Google+

16 de abril de 2011

JETTA VARIANT VENDE POUCO. MISTÉRIO

Fotos: Divulgação fabricante


Sabe aquele carro que você gosta só de ver e gosta mais ainda quando anda? Pois esse carro é a Jetta Variant. Eu diria que é a síntese do carro alemão, do carro só poderia ter sido desenhado por alemães. Tem jeito de carro alemão até no cheiro. Custa 86 mil reais, mas com todos os opcionais chega 103.125, mais 17.125 reais.

Esses opcionais são assistente de estacionamento com câmera para a traseira, conexão para iPod, faróis alto e baixo de xenônio direcionais, módulo tecnológico (sensor de chuva, espelho fotocrômico, acendimento automático de faróis), teto solar panorâmico (chega ao banco traseiro) e volante multifuncional com borboletas. Cor metálica, mais mil reais; perolizada – só uma, preto Mystic – 1.500 reais. Um pouco caro, se considerarmos que vem do México e chega aqui sem recolher imposto de importação. Mas o recheio e o visual logo deixam claro que vale a pena.

O teto solar panorâmico opcional

A Jetta Variant já tem um ano de mercado brasileiro e, inacreditavelmente, está longe de ser uma campeã de vendas, com média de duzentas unidades vendidas por mês. Difícil de entender. O brasileiro está é comprando utilitários esporte. Mais difícill de entender ainda.

O potente e suave 2.5-litros de cinco cilindros

O motor da Jetta Variant é um brilhante cinco-cilindros transversal de 2,5 litros, que chamo de "5=6" pela suavidade típica dos “salsichas” de seis cilindros em linha, impossível de não cativar. Entrega 170 cv a 5.700 rpm associado a um torque de 24,5 mkgf a 4.250 rpm. Com massa de 1.477 kg são 8,7 kg/cv, o que dá à Jetta Variant aceleração 0-100 km/h em 8,9 segundos e a habilita a frequentar o Clube dos 200, com 205 km/h de velocidade máxima. O corte de rotação é a 6.700 rpm.

O motor está muito bem casado com o primoroso câmbio automático epicíclico de seis marchas, com função tiptronic e modo S de troca automática, nesse caso a sexta ficando fora de ação e as trocas ascendentes ocorrendo em rotação mais alta, com bloqueio antecipado do conversor de torque. É um 5+E, só que automático. O funcionamento do câmbio Aisin, japonês, e que pertence à Toyota, é tal que se pode esquecer a alavanca seletora em Drive, ele faz sozinho tudo o que se precisa. O conjunto motor-câmbio é um destaque em si mesmo.

O simples e elegante pedestal com alavanca seletora

O carro todo, acabamento, instrumentos, limpador escondido quando desligado, bancos, volante de direção de 37 centímetros,  está tudo como deve ser. A leitura dos vários dados do computador de bordo permite escolher velocímetro digital, essencial nesse tempo de caça aos motoristas pelos órgãos de trânsito. Tudo lido no mostrador bem à frente do motorista, entre os dois instrumentos circulares principais, com conta-giros no lado esquerdo, como prefiro.

Interior prático e germânico, típico da marca

O rodar mostra acerto de calibração, nem duro nem macio demais, no ponto certo. A tração dianteira está “oculta”, dificilmente se nota que as rodas motrizes são as dianteiras. Há controle de estabilidade e tração desligável e bloqueio do diferencial pelo freio. A suspensão segue o Golf VI, com McPherson na frente e multibraço atrás, com barra estabilizadora nos dois eixos..

A Variant aceita ser dirigida com vigor e passa toda a  sensação de segurança que realmente oferece. Os freios com ABS são evidentemente de geração avançada e bem menos “enganados” pelo piso irregular típico brasileiro.

A assistência de direção é elétrica e decresce com a velocidade, provendo peso de volante adequado em qualquer situação. E a noite vira dia à frente, com os faróis de descarga de gás xenônio alto/baixo e direcionais.

A posição de dirigir é germânica e os espelhos externos, com repetidoras dos indicadores de direção, são convexos, sendo o espelho interno bem largo, o que facilita as consultas ao tráfego à retaguarda. Há faróis e luz traseira de neblina. O pé esquerdo dispõe de uma verdadeira “prancha", tão largo que é o apoio.

Os pneus são algo exagerados, mas é exigência do mercado brasileiro: 225/45R17 com rodas de 7 polegadas de tala. Nos Estados Unidos, onde também chega do México, como Jetta SportWagen, sai de série com 205/55R16, embora sejam disponíveis  opcionalmente medidas maiores com rodas de até 18 polegadas..

As dimensões da Jetta Variant são contidas, com 4.534 x 1.781 x 1.452 mm (comprimento, largura e altura) e apenas 2.574 mm entre eixos, mesmo assim proporcionando razoável espaço no banco traseiro. O compartimento de bagagem acomoda bons 505 litros VDA.

Bancos de couro bege, toque de requinta
A dotação de itens de série é expressiva. Começando pelo rádio com tela sensível ao toque com recurso MP3, mais a antena de teto tipo tubarão na traseira. A sintonia de emissoras tanto pode ser por pré-seleção tocando na tela, quanto por botão giratório, à moda antiga, nada havendo melhor do que isso. São dez alto-falantes e o som é de elevada qualidade. Outro ponto alto é ar-condicionado digital duas-zonas. Há airbags frontais, laterais e de cortina. No banco traseiro, apoio de cabeça e cinto de três pontos para o passageiro do meio. A lista é mesmo extensa. Os bancos são de couro e – aleluia! – podem vir de cor bege além do preto-preferência-nacional. Falta mesmo, só a ausência da faixa degradê na parte superior do para-brisa.


O consumidor brasileiro não sabe o que está perdendo.

BS

103 comentários:

  1. Nos EUA, a imprensa especializada dizia que o Jetta de quinta geração (para nós, até 2011) era o carro para quem queria andar de BMW e não podia.
    Em julho de 2008, troquei meu BMW 328i ano 99 por um Jetta sedã zero. E digo para quem quiser ouvir: quem anda de Jetta não precisa de BMW!

    ResponderExcluir
  2. Realmente uma senhora perua. Nessa faixa de preços ela concorre com Malibu, que também não é um sucesso de vendas, algumas SUV, que não oferecam lá muita vantagem, um apagado Honda Accord e lá uma meia dúzia de coreanos sem graça. Talvez o que esteja fazendo falta sejam uma boa propaganda e algum empenho das concessionárias mesmo.

