8 de julho de 2011

A AERODINÂMICA NO DIA A DIA

Fotos: VW

Outro dia publiquei um post que falava sobre a relação entre o peso e a potência de um carro e também sobre a importância do arrasto aerodinâmico sobre a velocidade final. Para isso utilizei-me do exemplo de dois carros potentes, um Mustang e uma réplica de Cobra.

Agora vamos para o trivial, justamente para mostrar que essas forças também atuam fortemente sobre carros  e trajetos ditos comuns, tipo viagens a velocidades legais. Pegaremos um VW Gol e uma picape Saveiro, só para ficarmos numa mesma família, o que facilita a comparação.

Quem viu o programa-piloto Speed Masters recentemente exibido pelo Speed Channel, deve lembrar que logo no começo do bloco do Ferrari F430 filmado em Interlagos há uma cena na pista em que a câmera é colocada na extremidade dianteira do carro. O carro não aparece, só aparece a pista sendo engolida. O som é do Ferrari, porém – só o leitor do AUTOentusiastas pode saber, bico fechado aí... – o carro que levava a câmera não era o F430, não; era uma Saveiro novinha em folha. Depois foi só encaixar o som de acordo com o trecho e boa. TV e cinema tem dessas coisas. A gente não queria ferir a pintura amarela do Ferrari, então encaixamos a câmera na Saveiro do Filipi, o técnico em um monte de coisas da produtora.

Com a autorização do Filipi, saí pilotando a Saveiro andando o mais rápido que dava, sem, claro, maltratar o carro e pilotando liso e seguindo o traçado bonitinho.

Bom, o resultado é que gamei na Saveiro do Filipi. Como é boa de curva! Nas de maior velocidade, como a do Sol e a do Lago, ela se mostrou estável, firme e segura. Fiquei impressionado, pois o Gol, carro de onde deriva, é bem bom, mas nem tanto.

Ao parar fui xeretar direito a picape e notei que o entre-eixos dela é longo, bem mais longo do que o do Gol. Ela tem 2.750 mm e o Gol, 2.465 mm, portanto, a distância entre-eixos dela é quase 30 cm maior. Está aí a explicação, pois, a grosso modo, entre-eixos curto dá maior agilidade e longo, dá melhor estabilidade direcional e melhora nas curvas de alta.

Essas Harleys modificadas tipo “Easy Rider” mostram bem isso. O garfo inclinado, além de ser um fator que ajuda na estabilidade direcional pelo maior cáster, também aumenta o entre-eixos da moto, outro fator a ajudar nisso também. Fica melhor para pegar aqueles estradões retos nos desertos americanos.

Bom, e aí resolvi dar uma xeretada na Saveiro, querendo saber se o arrasto aerodinâmico dela era grande, já que as picapes naturalmente são ruins nisso.

E o dela é grande, sim.

Usando dados do site oficial da VW, comparei-a a um Gol, ambos com mesmo motor 1600 que gera 101 cv funcionando com gasolina.

Ela atinge máxima de 174 km/h, enquanto que ele, 190 km/h.

Fazendo as contas, usando a fórmula nos ensinada pelo Bob e mostrada no post anteriormente citado:

P2 = P1 x (V2/V1)³, conclui-se que para a Saveiro atingir os mesmos 190 km/h que o Gol atinge ela precisaria de 131,5 cv.

A diferença é grande, 30,2% a mais de potência para atingir a mesma velocidade máxima.

Olha o efeito do arrasto aerodinâmico aí....

Usando a mesma conta, chegamos à conclusão que a Saveiro para se manter a 120 km/h (reais) numa estrada precisa usar 33,1 cv, enquanto que o Gol precisa de 25,4 cv, ou seja, a Saveiro usará 30,3 % a mais de potência.

Então, obviamente, ela vai gastar mais combustível na estrada que o Gol. É batata.

