles em testes de longa duração. Informação confiável, portanto.
O ponto em que a Ford chegou com esse Escort foi o pior na história da marca na Inglaterra, e o que se seguiu foi o início do conceito do carro que viria a ser seu sucessor, o Focus.
Já estávamos na fase em que os carros ficaram maiores e mais pesados, visando principalmente atender normas de segurança bastante restritivas, e mais conteúdo nessa área deveria ser adicionado. Em paralelo, o consumidor já demonstrava mais exigências quanto a espaço, conforto e a própria segurança. Partiu-se então para um novo projeto, já que melhorar o Escort seria mais caro do que fazer um carro novo.
Entra aqui uma figura conhecida pelos entusiastas mais radicais, apreciadores da moderna engenharia automotiva, Richard Parry-Jones, o RPJ. Esse engenheiro mecânico trabalhou 30 anos na Ford, e se declarou sempre um apaixonado por carros. Na Ford desde 1969, em 82 se tornou o principal responsável pelo Escort. Os Focus, Ka, Fiesta, Puma e Mondeo nasceram sob sua batuta. Percebemos que o Escort tão criticado, foi fruto do trabalho dele e de sua equipe.A evolução do homem trouxe a evolução do produto, e o que se seguiu foi o Focus, aclamado na Europa e nos outros mercados em que foi lançado, como um novo padrão de dirigibilidade, encontrado apenas em carros muito mais caros. O Focus foi tão melhor nesse quesito, tanto na Europa quanto nos EUA, que encontramos uma declaração de um executivo de Planejamento de Produto da Honda USA, que disse:
"The reason we notched up the '02 Civic Si's chassis dynamics is partly because of how damned good the Ford Focus ZX3 is. And the reason we believe the Focus, Escape, (Mazda) Tribute and the new Mondeo are so good -- and why Ford has surprised us with these vehicles -- is because of Richard Parry-Jones."
A característica principal, a nosso ver, é uma suspensão traseira independente com multi-braços, que permite estabilidade e conforto ao mesmo tempo, e funciona muito bem.


Passados menos de um ano do lançamento na Europa, vimos em São Paulo um Focus cinza-nublado-britânico com placa de fabricante, e tivemos a mesma sensação de irrealidade que se tem ao final de um filme espetacular no cinema. Seria possível que esse campeão já esteja sendo aprontado para ser vendido aqui ?

A resposta veio rápida, e no final de 1999 já tínhamos o Focus feito na Argentina, entre nós. De lá para cá, todo novo carro no mercado pode ser medido a partir do Focus, modelo original, que agora só possui o motor 1,6 litros e 8 válvulas. Basta andar com o novo modelo que se tem interesse, anotar o preço e equipamentos, e depois dirigir para valer o Focus velhinho, ver suas características e preço. Se o orçamento disponível for para um modelo usado, a covardia é mais marcante ainda, dada a qualidade de construção de carroceria, interior inclusive, do Ford. Difícil encontrar um exemplar usado que não tenha uma boa condição, passando a sensação de carro sólido.

Ainda não encontrei nada melhor em nosso mercado.

JJ



P.S. 1 - O modelo novo, apresentado no Brasil no Salão do Automóvel de 2008 é outro bicho. Ainda um pouco caro, já mais parelho com os concorrentes. Fontes desse blog nos afirmam que a dinâmica foi um pouco prejudicada devido ao maior peso, e que o modelo antigo é mais divertido de dirigir. Avaliarei em breve.

P.S. 2 - O Gino Brasil considera o Golf ainda melhor que o Focus, e combinamos dele contrapor o meu texto com um outro, sobre esse carro da VW.