    ResponderExcluir
  3. Não vende por ter preço irreal ao extremo. 50-60 mil dólares? Por 20 mil reais a menos estaria em acordo com os preços inflacionados praticados no Brasil.

    ResponderExcluir
  4. Podia vender mais...se tivesse para vender...
    tenta comprar uma...ano passado fui comprar uma e tinha fila de espera de 3 a 4 meses...acabei levando um Passat Variant.
    E convenhamos, tá um pouco caro para o que oferece... é quase preço de BMW, que paga 35% de imposto de importação. E tem VW escrito no volante.

    ResponderExcluir
  5. Homem-Baile,
    Tá cara? Olha a concorrência um pouco e depois volta cá pra comentar...

    ResponderExcluir
  6. É cara sim e a manutenção mais ainda.

    ResponderExcluir
  7. Tenho um BMW 328 Touring ano 1997. Recentemente fiquei um mês com uma Jetta Variant, e adorei.Concordo com o Bob em tudo. A única ressalva que posso fazer em relação ao Jetta é que, na estrada, os 20 cavalos a mais e os 80 kg menos do BMW (que também é mais curto, estreito e baixo, e com entreeixos 13 cm maior) fazem alguma diferença, claro. Mas na impossibilidade financeira de comprar um BMW Touring mais novo, a Jetta Variant substituiria bem meu BMW. E mais: meu carro tem pneus 205/60 r15 que julgo bem mais adequados para nossa realidade que os belos 225/40 r17 da Variant, mais "asperos" e sujeitos a aquaplanar.

    ResponderExcluir
  8. Sr Bob, com todo o respeito, o carro pode até ser bom (ou ótimo) mas pouca gente se aventura a pagar os pedidos 80 mil reais para ficar nas mãos das "ótimas" concessionárias VW que mal sabem cuidar de Gol. Além disso, parte da imprensa "especializada" vem martelando a idéia de que não há mais espaço no mercado para as peruas (argumento que um dono de revenda usaria sem o menor pudor para pagar uma mixaria num carro desses).

    ResponderExcluir
  9. Caio Cavalcante16/04/11 18:35

    Bob,
    Você resumiu perfeitamente: a Jetta Variant é o carro que você gosta só de ver e gosta mais ainda quando anda. Sou fã dela. Na estrada é empolgante, e na cidade proporciona muito conforto. Pode ser cara, mas na sua faixa de preço dá um banho em utilitários: acabamento, equipamentos, qualidade de manufatura, suavidade de movimento, comportamento dinâmico. Brasileiro não sabe realmente o que está perdendo! Negociei a compra de uma ano passado para a minha sogra, que por sorte abomina esse modismo de carro alto (ela é suiça, talvez esteja aí o segredo). Para mim, até a sua faixa de mercado não há carro superior.

    Cheguei a comentar com você a disposição do câmbio de reduzir marchas ao menor aumento de pressão no acelerador. Fiz o que você me recomendou, e realmente o câmbio é bastante adaptativo. Mas na cidade, não tem jeito.

    Agora Bob, ficou devendo fotos do modelo atual.

    O Best Cars avaliou uma durante um mês, todos adoraram, inclusive dizendo que compensa, sim, no lugar de um utilitário.

    Dica: quem for ver o Jetta, não deixe de ver a Variant também, pois
    o acabamento é levemente superior e ela conta com mais ítens de série, coisa pouca mas alguns interessantes.

    Grande abraço

    ResponderExcluir
  10. Carlos Eduardo16/04/11 18:43

    É um carro excelente, eu só sinto falta da opção de cambio manual aqui no Brasil, em outros países tem essa opção.

    Assim como agora não teremos mais o Jetta sedan 2.5, em outros países eles tem essa configuração, inclusive com cambio manual.

    ResponderExcluir
  11. Olha, quem procura perua estará muito bem atendido por um Grand Tour 2.0 16V 08/09 em torno de R$ 40k.

    É claro que não pretendo compArar os dois modelos... Mas, o
    custo X benefício compensa..

    O que acham?

    ResponderExcluir
  12. Preço...

    O motivo é esse!!!

    Não adiante dizer que brasileiro gosta de 1.0... o problema é que o brasileiro não tem dinheiro para poder comprar um carro melhor (eu sou um deles).

    É tudo difícil demais e caro demais e muito sofrido que cada opcionalzinho aumenta e muito o preço final do carro... que não dá.

    É seguro, Ipva, matrícula, plano de saúde, desconto sindical, IR, IPTU, que o que sobra é muito pouco...

    Desculpem o desabafo

    ResponderExcluir
  13. Não seria revoltante se o brasileiro deixasse de comprar peruas e comprasse sedãs, e, apesar do preço ser sim alto, é um carro e acima de tudo uma compra digna, inteligente e honesta! O Bob disse tudo que se poderia dizer, o brasileiro, QUE COMPRA CARRO POR PESO E/OU METRO, não sabe o que está perdendo! E olhe para ela, é linda e nervosa! Olhem para um SUV oriental...É gordo, alto e feito para inflar o ego de quem os dirige. Não sei como, pois o meu ego ficaria inflado de andar numa dessas, não num Tucson (eka, essa palavra me enoja de verdade)



    Renan Veronezzi

    ResponderExcluir
  14. Realmente, a Grand Tour é uma lida perua. Não dá pra comparar com a Variant, mas o custo-benefício é melhor.

    ResponderExcluir
  15. Eu creio que a faixa da população que hoje, dominantemente, pode comprar um carro desses, ainda precia provar aos vizinhos que pode ter um carro de tal valor. Talvez por ter ascendido socialmente recentemente, e possuir limitada educação, em sua maioria. Então muitas vezes essa nova classe média prefere comprar um carro que a elevará ao status que desejam, e um carro discreto como o Jetta talvez não seja no entendimento desses bolsos abastados a melhor pedida. Acho até que essa faixa de preço aí é crítica, a dos 80-100 mil reais, por que as pessoas preferem esperar um pouquinho para comprar uma Hilux, que pelo menos aqui na minha região é sinônimo de status. Não digo isso com orgulho não, heim?! Queria dizer a eles que picape é carro de trabalho! Acho isso um desperdício, mas é o que vejo por aqui. O brasileiro não gosta muito de gastar suas ábuas em sedãs/peruas não...

    Augusto Filho

    ResponderExcluir
  16. A verdade é que 95% das pessoas que tem $$$$ pra comprar carro na casa dos R$ 90.000,00 está mais preocupada em se mostrar do que em fazer uma boa compra.
    Observem esses SUVs. Estão sempre impecavelmente limpos. Nunca viram uma lama pela frente. A maioria que compra SUV não sabe nem pra que serve a traçaõ 4x4.