A diferença de peso entre eles é pequena, só 59 kg. Ela pesa 1.020 kg e ele, 961 kg. A diferença na aceleração também é pequena: ela com 10,8 segundos no 0 a 100 km/h e ele, 10,1 segundos, apesar de ela  ter a primeira e a segunda mais curtas para arrancar melhor quando com a carga máxima de 715 kg  - 3,769::1 contra 3.455:1 e 2,095:1 contra 1,954:1, respectivamente (a carga máxima do Gol é 440 kg). Mas os tempos diferentes não se devem apenas à questão de peso, mas, certamente, à pior aerodinâmica da Saveiro 

O coeficiente de arrasto (Cx) da Saveiro é 0,378 e do Gol, 0,340  Mas a picape perde também em área frontal, que é maior, 2,12 m², enquanto no Gol é 2,01 m².

Então, voltando à vaca fria, vemos que a aerodinâmica atua não só nos carrões esportivos, mas também nos carros do dia a dia.

AK

50 comentários:

  1. AK,
    interessante o assunto do dia ser aerodinâmica. Tanto um laboratorial Aerotech quanto um simples Gol, aliás, o mais belo carro da VW globalmente falando.
    Muito bom assunto, e belas constatações.
    Incrível o coef. de arrasto do Gol ser tão alto. Pensei que fosse no máximo 0,31. Mas carro curto é isso aí mesmo, díficil conseguir muito melhor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estes carros com suspensão traseiras dependentes podem ser esquecidos, pq nunca serão bons carros, são simplesmente porcarias. Uma suspensão traseira tem que ser double wishbone (duplo A), multilink, Irs e nada mais além disto!
      Velocidade não é nada sem controle!!!

      Excluir
  2. AK
    Um Rendez Vous em Interlagos, hehehe.

    ResponderExcluir
  3. E se colocar o Voyage nessa conta ai, ele tem melhor aerodinâmica e consequentemente maior vel. final.

    ResponderExcluir
  4. Bota uma lona marítima na sava e já era o problema.

    Akele buracão chamado caçamba q segura a bixinha.

    ResponderExcluir
  5. Se o Gol G5 não é bom de curva, difícil imaginar outro carro pequeno que seja. Talvez apenas o Polo.

    ResponderExcluir
  6. AK, Então a minha Montana apesar da capota maritima anda menos que o Corsa com o mesmo motor?
    E o programa, já tem previsão de continuidade? Não preciso dizer o quantos gostamos do piloto.
    Abraço

    ResponderExcluir
  7. Um acréscimo é preciso ser feito em relação à suspensão traseira da Saveiro NF. Apesar de ser a mesma configuração do Gol NF (eixo de torção com molas helicoidais), é outro eixo de torção, derivado do usado no Golf IV (o do Gol NF é derivado do usado no Gol da geração anterior), com molas derivadas das usadas na T5 (que suportam de 800 a 1.400 kg, conforme a versão) e buchas derivadas das do Passat (aqui não saberei se da geração atual, V, ou da anterior IV, que tinha eixo de torção atrás). Por isso que também dá para entender o porquê de a Saveiro NF suportar mais de 700 kg e ter boa dirigibilidade independente da carga que leve.

    ResponderExcluir
  8. Arnaldo, eu havia perguntado sobre a equação não ter uma relação quadrática e sim cúbica, mas estava errado.

    (em unidades de um mesmo sistema)

    #Potência = Força x Velocidade

    #Força de Arrasto = 0.5 x Cx x Área Frontal x DensidadeAr x Velocidade^2

    Depois é feita a relação entre os dois e para carros 'iguais' a relação de potência é essa que o Bob passou.

    ResponderExcluir
  9. Fiz as contas que o Daniel mostrou acima e vi que meu Fusquinha gasta 25 cv para vencer a resistencia do ar. Como eu sei que somando todas as resistencias mecânicas envolvidas o meu Fusca gastaria todos os seus 38 cv para manter-se a 120Km/h, chego a conclusão de que o atrito dos pneus e as perdas mecânicas na trasmissão de potência chegam a 13 cv.