56 comentários:

  1. agora entendi porque os primeiros escort's 96/97 importados não tem barra estabilizadora, muito estranho... mas mesmo a tal imprensa especializada não ter gostado do Escort, eu o considero um excelente carro, e quanto a preferência do MB pelo Golf, tambem é um ótimo carro, mas com certeza o Focus é um carro mais bem projetado, ganha em motorização, relações de cambio, estabilidade, acredito que perde para o Golf em equipamentos, posição de dirigir e algumas outras pequenas coisas

    ResponderExcluir
  2. Juvenal

    O que impressiona no Golf IV é ver a que ponto chegou o eixo de torção traseiro: foi um dos únicos carros com essa configuração (o outro foi o Passat/Audi A4) que guiei que não "flutuou" a traseira, aquela dancinha desagradável acima dos 200 Km/h.

    O Focus não impressiona justamente por causa disso, com aquela suspensão traseira ser bom de curva nada mais é do que obrigação. Adoro o Focus, mas não abro mão do Golf se for um GTi (mesmo o de 150cv).

    FB

    ResponderExcluir
  3. outros prós do Focus contra o Golf:
    Focus tem a manutenção e seguro bem mais barato, e é muito menos visado para roubo do que o Golf

    ResponderExcluir
  4. outro ponto positivo do Focus, no meu ponto de vista:
    - não é FLEX!
    sim, digam o que quiserem, mas eu não gosto de carros Flex

    ResponderExcluir
  5. Clésio Luiz25/05/09 09:34

    Um ponto onde o Golf 4 era melhor que o Focus 1 era no acabamento. Consta que a Ford ficou sabendo tarde demais que o novo Golf iria elevar o padrão da categoria, e por isso não conseguiu desbancar o rival nesse quesito. Se bem que a Ford nunca vendeu o Focus básico com bancos com revestimento "acende palito de fósforo" (aspero como uma lixa) como a VW faz com todos os modelos básicos de seus carros. Já o Golf com bancos aveludados é uma beleza.

    E outra vantagem do Focus pra mim é que a sua suspensão é mais macia do que a do Golf, e mesmo assim é um carro estável.

    ResponderExcluir
  6. Clésio Luiz25/05/09 09:37

    Mas se vocês forem conversar com o povão, nada disso importa: "carrão" bom mesmo é o Civic... Aliás, eu reconheço um pobre falando quando eu vejo alguém chamando carros médios de "carrão". Pro passa-fome osso é presunto...

    ResponderExcluir
  7. Mister Fórmula Finesse25/05/09 09:55

    O Focus da geração anterior realmente têm um acerto bastante bom, a suspensão é confortável e segura bem os abusos, a direção parece que foi desenhada para suas mãos e o acabamento interno é sempre de boa qualidade, sem arremates mal feitos e com o painel original ainda capaz de contentar bem os olhos. Só acho que merceria um comando de caixa um pouco menos pesado para fazer coro a toda boa orquestra mecânica; ainda considero o golf um pouquinho melhor tanto no amortecimento (mesmo com rodas aro 16 do Tech) como em nível de leitura da estrada via suspensão e direção (sem falar do câmbio que implora por ser tocado), o golf ainda diverte mais, mas devo declarar que tenho como parâmetro o Focus antigo e não o novo. Dizem que a nova geração ficou um tanto obesa e o acabamento dentro não me agradou nem um pouco (muito plástico estilo capa de dvd, botões de borracha com caracteres que apagam/desgastam fácil no painel, maçanetas internas rídiculas...etc, etc).

    ResponderExcluir
  8. Tenho um 1.6 comprado novo em 2006, já está com 77000Km. Incrivel como o carro ainda tem o comportamento e aparência bem próximas a de quando era novinho. Excelente carro mesmo, depois dele ficou dificil gostar de dirigir outro. Influenciei mais 3 colegas a comprarem o carro, nenhum se arrependeu, pelo contrário. Mas indiquei a versão 2.0. Essa sim é a ideal pra quem gosta de andar em altas velocidades. Não que o 1.6 seja ruim, alias, em se tratando de um motor com esse deslocamento, novamente fica bem difícil ver um rival a altura. Adoro o carro! Obrigado por compartilhar a todos a história do carro Juvenal!