    E o Tallwang falou tudo. Comprar carro no Brasil é caro demais. Eu tenho um clio 2006 e acho um absurdo o preço da manutenção, IPVA, combustível (é flex), peças...Imagina se fosse um carro bem mais caro.

    ResponderExcluir
  17. Ela tem quase a mesma quantidade de torque do que um Honda NSX ( 29 kgfm a 5700 RPM), mas seus 24,5 mkgf vem mais cedo, em 4.250 rpm. Tá, um NSX é um super carro inteirinho em alumínio e tem 273 cavalos, num V6 de 3 litros, mas essa perua é realmente coisa de primeira! Só as rodas que realmente são exageradas, 17 polegadas, caramba (!), esse carro não é familiar? O NSX por exemplo usava 16 polegadas atrás e 15 na frente.


    Renan Veronezzi

    ResponderExcluir
  18. Feiipe
    Carro no Brasil é mesmo absurdamente caro. Ali ao lado, na Argentina, é outra conversa.

    ResponderExcluir
  19. Augusto
    Brasileiro compra carro 90% no emoional, 10% no racional. Daí o sumiço das station wagons e a ascensão dos utilitários. Agora, vá ver na Alemanha...

    ResponderExcluir
  20. Carlo Eduardo
    Não adianta, câmbio automático virou status, conjugado com medo de ser difícil vender carro com caixa manual. Estamos na gersonlândia, não se esqueça.

    ResponderExcluir
  21. Nicolas
    Sem dúvida que a Grand Tour é excelente, já disse isso no AE, mas a Jetta é indiscutivelmente superior.

    ResponderExcluir
  22. Caio Cavalcante16/04/11 20:43

    Os pneus escolhidos tem um grande inconveniente: a mordida no bolso caso tenham que ser substituídos. O que não é raro com o nosso pavimento.

    ResponderExcluir
  23. Escolher um sedã e não uma perua,não entendo.Pois ao meu ver um veículo deve ser o mais versátil possível.
    Agora não comprar esse caríssimo carro e optar por um suv, eu entendo. Pois um suv passa melhor por buracos e lombadas, e é isso que a maioria quer, deixando em segundo plano as melhores características dinâmicas que outros tipos de carros tem.
    O valor desse jetta está próximo ao do Tiguan.

    ResponderExcluir
  24. Concordo com o Marcelo, não vejo sentido em preferir um sedã quando a perua é muito mais prática (e geralmente mais bonita, no meu gosto).
    Essa perua Jetta é um carro que vejo com simpatia, mas infelizmente o preço está acima do que deveria... quem sabe uma usadinha daqui uns 2 ou três anos.
    Gostaria de saber também como vai ficar a perua com a recente atualização do sedã. Vão continuar importando essa 2.5?

    ResponderExcluir
  25. Seria até um carro atrativo, se chegassemos até ele de olhos vendados, entrássemos, e saíssemos dirigindo, olhando só para fora, porque até dentro é horrível.

    ResponderExcluir
  26. Ao final do texto achei que estaria escrito: "Acabo de comprar o meu"

    Bela avaliação

    ResponderExcluir
  27. Felipe, vc falou de SUV limpo, e realmente, a gente vê muito por aí, parece uma incoerencia realmente. Nao sei se a Frontier é um SUV, mas eu sempre gostei dos comerciais da Nissan porque mostra uma picape bem suja e agressiva. Sempre que eu vejo um comercial de um carro limpinho com aquelas musiquinhas manjadas, eu fico querendo que apareça uma frontier pra jogar barro neles. :)

    ResponderExcluir
  28. Maior defeito: ter VW escrito no volante!!

    ResponderExcluir
  29. Ao q. tudo indica,quem gostou e quer ter uma destas gracinhas, pode tirar o cavalinho da chuva. É só dar uma espiada por aí e ver o Jetta capado e cevado q. a VW resolveu mandar do México para o nosso nunca assaz respeitado mercado.
    Motor 5 cilindros? esquece; suspensão traseiraa multibraço? esquece; acabamento interno padrão europeu? esquece...Quer andar um pouco mais do q. permite o venerando ancião 2.0 aspirado (só com transmissão automática!), tudobem: fique com 2.0TSI(turbo) de 200 cavalos e pague quase o preço de uma (importada da ALEMANHA) Mercedes C180.Por um carro q. quase me deixa com saudades do Santanão. Limitado? Pode ser, mas qualquer chimpanzé ensinado consertava quando(e se) encrencasse.
    É a lama, é a lama...
    abs a todos

    ResponderExcluir
  30. Eurico Jr.17/04/11 01:27

    Bob,

    Mais um "singelo" detalhe desse excepcional carro: o motor V10 do Lamborghini Gallardo e do Audi RS8 é baseado nesse cinco cilindros do Jetta Variant. Precisa dizer mais alguma coisa?

    ResponderExcluir
  31. Por anos ter um carro zero foi o grande desejo das pessoas. Hoje, com a melhora do nosso poder aquisitivo boa parte dessas pessoas puderam comprar o seu bólido.
    No nosso mercado fechado, a maior demonstração de ascenção social era possuir uma caminhonete, seja D-20 ou F-1000, sempre cabinada.
    Acho que isso explica um pouco essa onda de SUV.
    Não tenho fazenda, nem tenho vontade de ter. Não faço trilha, nem carrego tralha pra vizinho, nem gosto de chamar a atenção, pois pra isso já me basta o meu 1,90 de altura então pra que preciso ter um SUV ou um picape?
    Uma minivan como a finada Scenic já tá de bom tamanho.

    ResponderExcluir
  32. Tive o prazer no início deste ano de dirigir o markVI por mais de 1200km, cruzando várias cidades de Portugal e achei esse carro o máximo. Peca em pouquíssimas coisas e andar a 170km/h é como se estivesse a 110. Na Italia, em seguida, dirigi mais uns outros 1200km de Roma a Milão, engordando o traço, passando por Mestre, perto de Veneza, com um Megane Tourer, o modelo novo, do qual o Fluence nem chega perto, e posso até dizer, o Golf Variant mkVI é MUITO MAIS CARRO que o Megane. Inacreditável! Mas o Megane tb é um bom carro, só leva muitos plásticos duros e vibra bem mais na estrada, embora o 1,5 DCI tivesse bom fôlego.

    ResponderExcluir
  33. Bob, parabéns pela matéria.Seus textos são sempre completos. O problema é que o Jetta sedan tem um motor 2.0 turbo com torque máximo já às 1700 rpm.Isto torna o sedan mais vantajoso. lembremos que por 10 mil a mais compramos um BMW serie 1 sero.
    O Prêmio Pulitzer é um prêmio americano outorgado a pessoas que realizem trabalhos de excelência na área do jornalismo, literatura e música. Fosse Bob Sharp, americano, teria ganho alguns.