    Bate essa conta? Usei 1,75 m^2 para a área frontal e 1,2 Kg/m^3 como densidade do ar. Ambos os valores encontrados em publicações.


    Ah, valeu pelo post AK!!

    P.S. Arnaldo, tem-se que considerar que a Saveiro não tem o mesmo acerto para velocidade máxima, portanto o Gol e muito menos a Saveiro não atingem a velocidade máxima com 104cv disponíveis no motor... na Saveiro haverá menos potência disponível em relação ao Gol. Não quero ser chato, entendi o objetivo do post... mas não custa lembrar!!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  10. Caio Cavalcante08/07/11 18:44

    Boa sacada Arnaldo, trazer o assunto p/ "dia a dia".

    Estava pensando no assunto outro dia: o cx dos carros não evoluiu muito nas últimas duas décadas.Já que o tema em voga no mundo é a busca por melhor eficiência, seria uma boa focar nessa área.

    Abraços

    ResponderExcluir
  11. Pisca,

    O Voyage atinge 191 km/h, um só a mais que o Gol.

    Anônimo da 17:..

    Quem foi que disse que o Gol não é bom de curva?
    Eu só disse que achei a Saveiro melhor. Releia o que foi escrito, se tiver dúvidas.

    Reynaldo,

    Provavelmente o Corsa será mais veloz, pois provavelmente terá menor arrasto. Mas para saber ao certo precisa verificar vários fatores, vários, Cx, área frontal, relação da transmissão.... uma carrada de coisas.
    O programa ainda não sei se terá continuidade. Obrigado por dizer que gostou.

    Anônimo das 17:46

    realmente foi um bom trabalhoda VW. Parece que ela resolveu mostrar o que sabe e pode fazer.

    Guilherme,

    não entendi direito seus dois comentários, mas 38 cv para um Fusca andar a 120 km/h REAIS está razoável. Veja que a Saveiro usa um pouco menos e ela deve ter menor arrasto e menos perdas mecânicas.
    O outro comentário não captei mesmo. Se puder explicar, agradeço.

    Caio Cavalcanti,

    O galho de melhorar o Cx é que todos os carros ficarão com a mesma linha. O vento só dita uma regra. Veja que os carros mais antigos se diferenciavam muito mais, justamente porque desprezavam a aerodinâmica.

    ResponderExcluir
  12. Nos anos 90 a preocupação com a aerodinâmica era essencial, quem não se lembra do marea e do brava. Hoje parece que isso não existe mais, vejam os carros da GM e sua aerodinâmica pior que um tijolo. Lado a lado num museu de automóvel o Agile parece ser de décadas anterior ao Brava.

    ResponderExcluir
  13. Arnaldo, é perfeitamente possível carros serem aerodinâmicos e terem desenho diferenciado. Basta seguirem a tônica do DS, que sempre foi inconfundível e cujo Cx começou em 0,36 em 1955 e foi reduzindo esse valor até o fim de sua carreira (boas reduções, diga-se de passagem).

    ResponderExcluir
  14. Juvenal,

    Coincidência. Li o seu post agora e adorei. Eu não sabia desses recordes da Oldsmobile.
    Curiosidade: A Saveirinho precisaria de 394 cv para atingir os 274 km/h, enquanto que o Aerotech tinha só 300 cv e não os usou todos para fazer uma MÉDIA 275 km/h durante 10 mil milhas...
    Mas é isso mesmo, esses recordes não influenciam mais nas vendas, infelizmente. O que importa é se o carro tem sensor de ré e MP3.

    ResponderExcluir
  15. Juvenal,

    Coincidência. Li o seu post agora e adorei. Eu não sabia desses recordes da Oldsmobile.
    Curiosidade: A Saveirinho precisaria de 394 cv para atingir os 274 km/h, enquanto que o Aerotech tinha só 300 cv e não os usou todos para fazer uma MÉDIA 275 km/h durante 10 mil milhas...
    Mas é isso mesmo, esses recordes não influenciam mais nas vendas, infelizmente. O que importa é se o carro tem sensor de ré e MP3.

