25 de julho de 2009

RESPOSTA DO ADMINISTRADOR DO RING

No dia 8 deste mês o Bitu postou matéria sobre a emporcalhação do asfalto do Nordschleife, originada de uma questão que levantei entre o nosso grupo em função de um vídeo do Walter Rohrl dirigindo um 911 GT3 lá, que assistimos.

Após isso pedi a um amigo, alemão, o Prof. Eng. Dieter Bousseljot, que aos 71 anos goza sua aposentadoria na bela cidade de Erfurt, que procurasse saber junto à administração do circuito com eles veem toda essa pixação -- que é em negativo, tinta branca em asfalto preto. A resposta foi:

"es handet sich hierbei um geduldete Malerein aus der Vergangenheit, die jetzt den Flair der Nordschleife mitprägen."

Traduzindo (pelo Professor), "Trata-se neste caso de pinturas toleradas do passado que agora marcam, também um pouco, a atmosfera do Circuito Norte".

Minha conclusão: já não se fazem mais alemães como antigamente.

Minha decisão: tirar da cabeça qualquer plano de um dia ir até lá, muito menos dirigir sobre aquela imundice.

28 comentários:

  1. Bob

    Alemães como antigamente foram aqueles que proibiram você de ter um VW Santana branco na década de 80 quando você era diretor de competições da VW?

    Alemães como antigamente foram aqueles que eram meus chefes num tradicional fabricante alemão com nome de mulher, que pra qualquer sugestão de cor na paleta dos carros fabricados em Juiz de Fora respondiam com um congelado "NEIN!"???

    São esses os alemães de antigamente?

    Radicalismo não é bom pra ninguém, você não deve se privar do que é bom por conta de um detalhe bobo desses. Se Deus quiser, iremos competir pela melhor volta no Ring juntos.

    FB

    ResponderExcluir
  2. Desde que não prejudique a aderência na pista o resto é resto.

    ResponderExcluir
  3. Ainda bem que não fazem mais alemães como antigamente. Imagina um monte de nazista marchando que nem patos no asfalto de Nordshcleife.
    O Bob tá querendo ser mais alemão que os próprios alemães, ai não dá certo.
    Quanto a deixar de visitar o Ring, bom quem tem a perde é você Bob, não o Nordshcleife. Usar essa desculpa pra não ir lá (será que é medo?) é a mesma coisa que falar que não quer ir pra França pq não gosta de pão francês.

    ResponderExcluir
  4. Verdade...
    Bob, respeito muito o seu conhecimento e a sua experiência mas as vezes vc assume umas posturas que eu não compreendo!

    Be open-minded!

    As pixações podem, inclusive, ter utilidade como pontos de referência para a pilotagem...

    Definitivamente fazem parte do espírito da coisa, é como se fosse um mural dos fãs e frequentadores. Algumas pixações são até engraçadas como uma que existe (existia?) na entrada do Carroussel mas na parte plana: "Pussies, this way" hehe.

    Não tiro o Nordschleife da minha wish list nem por decreto... Espero inclusive conseguir andar lá com alguma coisa de corrida alugada ainda dentro dos próximos 3 anos!

    ResponderExcluir
  5. Villa,
    Que espírito? Da bagunça, da desordem? Obrigado, mas estou fora. Não tenho o menor prazer em frequentar chiqueiros. Prefiro deixar na lembrança um fantástico e decente circuito.

    ResponderExcluir
  6. Bitu,
    Não oferecer a cor branca no Santana foi obra de alguns brasileiros bestas, que nada entendiam de automóvel. Jamais poderia ser coisa de alemães. Aliás foi um, Herr Rieper, gerente da pintura, que atendeu meu pedido, contrariando a determinação da diretoria de marketing de não haver Santana branco. E não é radicalismo coisa alguma, mas senso de estética. O mesmo que me desagrada ao me aproximar de Interlagos, com aquele entorno horroroso. Ou olhar as encostas dos morros do Rio de Janeiro tomadas por favelas, que muitos acham até poético. Fazer o quê?

    ResponderExcluir
  7. Bruno,
    Vamos esclarecer alguns pontos. Os alemães não eram nazistas. Esse era apenas o partido político dominante de 1933 até o final da II Guerra Mundial. Que, aliás, não era nazista, mas nacional-socialista, precisamente Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães. Os americanos, pródigos em criar siglas e nomes, é que inventaram o "Nazi", tirado do nome do partido em alemão, Nazional-Socialistiche Deutscher Arbeit Partei. O "Nazi" chegou até nós como nazista. Outra coisa é o passo das forças armadas (de ganso), por acaso adotado até hoje no Chile, só para dar um exemplo. Mas não entendi o que você quis dizer com desfile militar no Nordschleife. Não sei por que você inferiu que eu dei essa ideia. Tudo se resume em higidez, coisas limpas, visual bonito, do que faço questão e não abro. Sou do tipo que cata toalha de papel no chão dos banheiros e a põe no lixo. Se você já foi à Alemanha notou a limpeza, o cuidado com as coisas, com as fachadas bonitas, as floreiras sempre cheias. Era assim o Nordschleife, as fotos e filmes antigos mostram. Para mim era um santuário. Hoje é um chiqueiro.
    Tenho medo sim, você acertou, medo de sentir um profundo desgosto de chegar lá e ver aquela nojeira. Mas se você se referiu a medo de pilotar lá, você é o autor da piada do ano, se não da década.