    ResponderExcluir
  34. Ewerton, esse bmw x1 18i perdeu em retomada de velocidade de uma peugeot partner.Dá pra acreditar?Esse X1 18i é mais um carro sem lógica.

    ResponderExcluir
  35. Everton
    Certamente que 2.0 turbo é torcudo, mas a suavidade do cinco-cilindros dá enorme prazer de dirigir. Entre os dois motores, fico com o do Jetta Variant, mesmo sendo apreciador de motores turbo. O BMW Série 1 é bem apertado no banco traseiro, embora tenha qualidades dinâmicas excelentes.

    ResponderExcluir
  36. Arruda,
    A grande vantagem das peruas sobre os sedãs dos quais derivam, além de mais versáteis para transportar volumes maiores, é oferecer aos passageiros do banco traseiro maior proteção contra o sol, sendo um espaço bastante confortável especialmente nas viagens. Sim, continua a importação normalmente.

    ResponderExcluir
  37. E pensar que ainda tem gente que compra Corolla Altis pelo mesmo preço... nessa faixa eu gosto do Azera, mas aí pelo menos dá uma briga.

    ResponderExcluir
  38. Bob,
    já consultei: um tapa "eletronico" neste motor, pelo menos em oficina especializada aqui de SP, o leva a 190cv, e torque ganha 2mkgf...tentador hein?
    ta entre os primeiros da lista p meu próximo carro...
    abraços
    B

    ResponderExcluir
  39. É a síndrome da garagem, aquela que faz o cara precisar do carro mais alto na garagem do prédio, pra todos perguntarem: de quem aquele carro, o mais alto?
    Mas me conforta em saber que isso não é exclusivo no Brasil, pois aqui na Inglaterra, acredito (pelo que vejo nas ruas) que um dos carros mais vendidos é o Nissan Juke. Deveria se chamar joke.
    Quanto a Jetta, carro fantástico, e a minha preferência por peruas só faz aumentar o desejo de possuir uma.
    O preço é bem alto realmente, mas comparado ao que existe no Brasil, esta condizente.
    Cheguei à conclusão que não é cara, sou eu que não tenho dinheiro.

    ResponderExcluir
  40. Ao que eu me lembro, a Jetta Variant começou custando R$88 mil, está cara demais.

    ResponderExcluir
  41. Bob,

    Muito obrigado por mais uma avaliação excelente, precisa.
    Por favor gostaria que comparasse brevemente a Variant com o Novo Jetta TSI.
    Há gente dizendo que o Novo Jetta (mesmo o TSI) é inferior ao antecessor em diversos aspectos.
    Procede?

    Obrigado & Abraços,
    Fernando Silva

    ResponderExcluir
  42. Bruno Souza17/04/11 20:15

    Esses pneus de 101 mm não resitem a São Paulo. Meu Fit com 101 também (185/55/R16) só evita bolhas usando muita pressão a mais que o recomendado. Como brasileiro não calibra pneus, e quando calibra é a bitolação dos "28 libra", tem muita gente virando sócio da fábrica de pneus: http://www2.uol.com.br/bestcars/mes/vw-jetta-variant-relato6.htm

    ResponderExcluir
  43. Caro marcelo, realmente o serie 1 tem um motor fraquinho. Perdeu do francês na retomada. A BMW trocará por outro turbo com injeção direta em 2012.mas vc tira a diferença nas curvas... e é um BMW.abs,
    Gosto das peruas. Tenho uma Fielder 2006 A/T. Muito bom carro. E o pós venda da Guebor em salvador , melhor ainda. Pretendo trocar de carro em 2012. Me animou este texto do Bob, fiquei impressionado com o que escreveu sobre a variant.Porque a vw não tem o pós venda da toyota?Sei disso pq antes da Fielder tinha um golf 2004, com o qual fiquei 3 anos. Meu carro tem 120 mil , nunca ninguém na Guebor ( conc. toyota salvador ) quis me empurrar descarbonização ou limpeza de bico entre outros.

    ResponderExcluir
  44. Infelizmente, muita gente que ganhou dinheiro ultimamente, principalmente no que eu chamo "interior profundo" do Brasil, embora nas cidades maiores também, vê os grandes SUV's como expressão de sucesso: Hillux, Frontier...As peruas não tem esse status. Ainda falta, e muito, educação e cultura ao brasileiro. O brasileiro médio é ignorante e presunçoso em sua grande parte.

    Ricardo

    ResponderExcluir
  45. Jetta e Parati não vendem por um motivo simples: Preço. São extremamente caras. E o seguro? Quanto é?

    Existem outros detalhes como a porcaria do interior da Parati G4.
    E o posicionamento do 5cilindros da Jetta. O segundo da para fazer vistas grossas.

    E pensar que o Jetta era concorrente do Voyage.

    ResponderExcluir
  46. Concordo, aqui no Brasil compra racional é excessão, não regra. Esses SUVs são mesmo uma prova disso. Qualquer um que pode, quer ostentar um monstro de 2ton, o uso nem mesmo é considerado.

    ResponderExcluir
  47. Por que ela não vende? 1. Tem que considerar que a traseira dessa Jetta Variant é bem desprovida de harmonia, dando a impressão de um carro datado. 2. Claro que as autorizadas VW preferem vender o Jetta sedan, menos tempo encalhado, o consumidor vai na onda.

    ResponderExcluir
  48. Henrique Lopes18/04/11 15:44

    Qual é a exigência do mercado brasileiro quanto as esses pneus?
    Esse é um carro que merecia além de um post, um vídeo dele em ação. Sei que é bem trabalhoso, mas enriqueceria e muito o contéudo do AE.

    ResponderExcluir
  49. Também não entendo o porque das peruas não venderem mais em nosso mercado. Na Europa vê-se tanto peruas quanto minivans em profusão.

    Eu não compro o Jetta Variant por um único motivo: ainda não cabe no orçamento, faço até "vista grossa" pro câmbio automático...

    ResponderExcluir
  50. Concordo em genero, numero e grau com o Bob. E ainda digo mais: Na categoria, não há carro tão SEGURO como o Jetta, sendo esse inclusive o critério que nos levou a trazer uma igualzinha à que ilustra a matéria pra casa.

    Aos órfãos da Toyota Fielder: Experimentem o Jetta Variant que jamais olharão de volta pra sua querida Toyota.

    []'s!

