Google+

17 de abril de 2011

IMUNDÍCIES MECÂNICAS

Manhã de sábado, pulo cedo da cama para tentar terminar um bota-fora iniciado na quarta-feira. Muito além de uma simples faxina, foi uma operação destinada a sumir com o maior número de papéis e tralhas inúteis acumuladas dentro (e fora) de casa ao longo dos anos. Uma infinidade de pequenas peças de carros, peças de bicicletas, ferramentas enferrujadas, materiais de press-release e é claro, muito pó e mofo.

Justo ontem que eu pensei que iria terminar o telefone toca: era o Chico Mahoney, um grande amigo de Campo Mourão que durante muitos anos empesteou as ruas de São Bernardo do Campo com aquela fragrância de gasolina e borracha típica do Charger R/T, seu carro de uso diário durante a época em que morou no ABC paulista. O Mahoney me convocou para um almoço, junto de outros amigos da "velha guarda" entusiástica de São Bernardo do Campo.

Para lembrar os velhos tempos, fomos até o Estaleiro do Romano para ver o que havia de novo por aquelas bandas. Palco da motonáutica na represa Billings, o local é frequentado por 11 em cada 10 veoiteiros da região, todos apaixonados por barcos, carros e motores.

Fomos então recebidos pelo Carlão, um amigo que é dono de um Puma GTB da primeira série que teve seu motor original de Opala substituído por um V-8 small-block há alguns anos. Na mesma época o Carlão achou que a distribuição de massas ainda não estava ideal e decidiu recuar um pouco o motor, obtendo ótimos resultados.

Só que agora a brincadeira começou a ficar mais séria: big-block Chevrolet de 7,4 litros (o famoso 454 V-8), ainda cru, mas que em breve receberá um belo trato. E nada de carburador: todo o hardware da injeção eletrônica Volvo Penta será mantido.

O câmbio é Eaton de cinco marchas, com quarta prise direta e quinta multiplicada, vindo dos Stock Car. de câmbio dianteiro e diferencial traseiro (hoje é um transeixo traseiro) A traseira ainda depende do septuagenário Dana 44, mas um sonho antigo do Carlão é instalar uma suspensão traseira independente, doada por um Mercedes C208/A208.

Nada que um pouco mais de dedicação e dinheiro não sejam capazes de resolver, para que se tenha a imensa satisfação de guiar um carro de rua (e não de pista) capaz de assustar muito carro mais novo por aí. As fotos abaixo ilustram bem como o motorzão ficou bem recuado.


Outra imundície mecânica que ele adora são os pequenos (e nervosos) Fiat 850, em especial nas versões Sport Coupé. Ele acabou de retornar da Argentina com algumas pecinhas para esses carrinhos, que são praticamente impossíveis de serem encontradas por aqui.

Como são poucas as referências sobre esses Fiats no Brasil, o Carlão acabou se tornando um especialista no assunto, de tal forma que praticamente todo e qualquer aventureiro que se atrever a mexer em um deles vai acabar trombando com ele. Trata-se de um bichinho interessante, disposto a girar mais de 6.000 rotações por minuto já na década de 1960, mesmo com comando de válvulas no bloco.

E pra finalizar, outra imundície que eu conheço há anos e nunca vi andar: chassi motor central de Ranger V-6, acoplado a um transeixo, com molas semi-elípticas transversais e freios a disco nas quatro rodas. Eu sei que ele faz par com uma carroceria de Willys Interlagos, mas não sei se o Carlão terá coragem de colocar essa barata para rodar.

Curioso para saber o que é aquilo na primeira foto? Trata-se de uma brincadeira feita para atiçar os admiradores da Ford: um Maverick de dois cilindros. O pequeno motorzinho Jowett de cilindros opostos estava jogado num canto, o Maverick sem motor jogado no outro, alguém teve a ideia de juntar os dois para criar o primeiro Maverick "um-ponto-zero" do mundo.

Coisas de quem tem tralhas (e tempo) sobrando.