    ResponderExcluir
  8. Todos
    Em acréscimo ao que eu disse, já que o negócio é emporcalhar para dar "clima, atmosfera", deixo uma sugestão para os apreciadores de sinuca: deixem mensagens, assinem o nome no pano verde. Será poesia pura...

    ResponderExcluir
  9. É isso ai Bob, Concordo totalmente com você.
    Também sou adepto ao visual "Clean", seja em carros, pistas, ruas, paredes, enfim..

    E como você mesmo resumiu muito bem:
    "Não se fazem mais alemães como antigamente"


    Um abraço!

    ResponderExcluir
  10. Arnaldo Keller26/07/09 12:26

    Estou de acordo com o Bob. Ao menos algumas coisas devem ser preservadas, ao manos alguns templos sagrados devem ser respeitados.
    Quem gosta dessa pichação não tem a devida perspectiva histórica da coisa.
    É só não mexer. Deixe como está, respeite, e boa.
    Quanto ao infeliz comentário do Bruno: Rapaz! Você não faz idéia da besteira que falou. Outra falta de respeito por não saber sobre o que está falando.

    ResponderExcluir
  11. Eu continuo concordando com a opinião dos administradores... As pixações fazem parte da mística do circuito pois são feitas por entusiastas do automobilismo mundial que passam por ali e registram no asfalto suas preferências quanto a marcas, modelos, equipes, pilotos, etc...

    Desde a primeira foto que eu vi do Nordschleife já havia isso, tem fotos de 30 anos atrás com pixações... De modo que não dá mais pra negar que elas são parte integral do circuito, até nos videogames elas são reproduzidas...

    ResponderExcluir
  12. Villa,
    A opinião do Prof. Dieter (falei com ele há pouco) é que se trata de desculpa dos administradores, pois ficaria mais caro limpar ou recapear do que deixar como está. Aliás, seria oportuno os aprecisadores de Wimbledon "assinarem" a quadra, não acha? Daria clima..

    ResponderExcluir
  13. Enganam-se os que acham que as pichações são feitas por entusiastas, é baderna mesmo.
    Acontece um festival de música anual, o Rock and Ring http://www.rock-am-ring.com/ e os metaleiros vão lá para emporcalhar a pista.
    E vocês ainda acham bonito....

    ResponderExcluir
  14. Bom, concordemos em discordar...

    Enquanto isso continuo planejando as minhas voltas de Alfa ou BMW, ambas de corrida alugadas ali do lado!

    ResponderExcluir
  15. Vendo a foto como um todo, acho que seria inviável economicamente eliminar as pinturas no asfalto. Policiar 20,8km 24 horas por dia, interromper as atividades do autódromo para limpeza, não sei se daria certo. Ainda mais com estes festivais de rock.

    Quem sabe uma campanha de estímulo à preservação apareça um dia? Não descarto a possibilidade.

    É tradicional, mas nem todas as tradições são apreciáveis ou apreciadas por todos. Como a corrida de touros em Pamplona, na Espanha.

    Mas penso em Nordschleife com um certo amor. Amamos algo ou alguém apesar dos inevitáveis defeitos. Aprendemos a conviver com eles.

    Apesar da poluição visual, fico feliz que Nordschleife ainda exista em sua plenitude. Sem cortes, sem censuras, e aberta ao público.

    Quando vou para Interlagos fotografar, sempre olho os resquícios do traçado que jamais pude pilotar. Isso me causa uma lamentação ruim. Imagino para quem viveu glórias no circuito. O que dizer então do autódromo Nelson Piquet?

    Por isso, no frigir dos ovos, as pichações de Nordschleife não me incomodam. O fato de eu estar aqui e o inferno verde lá, isso sim, me incomoda muito :)

    ResponderExcluir
  16. Bob,

    Também acho essas pichações um absurdo. Coisa do mundo excessivamente permissivo de hoje.

    Mas acho que vc devia ir lá sim, antes que coisa pior aconteça. Ao contrário dos mais otimistas, tenho para mim que as coisas podem sempre piorar...

    É de ficar chateado mesmo, mas melhor ir antes que acabe. Até quando aparece alguém para acabar com o esquema atual? Muita diversão sadia para passar incólume no mundo atual.

    Andei lá em 1997, e não me lembro de pichação nenhuma.

    MAO

    ResponderExcluir
  17. Anderson:

    Opa, calma lá como se refere aos "metaleiros". Não generalize pejorativamente dessa maneira.

    Não sei qual estilo musical você gosta, mas saiba respeitar as diferenças livre de preconceito.

    Se, infelizmente, é essa visão que você tem de "metaleiros", talvez já esteja muito imbecilizado por Globo, MTV, Veja e outras porcarias...