    ResponderExcluir
  51. Vou confirmar para voçes: ela so nao vende mais, porque nao tem marketing e enpenho das concessionárias.
    Onde morro aqui em Toledo Paraná, nunca tiveram uma exposta. Quando levei a minha para revisao 10km, (que comprei em sc há 6meses atras)teve um vendedor que veio falar comigo que nunca tinha visto uma e notei que nao entendia quase nada sobre o carro. Como que vao vender entao?

    Para quem esta querendo adquirí-la posso dizer o seguinte: é FANTÁSTICA, motor demais e muuuito diferente de tudo que tem nesta faixa de preço. Muito prazer de dirijir. Ronco suave e grito nervoso e metálico quando se pisa fundo. Espero que a VW nunca aposente este motor.
    Além disso avaliando esta faixa de preço é o carro mais seguro(air bags dianteiros e trazeiros, ESP disco nas quatro com abs,)
    se voçe preferir entre peruas e SUV, apesar de agora ter o 3008.
    Defeitos? falam do cambio um pouco lento, mas eu o acho muito bom com 6 marchas. Espaço para passageiros traseiros é um pouco justo, mas tranquilo para pessoas de 1,80m consumo? na estrada ja fiz ate 13km/l e pizando bem faz 8,5-9km/l, na cidade faz 7-8 se voçe nao pega muito transito e avenidas tranquilas sem muitas paradas,mas se voçe faz trajetos curtos com muito transito e muitas paradas ela faz 5-5,5 km/l.
    Tem um problema que nao imaginei ter antes de compra-la: chama muito atençao, todo mundo olha.
    Além disso, quero deixar bem claro que gosto muito de megane e fielder, mas depois dessa jetta variant com frente nova, acho difícil eu ir de uma SUV.
    Outro detalhe: quem compra carro de 85k nao pode reclamar de manutençao cara ou consumo, né!!!!

    ResponderExcluir
  52. Concordo com o Santa.
    Comprei uma final do ano passado. Levei 3 meses pra receber pq nao tinha nada a pronta entrega. E a falta de mkt mata o carro. O carro 'e sensacional!
    Eu nao troco a minha por um sedan turbo nao. Em varios detalhes ainda 'e superior!


    Voces so poderiam ajeitar as fotos. As externas e internas sao dos modelos ate 2010 (mk 5), a que ja esta a venda a um ano 'e a MK6, frente totalmente diferente e interior muito melhor.

    ResponderExcluir
  53. bicha pobre24/04/11 03:30

    Quando eu for RICA! eu vou comprar esse carro de 86 mil reais!

    Agora eu continuo no meu golzinho 84, hihihi.

    ResponderExcluir
  54. Tenho um destes e concordo com quase tudo o que o Bob escreveu. Somente ele errou ao descrever que a suspensão é ideal. O carro tem uma estabilidade fantástica, mas é duro prá caramba. se passar por uma moeda, dá para ver se é cara ou coroa.

    ResponderExcluir
  55. Estou postando como anônimo por pura preguiça de me cadastrar.
    Meu nome é Jorge e é apenas uma questão de tempo até ser um participante mais ativo deste blog. Parabéns Bob e AK pelos excelentes posts, dentre outros dos outros autores também.
    O que me motivou a escrever foram 2 motivos. O primeiro, por ter voltado a ser um auto entusiasta, coisa que sempre fui, mas que voltou com a força total há pouco tempo, desde que adquiri um Jetta Variant 2010/2011....que carro excelente, tem me proporcionado inúmeros prazeres, como carro nenhum antes...O Bob está certíssimo, quem troca por SUV não sabe o que está perdendo...aliás, até prefiro que venda pouco mesmo, me dá um ar de exclusividade, ainda mais com o interior em couro bege...em 3 meses de uso, só uma vez vi um parecido aqui no RJ, mesmo assim com interior preto.
    O segundo motivo, é para concordar em parte com o post do anônimo acima. Também estranhei no começo a dureza da suspensão em nossas vias esburacadas e o ruído dos pneus esportivos R17 225/45. Testei inúmeras calibragens desde então, de 32 a 35 psi, tendo encontrado uma que considero ideal, 34 em todas as 4. Ando predominantemente sozinho no carro, às vezes acompanhado de um longboard ou SUP no rack. Essa paixão pelo surf é o motivo tb de ser um fã das peruas, são muito versáteis...(sempre fui dono de parati).
    Bom, um abraço a todos e fica a dica para os proprietários: 34 libras nos Michelin Primacy HP R17 225/45 foi a melhor regulagem que encontrei..o carro não bate tanto como disseram, e ainda proporciona conforto.
    Parabéns pelo blog tb!!

    ResponderExcluir
  56. Opa, AK, não, quis dizer PK, me desculpe Paulo!
    Jorge

    ResponderExcluir
  57. Parece que me confundi todo, tem PK e AK....rsrsrsr parabéns para todos os posts de uma maneira geral...que confusão eu fiz ahahaha

    ResponderExcluir
  58. Só aceito 3 críticas a este carro...
    Pós-venda lixo
    Preço Brasil
    Concordo com o comentário sobre a traseira e acho que a VW acertou 1000% na traseira do Passat Variant.

    Mesmo assim o Jetta Variant é um sonho de consumo, mais próximo no caso de um usado, porém ainda inalcançável. Infelizmente...

    Gostei do comentário final do Adalberto... Eu que ganho pouco! O carro vale, tendo em vista seus concorrentes.

    Abs

    ResponderExcluir
  59. Para o Bob e quem puder me ajudar:

    Sou Beatriz, não sei se compro o jetta variant 2010/2011 ou o Sportage..prefiro o jetta, o que vcs acham? tenho uma fielder e adoro o carro, pena que saiu de linha:( quem puder me ajudar escreva para dribeatriz@uol.com.br, obgada:) a configuraçã do jetta que a concessionária me enviou é:

    VW Jetta Variant 2.5 170CV - 2010/2011 - Preto Ninja
    Com os seguintes opcionais:
    3FU - TETO SOLAR ELETRICO PANORAMICO
    P79 - MOD SENSOR DE CHUVA
    WDC - SISTEMA PARK ASSIST
    eu daria minha fielder 2007 com 35.000 km e voltaria R$58.900,00 o que vcs acham, gente eu nao entendo NADA de carro:( mas gostei do Jetta variant:) se precisar vender depois vou perder muito? obgada pela ajuda:) Beatriz

    ResponderExcluir
  60. Beatriz
    Jetta Variant com toda certeza, especialmente você, que teve uma Fielder

    ResponderExcluir
  61. Olá Bob,

    Comprei o Jetta variant hoje e chega em 10 dias:), vc devia receber um presente deles porque o que me fez decidir tb foi ver seu "curriculum" à toda prova quando se fala em carros e claro este post seu aqui:)agora ansiosa para receber o carro:) obgada pela ajuda, abs Beatriz

    ResponderExcluir
  62. Legal Beatriz, excelente compra !! Vi que vc fechou mas o seu comentário sumiu...Tb sou proprietário e posso lhe dizer que são uns 3 meses e meio de pura paixão, ô carro bom!! Seria injustiça nomear uma característica que mais gosto, o carro só tem qualidades...
    Uma dica que te dou: não descuide da calibragem dos pneus, para vc não danificar a roda em algum buraco por aí, o que não é dificil em nossas ruas. Eu uso 34 diariamente.
    Um abraço e felicidades com o novo brinquedo.