FB

27 comentários:

  1. Bitu
    Esse 7,4 não fica pesado demais no carro?

    ResponderExcluir
  2. Leonardo

    Acredito que sim, mas dois cabeçotes em alumínio ajudam a aliviar um pouco a barra.

    FB

    ResponderExcluir
  3. vi um chassis de puma onde foi adaptada uma suspensão traseira de omega, mais barata ,facil de achar e principalmente de manutençaõ mais em conta. não é tão resistente quanto a da mercedes mas compensa no custo,o diferencial pode ser os do omega stock, boa sorte com seu puma.

    ResponderExcluir
  4. Bacana é a disposição pra encarar desafio. Isso separa os "homi dos minino"....

    ResponderExcluir
  5. Esse é o tipo de imundície que eu admiro!

    Maran

    ResponderExcluir
  6. Que legal esse puma!!!! To num rumo semelhante "carro e motor eu tenho...so falta a mão na massa) Mas me diga uma coisa qual e a sua suspensão dianteira? Ainda as do opala com suas longarinas soldadas no chassis??

    ResponderExcluir
  7. Bruno Moreno17/04/11 20:13

    Ontem quando estava rebocando a minha pickup o cara do reboque disse que comprou de uma concessionária GM que havia dfechado, um motor de opala 6 cilindros zero e nunca rodou com ele até hoje, comprou no cavalete.

    O cara me disse que comprou aquele motor por que na epoca tinha um maverick 4 cilindros e queria adaptar o motor 6 cilindros do opala nele.

    Achei a idéia ridicula, mas não critiquei muito para não ser deselegante.

    Hoje me deparo no AE com um inusitado maverick de 2 cilindros e "1.0".

    Como as coisas são... Escuto um absurdo ontem a noite e leio um absurdo hoje (não é uma critica a postagem não ok). hehehehe.

    ResponderExcluir
  8. Bitu, acho que já nos encontramos alguma vez e não sabemos. Tinha uma época que eu ia todos os dias no Romano e no Carlão, pois o Maia (pintor, vc deve conhecer) já pintou uns 2 carros para mim. Assim como o Alaor, que vc tbm deve conhecer...
    Vamos marcar alguma coisa um dia desses.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  9. Dizem as lendas que o Maveco era tão pesado que mesmo de V8 não andava mais que um Opala SS (óbvio, carros originais). Agora ficou a curiosidade de como anda, se é que anda um Maverick com esse motorzinho aí.

    ResponderExcluir
  10. O puma com o small block, cabeçotes em alumínio e susp traseira recuada eu aceito de bom grado...hehehehe

    ou então o fitinho montado e pronto pra guerra!!! hehehehe

    Pena que sai proibitivamente caro pra mim uma brincadeira dessa.

    ResponderExcluir
  11. Kevin de La Nóia17/04/11 22:12

    Meu Deus, cada encrenca!

    Vamos ver se antes do apocalipse ele coloca pelo menos um deles para rodar né...

    ResponderExcluir
  12. Oi Bitu

    Opa ! Diz aí onde fica o Estaleiro do Romano? Sou da região tb e tenho um Opala com um ex-Mercruiser instalado pelo Ogro do Cerrado...

    Abraço

    EZ

    ResponderExcluir
  13. FB,

    até onde sei, a suspensão traseira da Mercedes C208/A208 é a mesma da W202, não? essa tem em maiores números por aí... se for a mesma, ele pode procurar por aí e achar mais fácil...

    ResponderExcluir
  14. "O puma com o small block, cabeçotes em alumínio e susp traseira recuada eu aceito de bom grado...hehehehe"

    Isso é o que dá ver TV e digitar ao mesmo tempo...hehehehe

    Suspensão traseira independente e não recuada!!! hehehe

    Herrar é U-mano...

    ResponderExcluir
  15. Luciano

    Conheço todos os doentes daquela área: Alaor, Maia, Daniel, Isaac, etc.

    Faz um tempinho que não vejo o Maia, na última vez que o vi ele estava pintando um Chevelle muito legal.