    ResponderExcluir
  9. Marlos Dantas25/05/09 11:07

    Clésio,
    Realmente o Civic se tornou o sonho de consumo automotivo do povão. Mas existem as preferências de outras “classes sociais”:
    (Pseudo) Playboys: A3 e Golf;
    Criminosos: Golf, Astra e Vectra;
    Jogadores de futebol: Ferrari (qualquer um);
    Rappers: Escalade, Hummer e Navigator (ou qualquer outro SUV, desde que pintados em cores berrantes e com rodas enormes).
    Abraço.

    ResponderExcluir
  10. Marlos Dantas25/05/09 11:08

    Amigos,
    Numa situação hipotética, qual seria o usado mais vantajoso: Focus hatch Ghia (2002) ou Vectra CD 2,2 16V (2002)? Desconsiderando os perfis de carroceria...
    Eu compraria um desses, porém, todo mundo (mecânicos, vendedores de autopeças e de autorizadas) “mete medo” sobre a mecânica do Focus (inclusive sobre o motor inglês), dizendo ser muito cara e, por outro lado, o Vectra ainda é muito furtado aqui no RJ.
    Abraços a todos.

    ResponderExcluir
  11. Vá de Focus Marcelo, já tivemos em casa dois Focus Ghia 2002 sedan - e não faz muito tempo - e são carros muito bons, o acabamento não sente tanto o peso dos anos e nunca tivemos problemas algum em termos de mecânica, mas era notável que um deles tinha melhor rendimento que o outro, coisa de pouca atenção da manutenção básica do dono de outrora (bicos novos, filtro...etc). O Focus é confortável e tem um consumo bem comedido devido a relação longa de marchas, os ponteiros do conta giros e velocímetro gostam de andar em direções diferentes; rodovias em velocidades relativamente altas no velocímetro e o conta giros trabalhando sossegando lá embaixo na quinta marcha, silêncio e economia em boas doses. O Vectra 2.2 parece ser mais carro, apesar de debitar 8 cavalos a mais e torque, fico um pouco receoso de tão poucas unidades fabricadas desse motor em relação ao Zetec, e sem contar que a caixa FW me parece um pouco aquém do conjunto do carro. De suspensão, o Vectra também é bom, mas ainda assim minha opinião pessoal pende para o Focus.

    ResponderExcluir
  12. Carlos Galto25/05/09 15:00

    Estou querendo trocar o meu objeto de entusiasmo por um Focus. Ou Ghia 1.8 2002 ou GLX 2.0 2003...
    Além de ótimo preço, não existe outro modelo em tão bom estado desses anos.
    Motor Zetec, e qualquer outro, quando tratado e mantido como se deve, não tem como dar problema. Digo como dono de um Tempra 16v (pra mecânicos, mais problemático que esse só o do Marea...) com 160mil km que não me dá aborrecimentos.
    Além de tudo o seguro é baixo para os padrões cariocas.

    ResponderExcluir
  13. 2002 Ghia é 2.0Zetec e não 1.8.


    Ghia verdinho é bonito hein heheheh
    (Sou suspeito para falar não é VR?)

    Umberto.

    ResponderExcluir
  14. Já tive Golf 4, estou no meu segundo Focus (agora novo focus), todos top de linha.

    O Focus é incoparavel como carro de entusiasta. O golf IV sai com uma enorme preocupacao em suavidade ao rodar e isso fez com que o carro tenha borracha demais. Muito amortecimento, amortecimento de subframe, muito amortecimento de batente de amortecedor. O carro é anestesiado. O Focus é direto, conectado.

    Pra quem gosta de tocada, essa comparacao é impossivel. O golf IV é um erro de projeto em termos dinamicos, o Golf V ficou otimo dinamicamente, mas ficou caro pra produzir.

    Essa afirmacao tanto é verdadeira que o S3, carro que compartilha a plataforma Golf nunca foi lembrado como driver's car enquanto esteve em producao na geracao passada, hoje é um carro que os jornalistas ingleses rasgam comentarios. O mesmo vale para o Antigo Audi TT (um carro dinamicamente sem sal), pra um carro que hoje é tido como brilhante.

    Já tive Civic de ultima geração tb, e tb nao chega perto do Focus.