    ResponderExcluir
  16. Anônimo da 19:41,

    Nas décadas de 50, 60 e 70 os carros eram muuuito diferentes entre si, muito mais que hoje. Não havia regra alguma e é óbvio que sendo assim havia maior variedade, foi isso que eu quis dizer. Um DS 1955 era mais parecido com um DS do último ano do que com qualquer outro carro de 1955.

    ResponderExcluir
  17. Arnaldo, imagino que por serem dados oficiais da Saveiro não consideram o uso de capota marítima. Com ela o arrasto aerodinâmico deve diminuir. Tem idéia de quanto? Ou será que o “corte” abrupto da cabine, somado ao teto curto, continuaria sendo desfavorável?
    Abraços
    Cláudio

    ResponderExcluir
  18. Cx impressionante era do Calibra e Vectra segunda geração;

    Muitas coisas estão piores nos carros e nesse ponto a evolução parou;

    Talvez seria muito caro investir mais nesses estudos e mais fácil afrescalhar os carros;

    Por falar em onda verde o Cx está diretamente ligado ao consumo, mesmo em velocidades menores como nos carros do post, não apenas em esportivos.

    ResponderExcluir
  19. Vamos lembrar que a maioria dos carros atuais recebem "kit off-road", molas e amortecedores muito maiores que o projeto determina para rodar em nossas "estradas",carros altos possuem mais área frontal e consequentemente mais arrasto aerodinâmico, isso sem falar no exageiro de carros com motores 1.0-1.4 usando aro 15 com pneu 195. Aberrações de desenho também, caso compararmos AGILE com o CORSA ambos 1.4 com motores de 102-105cv, com uma diferênça de quase 20Km/h é TRAGILE!

    ResponderExcluir
  20. Mas que texto fantástico! O mesmo poderíamos verificar na HILUX comparada a SW4?
    Sensor de ré e MP3: duas inutilidades se comparado aos motores turbo, tração traseira e aos V6. abs.

    ResponderExcluir
  21. Concordo com o MBR... Hoje em dia essa onda de pneuzão e carro alto, só serve para aumentar o arrasto tanto de rodagem quanto aerodinâmico.

    Acho que atualmente os únicos que vão no caminho certo (ou seja, contra a maré) são os VW Bluemotion, que possuem, entre outras medidas econômicas, a suspensão levemente rebaixada e os pneus mais finos. Mas é raro ver um pelas ruas.

    ResponderExcluir
  22. Johnconnor(old rocker)08/07/11 21:54

    Ak, revolvendo os arquivos bolorentos da minha mente encontrei um dado interessante, a resistencia aerodinamica aumenta sempre ao cubo da velocidade.Isso é correto?? Grande abraço.

    ResponderExcluir
  23. AK e demais,

    Vejam que conclusões surpreendentes desse pessoal da Unicamp:

    http://www.fem.unicamp.br/~phoenics/EM974/PROJETOS/PROJETOS%201%20SEM-10/TURMA%20B/G2/Trabalhofinal-%20Pick-up.pdf

    ResponderExcluir
  24. Arnaldo, ainda não dirigi o Gol atual. Em estabilidade, tanto em retas como em curvas, ele se assemelha ao Gol "quadrado"?
    É melhor ou pior?

    ResponderExcluir
  25. Impressionante conclusão da tampa abaixada ser a pior das opções.

    ResponderExcluir
  26. http://www.jalopnik.com.br/conteudo/este-sim-e-um-utilitario-que-gostariamos-de-ter

    QUEM SABE, SABE.

    ResponderExcluir
  27. Creio que o grande problema atualmente é conciliar aerodinâmica e bom desempenho em "crash tests" (ex.: minimizar ferimentos em pedestres em caso de atropelamento). Talvez por isso que os índices de Cx's estão tão elevados hoje em dia.