    ResponderExcluir
  63. Estou atualmente em dúvida entre essa Jetta 2011 completa, e o novo A3 Sportback. Sei que são propostas diferentes, porém para mim há pontos em comum (preço, desempenho, conforto, pedigree, acabamento, etc.) o suficiente para indecisão.

    Sou fã dos Audi, acabei de vender meu A3 1.8 20V 2006 quase zerado, e quero um alemão. Testei os dois, e o SPBK me assustou com sua aceleração absurda.

    A Variant é mais barata, tem um nível de conforto e um espaço sensacionais, seguro e manutenção mais em conta e maior discrição (hoje em dia não é muito bom chamar atenção...), sem abrir mão do desempenho empolgante. E tb ficou muito elegante com as alterações externas e principalmente internas. Não há dúvida que é uma das melhores relações C-B nessa faixa atualmente, e não deve perder muito valor num futuro próximo.

    Mas Audi é Audi...

    Obrigado e parabéns pela matéria!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Audi é Audi... que inteligência, que primor.

      Pontos em comum: preço, desempenho, conforto, pedigree, acabamento, etc.

      São carros completamente diferentes. É foda ter mais do que precisa e mais foda não saber o que se quer. Coitado.

      Excluir
  64. Allan Caridá11/01/12 12:52

    Pessoal, lí exatamente todos os comentários, agradeço a todos, que me fizeram escolher/comprar a Jetta Variant, estou muito feliz, o carro está sendo faturado hoje, pego sexta-feira 13 de janeiro, espero que esta data me de sorte. Pena que só vou dirigir fim de semana, pois dei o carro pra minha esposa que não entendi nada de carro.

    ResponderExcluir
  65. Parabéns Allan, baita aquisição! Boa sorte com a viatura! Uma das pessoas mais importantes da minha vida nasceu numa sexta-feira 13... Relaxa... hehehe

    ResponderExcluir
  66. Alan,
    azar seu, carro sem graça até as tampas.
    Sugiro usá-lo de olhos fechados, assim voce não fica enjoado com tamanha beleza
    Uauauauauauauauauauauaua.

    Boa sorte você vai ter mesmo quando vender.
    Uauauauauauauauauaua de novo.

    ResponderExcluir
  67. Beatriz, tsc tsc tsc........
    Não entender de carro não quer dizer que não precisa saber diferenciar o belo do horrivel.
    Jetta é demais de horrivel, que pena.

    ResponderExcluir
  68. De volta à célebre frase...
    A INVEJA É UMA MERDA!

    Sofra anônimo!

    ResponderExcluir
  69. ahahaha ele deve andar de Logan, que tem um excelente Custo/benefício e é lindão AHAHAHA INVEJA É UMA MERDA MESMO!

    ResponderExcluir
  70. comprei um ajetta variant 2009 com 20000km. parece um bom carro e ainda tem garantia ate setembro de 2012, como tirei na sinal fizeram a troca de oleo e filtros , a revisão é para 17 de fevereiro 2012 , se não fizer a revisão perde a garantia ???....
    me ajudem com alguma informação ?
    walte r

    ResponderExcluir
  71. leia o livrete de manutenção do seu carro.

    ResponderExcluir
  72. É um Sr. carro!!! Já tive 2 sem problemas, só tem um se não, DESVALORIZAÇÃO, não vale nada na hora da troca, nem a VW valoriza ele, o que é uma pena pois é um dos melhores carroe atualmente.

    ResponderExcluir
  73. Taí! Boa dica de usado!

    ResponderExcluir
  74. Pessoal boa tarde,

    Meu nome é Pedro e também tenho a intenção de comprar um Jetta ou Jetta Variant. O preço do 2.0 Comfortline é aceitável, porém o motor 2.0 8v (motor de Golf) acredito que deixará a desejar quando precisa-lo. Sei tb que existe o Highline turbo, porém sairia do meu orçamento. Por isso pensei na Jetta Variant, que é um carro com um motor sensacional, que além de andar bem, tem um som empolgante, fora que o acabamento é superior ao sedan.
    Meu unico receio é o preço da revenda para daqui uns 3 anos e o consumo de gasolina. Vocês que possuem o carro, poderiam me esclarecer tais pontos!? Dicas e sugestões são muito bem-vindas.
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vai desvalorizar bastante como todo carro grande, completo, caro e sem público comprador. Tenho um 2.5 bebe prá caralho. Quer economia, ganhar dinheiro no carro ou perder pouco, compra Gol/Palio/Uno.

      Excluir
  75. Compre o carro e seja feliz! Pra quem pode comprar um carro desse... com receio de consumo e preço de revenda...
    Ou melhor... Compre um usado e não fomente estes exploradores MOTHER FUCKEEEEERS!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Disse tudo, só não entende quem não quer.

      Excluir
  76. Tenho uma BMW 540 Touring ano 1997, não vou traçar comparativos, pois apesar de serem peruas estão em patamares diferentes. A real é que sempre tive a marca VW apenas como um carro durável, porém muito desconfortável e mau acabado. Meus pais acabaram de comprar um Jetta Sedan, confesso que fiquei surpreendido, temos um Corolla 2006, as comparações são inevitáveis, acho que os japoneses vão ter que melhorar e muito o seu acabamento.

    ResponderExcluir
  77. Boa noite Bob!