    A finesse do Focus coloca risada na minha boca. Olha que, alem do Focus, tenho duas verdadeiras maquinas de fazer rir em casa.

    ResponderExcluir
  15. Belos cometários amigos. Resumo repetindo o que escrevi no texto: no custo/benefício não há nada mais entusiasmante, somado, para mim, ao design superior, MUITO superior aos concorrentes. Hatch apenas, o sedan me dá pena, não por ser feio, mas por ser tão pouco arrojado em relação ao hatch.
    O Vic Rodriguez fala com conhecimento de causa mais que eu mesmo, pois já dirigiu bastante Golf e teve dois Focus, além dos carros de alto desempenho que vêm possuindo há alguns anos e as horas de bagagem em pistas.
    Não tenho dúvida que acertei na minha escolha.

    ResponderExcluir
  16. O bom do Focus( tenho uma unidade 2006, Duratec) é que ele é médio em tudo : Desempenho, consumo, dirigibilidade, conforto,parrudez.

    Mas definitivamente não é carro para Entusiasta , e sim um belo meio de transporte.

    Só para citar dois dos detalhes que comprometem: a débil potência de frenagem,
    e a suspensão com os famosos " dois dedos" acima do projeto...

    ResponderExcluir
  17. entre o Focus antigo e o Astra?
    o que acham?

    ResponderExcluir
  18. Carlos Galto26/05/09 09:30

    É mesmo, o Ghia é sempre 2.0

    Nem compara o Astra com o Focus. Motor de Monza, acabamento pobre, macio demais, seguro maior...
    Era nível do Escort Zetec, e ainda prefiro o Escort.

    ResponderExcluir
  19. nem se compara o projeto do Focus com o Astra, como o Carlos Galto disse, entre o Astra e o Escort, eu ja prefiro o Escort, o Focus ainda é uma evolução do Escort, portanto não há comparação

    ResponderExcluir
  20. eu tambem acho o Focus hatch um dos mais bonitos carros que temos atualmente, e o sedan.... parece o Versailles...

    ResponderExcluir
  21. como pode a Ford ter os melhores carros, melhores custo x beneficio, e perder para a vw, chevrolet e fiat?

    ResponderExcluir
  22. Alexei, médio no Focus, só preço. No mais, exceto alguns poucos detalhes, um carro superlativo.

    ResponderExcluir
  23. valeria pegar um 0km 1.6 antigo?
    ele mantém o mesmo bom acerto de chassi? não foi vítima de uma depenação/simplificação técnica?

    ResponderExcluir
  24. Clésio Luiz26/05/09 16:47

    Consta quem em 2003 ele sofreu uma degradação na qualidade de acabamento nas versões básicas além de terem removido a barra estabilizadora traseira e mexido nas molas e/ou amortecedores, comprometendo um pouco o conforto.

    Quanto a suspensão eu não sei, mas o acabamento das versões mais baratas foi piorado.

    ResponderExcluir
  25. o fator principal ao comprar um Focus agora, é o motor ser 1.6 rocam, ou 2.0 duratec, os outros motores são de manutenção cara e problemáticos se não foram bem cuidados

    ResponderExcluir
  26. Alexei, nao acho debil a potencia dos freios.

    A titulo de exemplo:
    Freio de focus original, com pastilha original e fluido de freio Dot 5 e pontecia original, aguenta 1 dia de track day.

    Subaru WRX com pastilha original disco original e pinca de 4 pistões original, e potencia original, nao aguenta nem meio dia de track day. Experiencia propria.

    Estamos comparando com carros do mesmo segmento. E nesse segmento é carro de entusiasta sim.

    ResponderExcluir
  27. qual o carro acional que não esta dois dedos acima do projeto

    ResponderExcluir
  28. Carlos Galo26/05/09 18:03

    alguem sabe qual é o peso do novo Focus? ouvi falarem em 1350kg

    ResponderExcluir
  29. Carlos Galo.

    1350kg o Ghia Manual, 1360 o automatico

    O sedan 1366kgs.

    Bem pesado.