    ResponderExcluir
  28. Arnaldo, é verdade que os Sedans tem melhor aerodinâmica que os carros Hatch??
    Qual seria o tipo de carroceria que confere melhor aerodinamica ao carro, visto que até mesmo a Ferrari, agora, produz um modelo hatch, a FF.
    Abraço

    ResponderExcluir
  29. Octavio,

    Se for isso, uma pena;

    Carro é feito para rodar e enfrentar o vento é a sua vida;

    Atropelar um pedestre não pode basear a falta de refinamento aerodinâmico;

    Mais um exemplo das coisas esquisitas de hoje em dia;

    Vamos ferir pouco menos um pedestre quando for atropelado, mas vamos gastar zilhões de litros de combustível a mais;

    A cada mil carros, quantos ja atropelaram uma pessoa?

    Dos mil carros quantos andam no vácuo total?

    ResponderExcluir
  30. O Octavio matou a charada. Lembrando que no EuroNCAP ganha-se nota por dano ao motorista, ao passageiro, à criança no banco traseiro, à criança na cadeirinha e ao PEDESTRE. Para minimizar o dano a este, as frentes são mais altas de modo a ter uma zona de deformação maior ali. Além de uso de materiais leves como alumínio no capô e plástico nos para-lamas em alguns franceses.

    ResponderExcluir
  31. CassianoSanches09/07/11 10:14

    Lembro dos dados de fábrica do Gol 1.0 16v Turbo e da Parati com a mesma motorização.
    No 0-100 o gol era mais rápido que a parati (Gol mais leve) porém a velocidade final era maior na parati (coisa de 2km/h) justamente por causa da aerodinâmica.

    Abs.

    ResponderExcluir
  32. Meu caro, agora até gostaria que tu me tirasse uma duvida...
    Tenho um fusca 69, 1300, porém amo viajar, pegar uma estradona, mas pra estrada ele é meio...fraquinho. Pensei então em aumentar a potência do motor, afinal como não pretendo vender, não haveria problema.
    Fiquei então com certo receio, como ele é leve, aumentando a potencia ele gastaria mais ou menos na estrada?

    ResponderExcluir
  33. A aerodinâmica é a melhor de acordo c/ a seguinte ordem:

    Pick-up - sem capota marítima

    Hatch

    Sedã

    Perua

    As peruas possuem a melhor aerodinâmica justamente pq possuem um formato balístico.

    A aerodinâmica dos carros não evoluiu por um simples motivo.

    Quanto mais aerodinâmico se torna um veículo, mais sensível aos ventos laterais ele é.

    Existe um estudo aerodinâmico q diz q o fluxo de ar frontal deve ser de 1 p/ 3 em relação ao fluxo lateral.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pisca, a aerodinâmica do seda é melhor do que a dos hatches e das peruas ,eu pesquisei isso sendo proprietário de um vw Logus ,abrcs!
      Fabio.

      Excluir
    2. Por isso a aerodinamica do Logus é melhor que a do escort!

      Excluir
  34. Noto muito isto em meu new beetle, até ja procurei cx e area frontal dele, mas nao encontrei, impressionante que até os 100 km/h é bonzinho, nenhum foguete, mas razoavel, porem passa disso fica fraco, de terceira ja vai enfraquecendo, 4 e 5 esquece, para dar 180 é trabalhadinho, coisa que gol 1.6, sandero 1.6, 207 todos fazem e se comparar mesmo com 1.8 ou outros 2.0 como civic, corolla, vectra, astra, ele nao anda na frente de nenhum, no maximo fica no 0x0 com os vectra gtx

    ResponderExcluir
  35. Claudio,

    o que sei é que nas Saveiros de arrancada os caras tiram a tampa traseira. E creio que a capota marítima ajuda, sim. Fica melhor do que sem ela e com a tampa traseira.

    Ewerton,

    Sim, a picape Hilux na certa tem ainda pior aerodinãmica que a SW4, mas essas picaponas têm tanto arrasto que ferrado por um ferrado por mil. Esse é o tipo de carro que essas coisas não interessam, além do mais só costumam ir buscar as crianças na escola de bacana.