    Estou em uma tremenda dúvida, e depois desse seu comentário, fiquei com mais dúvida ainda!! hahaha
    Estou querendo comprar um carro e entre vários fiz o test-drive em um Jetta TSI. Fiquei encantado com a potência e o desemprenho do motor, adorei o carro e esqueci completamente os outros (Lancer, Corolla, Civic). Quando fui as concessionária VW, visualizei a Jetta Variant e achei a mesma linda, porém perguntei a um dos vendedores e ele não fez muita questão de mostrar, como se não tivesse interesse em vender!!! Agora lhe pergunto, qual carro devo escolher? A Jetta Variant, ou o Jetta TSI???? Me ajude a tirar essa grande dúvida. Será que a Jetta Variant empolga tanto quanto o Jetta TSI??? Parabéns pelo blog!! Grande Abraço
    Hudson- Salvador-BA

    ResponderExcluir
  78. Hudson Vaqueiro
    Puxa, me desculpe por não responder. Não sei como deixei passar isso.
    A essa altura você já pode ter decidido qual comprar, mas qualquer tenha sido, fez boa compra. Ambos, Jetta Variant e Jetta Highline TSI, empolgam.
    Abraço

    ResponderExcluir
  79. Bob, boa tarde. Parabéns pela matéria e tenho de concordar com vc o motor/câmbio do jetta é muito bom!
    Tenho um Jetta Sedã 2007/2008 2.5 e considero ele um carro excelente. Estou pensando em trocar de carro e algumas opções (todas de segunda mão) que venho estudando são: Passat (sedã e variant, 2010), Jetta (variant 2010 ou 2011), Mercedes B200 Turbo(2009/2010). Algumas coisas que eu gostaria de melhorar em meu novo veículo (mas mantendo as ótimas qualidades de meu Jetta atual) seriam o consumo (principalmente urbano que é bem alto), pneus de perfil menos agressivo (atuais 225/45 r17) e espaço interno maior principalmente atrás. O Jetta Variant não mudaria muita coisa em relação a estas "deficiências" de meu carro atual mas em compensação manteria as ótimas qualidades e acrescentaria alguma qualidades que também gostaria como teto solar panorâmico e park assist. O que vc acha, em relação aos veículos que citei, manteria as ótimas qualidades do meu jetta sedã e acrescentaria maiores vantagens? E em relação a manutenção, seguro e desvalorização quais deles você acha mais vantajosos? Estou pensando em gastar até uns R$70.000,00 e já encontrei alguns veículos destes a venda.
    Um abraço e obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara... Mete mais uma grana e pega um turbo 0 km... Eu só não fiz isso, porque minha idéia era gastar 55, se fosse 70 não teria dúvida.

      Excluir
    2. Jetta né Laurao... Pow! O sedan...

      Excluir
    3. Jetta turbo... Mais desempenho, melhor rendimento.

      Excluir
    4. Mas acabamento bem inferior... Manteve algumas qualidades(Qualidade de construção, estabilidade, etc.), melhorou outras (espaço interno, desempenho), mas piorou bem no acabamento e alguns itens de conforto e sofisticação (materiais do interior inferiores, pescoço de ganço no porta malas, varetinha p/ segurar capô). Sem contar que não encontro um jetta TSI pelos R$70.000,00 máximos que estou disposto a pagar. Com esta ótima dupla (motor TSI, Câmbio DSG) temos a dupla Passat (Sedan/Variant) o que me preocupa é sua alta desvalorização...

      Excluir
  80. Lauro César Alves
    Veículos de comunicação devem se abster de orientar compra, ou estariam exercendo consultoria, o que fere a ética. Espero que entenda.
    Abraço
    Bob

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok. Então me responde uma outra pergunta, esta de caráter pessoal e subjetivo mesmo: Você já andou/testou nos carros que citei? Gostou? Conte-nos sua experiência com eles (a Jetta Sedã vc já fez...rs).

      Abraço.

      Excluir
  81. Caros; acabei de adquirir uma Variant 11/11 (azul) e minha esposa adquiriu uma Sportage (marrom), no final do ano passado, também 11/11. Em primeiro lugar, longe de dizer que a Sportage é um carro ruim, muito pelo contrário, posso dizer que no principal quesito que nos levou a optar por estes carros, o Jetta leva. Me refiro ao porta-malas. Nossa família aumentou em duas crianças nesses últimos 18 meses, e precisávamos de, ao menos, um, carro maior. Bem, minha primeira opção era a Variant, mas quando fui trocar meu carro numa zero, a ccss Comeri não me levou muito à sério, principalmente quando disse que queria uma azul ou marrom e eles só tinham as mesmas e batidas branca, preto e prata. Descartei a jetta num primeiro momento (outubro) e fui atrás de uma Sportage marrom, geração atual, semi, em ótimo estado. Trocamos o carro da minha esposa na Sportage, mas percebemos que os 740 litros de porta-malas anunciados eram "até" o teto, e mesmo lotando "até o teto", a coisa ficou meio apertada e sobrou coisa pra levar na cabine. Na jetta, a bagagen e traquitanas de criança encaixaram muito melhor, e ainda tem a mesma opção de lotar o carro "até o teto". O desempenho da Sportage é surpreendente para um carro daquele tamanho, com um motor 2.0, que, porvavelmente, deve-se ao baixo peso em comparação com carros menores, mas a Jetta... Meu Deus.... a Jetta é um verdadeiro tesão de dirigir, que carro gostoso... Assim, posso afirmar, quem puder, prefira uma boa perua. Até mesmo a Passat é mais negócio do que comprar uma Sorento 5 lugares, por exemplo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá amigo, acabei de adquirir um Jetta Variant 2012/2012 completa e estou contigo. O Jetta é realmente um terão de dirigir. Tenho uma CRV 2010 também, um excelente carro, mas o Jetta, é outro nível. Acabemento, tecnologia embaraçada, multimídia completo, acho que não existe carro melhor nessa categoria. Deixo aqui um comentário que lí em algum outro posto sobre a Jetta Variant."Se está em dúvida, compre."

      Excluir
  82. Prezados, em 2009 comprei uma Jetta Variant semi-nova, carro perfeito, mas penei para vender, em out/2010 troquei por um Tiguan, semi-novo, com 26.000 e, apesar de bom carro, não se compara com a Jetta Variant. O principal motivo é o motor, ótimo na estrada com o turbo "aberto" e péssimo na cidade, onde para mudar de faixa de rolamento o carro de quase duas tonelada se comporta como um 1.0. Por essas e outras (porta malas ridículo) estou voltando para a Jetta Variant, achei uma 2012 com 7.000 e vou trocar sem precisar por grana em cima. Eu era feliz e não sabia!!! Vou voltar a ser... a Jetta Variant é o melhor carro à venda no Brasil, legítimo DNA alemão (por preço razoável lógico, não estou considerando as Porsche e outros super carros...)