    ResponderExcluir
  30. O comentário hora 17:14 de 26/05 não fui eu quem fiz não.

    Tem dois Alexei no Autoentusiastas...

    JJ, acho médio porque quanto tirei o Escort 1.8 16v em 1997,portanto quase 10 anos para esse Focus 2006/2007 ele realmente era uma enorme evolução, um carro alegre,disposto,espaçoso e o Focus não ofereceu muito a mais.

    Vic, em pleno século XXI, e a 200 km/h que atinge fácil , o Focus tem pouca potência de freio.

    Agora vamos a um número bem frio: em uma curva que o melhor TD nacional consegue 150, o Focus vira a 130 , e para seguir nessa toada o pneu trazeiro acaba aquecendo tanto quanto o dianteiro. Vinte por hora em curva é muita força G a menos.

    Mas não discuto a capacidade de resfriamento do sistema de freio, dá para viajar forte por horas, sem problema nesse quesito

    ResponderExcluir
  31. Marlos, será que foi vc mesmo qu escreveu aquela estupidez acima, ou alguém escreveu como se fosse voce? É, muito me estranha vc, que já escreveu artigos tão interessantes, escrever a sandice de relacionar pejorativamente os carros ao proprietários. Temos em casa dois astras e um vectra e, pode ter certeza, de criminosos não temos nada. E, se escreveu num contexto de brincadeira, foi muito infeliz.

    Lucas

    ResponderExcluir
  32. Sigmund Freud27/05/09 00:49

    que mania as pessoas tem de se ofender com qualquer coisa, pelo o que eu entendi o Marlos não quis relacionar os carros com as pessoas, e sim as pessoas com os carros... é evidente que criminosos gostam de Astra, playboys de golf e Audi, e os entusiastas compram Focus e outros modelos da Ford

    ResponderExcluir
  33. Que mania as pessoas tem de ficar defendendos as outras.
    Deixem quem se estranhe se entenderemmmm!
    Povinho ignorante!

    ResponderExcluir
  34. Sigmund Freud27/05/09 14:37

    que mania os anônimos tem de se intrometerem nos diagnósticos psicanaliticos dos outros,
    que gente de merda!

    ResponderExcluir
  35. Dercy Gonçalves27/05/09 14:45

    Anônimo,
    vai tomar no meio do seu cú!

    ResponderExcluir
  36. Dercy Goncalves

    Hahahhahah!

    ResponderExcluir
  37. temos um modelo GHIA....um belo carro ! muito bom ! 2.0 duratec puxa bem !

    ResponderExcluir
  38. Focus aqui no Brasil só tem um defeito, nunca teve uma versão hatch com apenas 3 portas, só isso.

    ResponderExcluir
  39. 2 portas a mais, 2 a menos....
    no final das contas 4 portas é melhor para levar as gurias

    ResponderExcluir
  40. Marlos Dantas28/05/09 20:47

    Lucas,
    Eu escrevi o segundo. Perguntando sobre minhas intenções futuras de compra: Focus Ghia x Vectra CD 2,2 16V, ambos 2002. Aliás, só observei aquele o post fake agora! Como eu poderia querer um Vectra CD se tivesse tal opinião??? Então, seria eu um marginal???
    Uma pena que pessoas usem os nomes de quem acompanha assiduamente o blog para escrever bobagens... Talvez essa pessoa tenha feito um “gancho” de um comentário que fiz sobre a estereotipação de alguns modelos em um post nos primórdios do blog. Neste antigo post, citei a preferência de alguns ditos “entendidos” por certos modelos, sem nem mesmo cogitarem em outros que seriam mais adequados, comentário este que foi deturpado por sabe-se lá quem.
    Bem, como já fostes dono de Vectra, poderia dar um pitaco sobre ele em relação ao Focus.
    Um abraço e obrigado pelo alerta!