    Alexandre,

    guiei o Polo Bluemotion e adorei. É muito melhor que o comum. O Polo foi projetado para ser assim, mais baixo, e o nosso é adaptado, assim como o Corolla e outros. daí perdem estabilidade, aumentam arrasto, etc. Mais um Custo Brasil aí, maior consumo, etc. E os pneus recomendam usar mais de 40 libras.
    O galho é que são muito caros e não sei porque, só porque é diferente metem a faca.

    Johnconnor,

    isso mesmo, ao cubo.

    CCN1410,

    O novo Gol é muuuito melhor que o quadrado em estabilidade, tanto nas retas quanto nas curvas. Um dos motivos é por ter o motor menos pendurado na frente, o motor é transversal e o quadrado é logitudinal, mas tem muitas outras melhorias. Agora é um carro muito prazeroso de guiar.

    Hermes,

    não sou especialista, mas acho que cada caso é um caso. Aerodinâmica é uma ciência complexa, uma coisinha aqui interfere ali, etc, mas creio que o layout melhor é o motor central-traseiro, tipo Ferrari F430, pois sem motor na frente se pode fazer uma frente mais em cunha, mais penetrante. Basicamente é isso.
    Mas creio que o sedan é melhor que o hatch, sim, basicamente falando.


    Caverna,

    o modo mais econômico é manter o Fusca 1300 originalzinho e reguladinho, afinadinho e ir maneiro, tipo 100 a 110 km/h, pneus radiais iguais aos do Itamar com 22 libras atrás e 20 na frente e boa.
    Agora, se quiser mexer pro Fusca endiabrar, deixa comigo que te passo umas dicas que escrevi há anos sobre isso. Passe seu email que mando no começo da semana.

    Pisca,

    não é bem isso, não, de que quanto mais aerodinâmico mais fica sensível aos ventos laterais.

    New Beetle,

    Esse carro foi feito pra passear, não pra correr. Se fosse pra correr não teria vasinho de flor no painel. Desencana de apostar corrida com ele. Mas que é bonito, é, eu gosto.

    ResponderExcluir
  36. Daniel San09/07/11 20:13

    Essa de a Harley-Davidson ter garfo longo era ótimo pra pegar estrada,mas pra fazer curva fechada...
    Lembro de uma cena do "Easy Rider",na qual o personagem do Peter Fonda usa a pista inteira pra fazer meia volta na Harley. Mas que o charme da moto é incontestável,isso é.

    ResponderExcluir
  37. Arnaldo,e todos

    ...Anos atrás( século passado) uma boa Revista mediu uma Saveiro 1.8 ( gasolina) , modelo " quadrado " e era carburada.
    ...Deu 166 km/h com a tampa fechada.
    ...Abriram a tampa , deu 174 Km/h

    A versão GIII lonada deu 172...

    Quanto à Nova Saveiro, vc está certo, ela é muito mais estável que o Gol. Mérito da suspensão trazeira " de Golf" com molas de Perua Passat ( Barriquinha igual os Monza), por conta dessa suspensão puderam colocaram mais aderência na frente, usam suspensão do Polo ou do Fox, com bem mais cáster que os 3 graus do Gol.

    Se tivesse um motor forte para colocar em um VW nacional atual, colocaria a cavalaria na Nova Saveiro CE.

    Ah,a nova Saveiro usa rodagem de Golf. Uma pena a marca e modelo de pneu escolhido, trocar 5 pneus novos num carro é complicado, se vc gostou das curvas com os originais imagine com pneus ótimos como ficaria a picapinha.

    O novo Voyage dá uma coça imensa em velocidade final no Novo Gol. Cx 0,31 contra 35 do Gol e 36 da Saveiro CE lonada de fábrica, só que mais alta e larga( sim, com o eixo trazeiro e bitola idem de Golf, vc, que mora na roça e conhece bem barrancos de pasto, tem que calcular as " finas " sub-espelho pela obesidade trazeira da picape.