    ResponderExcluir
  18. Olá amigos e companherios AUTOentusiastas! Uni-vos!( ou não..) em pró da preservação do templo de Nordschleife!..Juntemos nossos baldes e esfregões,para organizarmos o maior e melhor mutirão de limpeza que o se tem notícia!. Eu já estou pronto aqui, e os senhores? rsrs. Brincadeiras a parte, não é 'beleza' alguma ver tamanha BELEZA!!,parcialmente vandalizada!

    Ao grande mestre Bob Sharp, eu deixo algo que estava imaginando aqui... adoraria ve-lo em ação em Nordschleife!..duelando contra outro fora de série, o Sr Walter Röhrl, em busca das melhores tempos! Poxa vida, seria muito bacana!

    Saudações do Lucius a todos os leitores.

    ResponderExcluir
  19. Anônimo,

    Por favor não se ofenda, não quis usar o termo "metaleiro" como pejorativo.
    Até mesmo porque eu também não deixo de ser um metaleiro.
    Já fui no show do Kiss, Metallica, Sepultura, Misfits, Iron Maiden, Paul Di'Anno, Angra, Judas Priest, Scorpions, Bruce Dickinson, Krisiun, Ratos de Porão(heheh), Megadeth, Motorhead, e mais algumas outras bandas que já vieram tocar em Porto Alegre.
    Além das bandas citadas também gosto de AC/DC, Pantera, Exodus, Black Sabath, Ozzy, King Diamond, Mercyful Fate, Slayer, etc..
    Ultimamente tenho escutado bastante Iced Earth e Down(Phil Anselmo).

    Odeio a Globo, nunca li a Veja e MTV só assistia na época em que passava o Furia Metal apresentado pelo Gastão Moreira.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  20. tradição é tradição, se fossem mantidos os princípios, a formula 1 não teria esse clima de hospital que tem hoje.

    e tem outra, nordschleife não foi feita para pilotos medrosos...

    ResponderExcluir
  21. OK Anderson, entendido.

    Desculpe-me.

    Mas, convenhamos, show do Di'Anno?

    heheheheh

    Abraço!

    ResponderExcluir
  22. Eu sinceramente acho que o fato de a pista estar pintada, pixada, assinada ou desenhada só importa e teria alguma preocupação se as tintas que lá fossem usadas interferissem na tração ou aderência dos pneus, podendo causar algum acidente ou mesmo fazendo perder tempo, o que eu acho que pode até acontecer nas primeiras passagens, depois fica tudo emborrachado, de resto, é pura desculpa pra discussão de picuinha. Nem o FBI junto com o BOPE e a CIA iriam conseguir impedir o publico de deixar sua assinatura na pista antes de um grande evento que use toda a extensão do traçado, agora que virou tradição fazer desenhos lá. Não impediram no começo, sei lá por que, vai ser muito mais difícil impedir agora...

    ResponderExcluir
  23. Se não se pode fazer o que fazíamos anos atrás, o mundo agora é "politicamente correto" (e chato). Se pode fazer algo que não se podia é "permissivo".

    Tem gente reclamando demais. Melhorem o humor ou peçam logo para morrer. Eu hein...

    ResponderExcluir
  24. Stallone Cobra27/07/09 11:47

    Anônimo,

    Você faça o que quiser, mas na casa da sua mãe Joana!
    Tomara que um dia o Capitão Nascimento pegue você pixando as coisas e te dê uns tapas no ouvido para você aprender a ser gente!

    ResponderExcluir
  25. Stallone Cobra27/07/09 11:48

    Anônimoa e pixadores são todos um cocô, eles são a doença e eu sou a cura, com esse tipo de gente eu não negocio, eu mato!

    ResponderExcluir
  26. Asfalto bom e convidativo à acelerar só aceita uma coisa: sinalização horizontal. Já disse isso no outro post à respeito dessas pixações.
    Bob: Não vale à pena deixar de ir por isso. Acho que o prazer de contornar algumas curvas já nos faz esquecer dessas tintas no asfalto. Se um dia eu puder, irei.

    ResponderExcluir
  27. Não chego ao ponto de deixar de ir a Nordscheleife por causa das pixações, mas estou longe, muito longe mesmo, a anos-luz de distância em concordar com a baderna. A pista está simplesmente horrível!

    Nunca vi arte alguma em pixações. É uma maneira ridícula de se expressar ou deixar recado para o futuro.

    O segredo é andar no circuito "descendo a bota", assim as pixações sumirão mais rapidamente. O negócio é emborrachar a pista por sobre as medonhas pixações!

    ResponderExcluir
  28. Estou com o Road Runner, na hora de acelerar que se dane as pixações,melhor ainda se tiver algum zé arruela pixando na hora, aí eu dou uma pixada de borracha no chifre do fdp,hahahahahahaha, imagine uma sapatada no meio das costas do escroto,hahaha, ele ia ficar lindo achatado lá na pista,hahahahaha.........

    ResponderExcluir

O Ae mudou de casa! Todos os posts do blog foram migrados para o site. Por favor busque por este post no site e deixe o seu comentário lá.
Um abraço!
www.autoentusiastas.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...