    Depois que o Isaac mudou pra Santo André eu passei a frequentar bem menos o estaleiro do Romano, o Carlão até me deu umas broncas. Mas assim que eu puder volto a frequentar todo final de semana.

    FB

    ResponderExcluir
  16. EZ

    O estaleiro do Romano fica na rua do Motel Ilha de Capri (Estrada Martim Afonso de Souza).

    Não tem erro: basta sair no Km 28 da Anchieta, pouco antes da represa.

    O Ogro do cerrado disse que conhece esses imundos do Riacho Grande. Não tem jeito, V8 é doença.

    FB

    ResponderExcluir
  17. Palandi

    Não sei dizer, só sei que é um negócio parrudo, todo em alumínio, coisa bonita de se ver.

    Faz um tempão que está lá encostado, só resta saber se ele aguenta bem o torque do 454.

    FB

    ResponderExcluir
  18. Interessante. Só espero que essa Puma nao fique guardada em cavaletes.

    Carro tem que andar. Pelo menos em Track Day ( Aproveitando tem Track Day Cascavel essa semana )

    A barra de direção é o menor dos problemas. Basta um ajuste com cruzetas GM (vectra por ex) que o coletor de escape fica perfeito. Nem precisa emendar com fita crepe como no alguma coia hot hods da "Dizcoveri chanel"...

    ResponderExcluir
  19. Alias, é isso que ele vai fazer com a barra de direção???

    ResponderExcluir
  20. Bom saber que existem seguidores do ogro do cerrado nestas terras paulistas.

    Incrível como foi possível montar o mastodôntico 454 bastante recuado no Puma. O motor ficou praticamente entreeixos. Imagino o poder de aceleração que esse bruto terá...

    ResponderExcluir
  21. Inveja de vcs,aqui no rio , o maximo que se vê nos encontros de carros antigos, que frequento pois tenho uma147,placa preta, são alguns mvericks,opalas e santa matilde bem mexidos , mas nada nesse nivel.

    ResponderExcluir
  22. Que mal te pergunte, B2, mas quanto sai um small block instalado em um opala véio de guerra?

    ResponderExcluir
  23. Hehe, quando eu li a ultima frase do texto logo lembrei das minhas "montagens" que fazia (e ainda faço) com minhas bicicletas. Tem peça espalhada pela casa toda ^^!

    Me fez lembrar também de uma história que meu pai conta de quando era mais novo: ele tinha um Karmann Ghia que foi praticamente todo refeito usando peças do ferro velho do até então recém cunhado Genaro. Era a sensação da época. Meu pai contando eu ficava imaginando como era, e hoje se lamenta de ter vendido o Karmann. Mas se ele não tivesse vendido o carro ele não teria se casado com minha mãe e eu não estaria aqui pra contar isso ^^!

    Abs
    Kiko Molinari - http://carrosrarosbr.blogspot.com

    ResponderExcluir
  24. Alexandre - BH -20/04/11 03:50

    Já vi Landau rodando (se arrastando) com o quatro canecos do Opala. Mas Maveco 'um ponto zero'... Coloca logo um 'Sistema Flintstones de Tração' que fica tudo certo! Rsrsrs!

    ResponderExcluir
  25. bicha pobre24/04/11 03:38

    Gente, o carro tem o motor todo vermelhor, adorei!!!! *_*

    ResponderExcluir
  26. Ola tem mais fotos da gtb??? Tem mais informação da gtb com o small block??
    Abração

    ResponderExcluir
  27. Qual a caixa de macha acoplada ao motor v-6?
    Altino Farias

    ResponderExcluir

Olá AUTOentusiasta, seu comentário é sempre bem-vindo! De preferência, identifique-se ao comentar.
Atenção: comentários contendo ofensas pessoais, a marcas, a fabricantes isoladamente e/ou em conjunto, a nacionalidade de veículos, bem como questionando práticas comerciais lícitas e margens de lucro aceitáveis nas quais este blog não interfere, bem como o uso de palavras de baixo calão e a exposição de outros leitores ao ridículo, não serão publicados. O AUTOentusiastas se reserva o direito de editar os comentários sem declinar motivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...