    ResponderExcluir
  83. Bob, aprecio muito seu blog, um dos poucos em que se pode confiar. Gostaria que ajudasse com uma dúvida: penso em pegar um Jetta Comfortline Tiptronic modelo atual. Porém, o motor de 120 cv me parece sem graça. A pergunta é: vale a pena pegar o modelo anterior de 170cv? No que esse modelo atual é melhor do que o anterior.

    Att.

    ResponderExcluir
  84. Eu partiria para o cinco-cilindros de 170 cv sem a menor dúvida, pelos 50 cv a mais. Inclusive, a suspensão traseira é independente multibraço, enquanto no Comfortline é eixo de torção. Não que este Jetta seja ruim, nem mesmo motor de apenas 120 cv, mas o outro é superior.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu, obrigado pela dica! E parabéns pelo blog!!!!! ;)

      Excluir
  85. BOB EU JA TIVE VARIOS GOLF ADOREI O 2.0 O QUE EU TINHA ERA BASTANTE EQUILIBRADO, MEU SONHO SENPRE FOI TER UM JETTA 2.5 ATE QUE CONPREI MELHOR COISA QUE JA FIZ INESPRICAVEL, AGORA TEM UM POBLEMA GOSTO DE CARRO REBAIXADO VC ME ACOSELHARIA DE EU COLOCAR UM ARO 20 E REIBAIXAR UM POUCO?

    ResponderExcluir
  86. Bob

    Eu nao possuo essas contas fora o facebook. Pois bem. Deixe eu te perguntar o que acha. Eu sou fanatico por Mercedes Benz (tenho 2, uma Classe E uma Classe S), e no meu trabalho desde sempre tive problemas ao ir com Mercedes, o que me resultou em ter em casa dois carros "curinga", aquele se encaixa em qq situacao. Eu tenho portanto 2 Toyota Fielder. Como eu e minha esposa andamos pouco e as vezes uso os outros carros, as fielder tem 70 75kkm e nao me deram dor de cabeca ate hoje. Mas o prazer que elas me dao eh nulo, ou como diz um amigo meu eh como comer bala com papel em volta. A minha esposa nao deixa eu comprar uma perua MB e eu nao vou mais estressar com isso. Eu estou seriamente pensando no Jetta SW. Na verdade meu interesse era o VW Passat SW mas conversando com um amigo que seguiu carreira apos a faculdade e que trabalha no corporativo da VW ele me recomendou nao ir para a VW Passat antes de 2010 a nao ser que seja a V6 por varios motivos relacionados com quebras de cambio e problemas com as turbinas. Pois bem, ele me disse que o powertrain do Jetta por ser distinto eh menos propenso a isso. Voce sabe por exemplo quanto custam os amortecedores, as bandejas, e se o carro tem algum problema cronico de pane de placa eletronica de cambio ou de modulo de motor? A Fielder nao tem nada disso, ate porque as minhas tem cambio manual. Mas cada bandeja da fielder sai 1300 reais trocada. Eu faco a manutencao delas na caltabiano. Obrigado John

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. John
      Para postar comentário com o seu nome, no Postar Como escolha Nome/URL. Coloque então seu nome e, pronto.
      Não tenho idéia desses preços pelo simples motivo de não possuirmos esses carros mais caros, apenas os avaliamos quando cedidos para essa finalidade pelos fabricantes. Mas certamente essas peças são algo caras, mais do que as de um carro fabricado aqui. Isso que você me pergunta me faz pensar em criar uma cesta de peças e solicitar preços aos fabricantes e importadores, publicando as informações nos testes dos carros. Vou cuidar disso.

      Excluir
  87. Bob, estou paquerando uma Jetta Variant modelo 2012... mas tenho medo pois ela nao é mais vendida por aqui... e como o Jetta sedan tb nao usa mais o motor de 5 cil, voce acha que daqui uns 3 anos estarei com um ˜mico˜ na mão ??? Digo pois alem do fato do brasileiro nao gostar de peruas, o carro estaria fora de linha (dificuldade de peças etc)...
    Hoje eu estaria pegando uma com desvalorizacão de 30% em relaç˜o ao preço qdo era 0km... será que daqui pra frente a desvalorizacão ficaria nos padrões normais de uns 10% ao ano???

    Forte abraço!
    Fabio

    mas q dá vontade de pegar um brinquedinho desses, isso dá...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fabio,

      Não sei se a minha resposta vai chegar tarde, não sou o Bob mas posso te dar o meu feedback... eu comprei (há +/- 9 meses) uma ano/modelo 2012 como 2o. dono, o desconto em relação à zero foi de 25% (a que comprei é a "básica", único opcional é a central multimídia). Os fatores que vc levantou só serão relevantes se vc for ficar com o carro por longo período...não imagino que haja problemas com peças, vc pode comprar no e-bay e mandar vir de fora... não acho que vai ficar com um mico na mão (o pessoal do clube do jetta gosta dela e sempre vai ter mercado por lá)... eu estava louco atrás de uma porque sou apaixonado por esse motor de 5 cilindros que considero o melhor motor do mundo. É uma pena que não vão colocar mais em nenhuma delas... Pelo que acompanho, o preço da Variant acompanha o do TSI do mesmo ano. Boa sorte.

      Excluir
    2. Oi Fábio, estou com nosso amigo aí de cima.
      Eu peguei a minha (2012/2012) ano passado com 1 ano de uso. Foi literalmente amor a primeira vista (volta). Um carro completo com acabamento de primeiro mundo. Quando falo que paguei R$65.000,00 por ela ninguém acredita. O Corolla novo, modelo Altis, custa absurdos R$93.000,00 e nem ESP tem. A dirigibilidade desse carro é absurda. Entra no site carrosnaweb.com.br e leia as opiniões dos donos. nenhum insatisfeito. também faço parte do clube do Jetta. Se quiser, entra lá e dá uma "conversada" com o pessoal e você vai ver que de mico, esse carro não tem nada. Tenho uma CRV 2010 também, mas nem se compara. Ela é grande, desajeitada e só leva vantagem sobre a Variant em estrada de terra por ser mais alta. Porque no asfalto, com certeza vou de Variant.

      Excluir

Olá AUTOentusiasta, seu comentário é sempre bem-vindo! De preferência, identifique-se ao comentar.
Atenção: comentários contendo ofensas pessoais, a marcas, a fabricantes isoladamente e/ou em conjunto, a nacionalidade de veículos, bem como questionando práticas comerciais lícitas e margens de lucro aceitáveis nas quais este blog não interfere, bem como o uso de palavras de baixo calão e a exposição de outros leitores ao ridículo, não serão publicados. O AUTOentusiastas se reserva o direito de editar os comentários sem declinar motivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...