    ResponderExcluir
  41. Beleza, Marlos: você é sábio e educado o suficiente para não estereotipar os carros/donos. Bom, mas vamos lá: o vectra cd 2.0 é muito bom mesmo, economico, anda e curva bem e a manutenção é tranquila. o daqui de casa tá com 240000 km. Nunca fez o motor e está na terceira embreagem. a suspensão traseira é chatinha, volta e meia começa a fazer uns ruídos. Mas o carro é meio cansativo na cidade pela combinaçào cambio muito longo e pouco torque em baixa. Mas é questão de costume. Não economize em pegar um bem zeradinho, pois para deixar um em ordem, vai gastar um bocado.
    Quanto ao focus: sensacional. Acho-o bem melhor que o golf. Minha cunhada comprou um 1.6 07/08 por 30 paus. Custo/benefício imbatível.

    Grande abraço !

    Lucas

    ResponderExcluir
  42. Lucas,
    terceira embragem? quer dizer que cada embragem dura em média 80.000 km? achei que durasse bem mais...

    ResponderExcluir
  43. A primeira trocamos aos 70 mil km. A segunda com uns 160. A terceira está lá rodando, só que está meio pesada. Considerando que é um carro pesado, 1350 kg, considero normal.

    Abraço

    Lucas

    ResponderExcluir
  44. Marlos Dantas29/05/09 13:09

    Lucas,
    Obrigado pelas dicas.

    ResponderExcluir
  45. em termos de aerodinâmica, alguem sabe quem tem o melhor CX? o Focus hatch ou o sedan?

    ResponderExcluir
  46. Anderson,
    normalmente os sedan's tem um cx melhor que os hatches, que por sua vez tem cx melhor que as peruas, é o quê se lê por ai... portanto o sedan teria maior velocidade final e menor consumo de combustivel em estrada, em contrapartida, em razão do maior peso, é mais lento em arrancadas e tem maior consumo de combustivel na cidade....
    me corrijam se eu estiver errado

    ResponderExcluir
  47. Mestre dos Magos31/05/09 18:18

    o Honda Civic, o Corolla, o Jetta, são muito mais carros que o Focus.

    e tenho dito!

    ResponderExcluir
  48. Mestre dos Magos31/05/09 18:20

    o Fusion tambem

    ResponderExcluir
  49. mas nenhum deles custa 41mil reais na promoção

    ResponderExcluir
  50. Mestre dos Magos01/06/09 00:00

    41 mil reais?

    só se for o 1.6 modelo antigo e pelado até não poder mais....

    ResponderExcluir
  51. 39.5, Mestre dos Magos. Procure pela net que encontrará. Nem tão básico assim: modelo antigo, flex 1.6, ar, direção e pintura metálica. Mais uma vez, custo benefício imbatível.

    Abraço

    Lucas

    ResponderExcluir
  52. Juvenal, tenho um Focus GLX 2005 com 90.000 km rodados, estou com ele há 2 anos e a cada dia gosto mais do carro. Antes do Focus, tive um Celta e um Corsa, ambos 1.0, e vivia com aquela vontade de trocar de carro, mas desde que estou com o Focus, perdi esta vontade. Nem mesmo o novo Focus me tira o sono. O novo Focus com certeza será meu proximo carro, já tenho até a grana para trocar, mas não estou empolgado a ponto de começar toda a função de pesquisa de preços, cotação do meu usado, etc...A pergunta que te faço é: sou normal?


    MRM

    ResponderExcluir
  53. Anônimo anterior (24/08/2009 10:31), compra logo o Novo Focus enquanto ele NAO é flex. Depois pode ser tarde.

    ResponderExcluir
  54. Anônimo anterior (02/11/09 20:46), comprei em 14/01/10 um Focus 09 Glx gasolina. Branco. Fantástico. Flex? Não. Obrigado. MRM

    ResponderExcluir
  55. http://www.youtube.com/watch?v=k-M5Bvrx_D8&list=UU-52QYah97ef4YzpdACNiDg&index=5&feature=plcp

    Olha O Focãoai !!!

    Ivan SM

    ResponderExcluir

O Ae mudou de casa! Todos os posts do blog foram migrados para o site. Por favor busque por este post no site e deixe o seu comentário lá.
Um abraço!
www.autoentusiastas.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...