    ResponderExcluir
  38. Alexei
    Me lembro dessa revista, da reportagem e dos resultados. Exatamente isso. Só para complementar, no mesmo ano (1991) só que em outra edição, testaram uma Parati Cl 1.8, gasolina, onde a mesma cravou 172 km/h. Os testes eram feitos na Rio-Santos, portanto, ao nível do mar, num trecho que eu sempre chamei de "retão da Guaratuba", uma reta de uns três quilometros de extensão. Foi nesse mesmo lugar que, em 1992, um Opala da Stock cravou 303 km/h e estabelecendo recorde de velocidade.

    ResponderExcluir
  39. Alexei,

    boa a dica da caçamba lonada, tampa aberta e tampa fechada. Obrigado.
    Mas veja que isso pode variar de carro para carro, pois, vc sabe, aerodinâmica é uma coisa complexa, já que um fator aqui interfere acolá.
    O Voyage, segundo a VW, atinge 191 km/h, e o Gol, 190 km/h. Estranho, não é? já que o Cx difere tanto. Vai ver que a 5a marcha é curta para o Voyage. Só pode ser.

    ResponderExcluir
  40. Arnaldo, desculpe a demora para responder.
    O que quis dizer é que eu fiz as contas de quantos cavalos seriam necessários para o meu Fusca alcançar 120Km/h. Daí que as contas indicaram que seriam necessários 25 cv para vencer somente a resistência do ar a essa velocidade.
    Mas... como na prática o Fusca 1300 tem a velocidade máxima de 120Km/h a 3800 rpm e a essa rotação o motor produz 38 cv, então significa que, somadas todas as resistências ao movimento do carro, como atrito mecânicos (atrito do pneu com o asfalto, das engrenagens do câmbio e atrito dos rolamentos ) e aerodinâmicos, a potência necessária para o Fusca alcançar 120Km/h é de 38 cv.

    Com isso eu fiz a conta: 38 cv de potência para vencer todas as resistências mecânicas e aerodinâmicas menos 25 cv gastos somente para a aerodinâmica, tem-se 13 cv, que é a potência perdida com os atritos mecânicos.

    No segundo comentário eu expliquei que os valores que eu usei para a conta foram extraídos de publicações e não apensa estimadas por mim. A área frontal do Fusca é de 1,75 metro quadrado e a densidade do ar é de aproximadamente 1,5 quilo por metro cúbico.

    Só queria saber se há sentido no valor encontrado para o atrito mecânico. Normalmente um carro perde entre 10 a 15 cv de potência para vencer a resistencia dos pneus com o asfato e pelas perdas na transmissão, estando a 120Km/h? Alguém tem essa informação?

    ResponderExcluir
  41. Guilherme,

    não sei te responder, mas acho que 38 cv é um número bem razoável para os 120 km/h num Fusca. Agora, se são gastos 13 cv em atritos de toda ordem, fora arrasto aerodinâmico, não tenho a informação.

    ResponderExcluir
  42. FVG,

    Isso mesmo, e no retão o Fábio Sotto-Mayor passou dos 300 num Stock com motor câmbio preparados além do regulamento técnico. Excelente!!

    Arnaldo,

    Sim, cada caso é um caso em caçambas e lonas.

    Sobre a pequena diferença de velocidade entre Gol e Voyage, duvide muito dos números oficiais, arrancada então nem pensar.

    Na prática, o Voyage chega lá muito antes. Vai por mim.

    Esse novo motor VW tem um cabeçote extremamente ligado a torque em baixo rpm. Resultado,lá " mais em cima " o motor não vai... Dá raiva guiar um carro leve mas com motor assim, de Opala 4 cilindros / Corcel 1.6 a álcool.

    ResponderExcluir
  43. Alexei,

    o Jeep também era assim. Acabava logo. Um força do cão, mas acabava logo.

    ResponderExcluir
  44. AK, só pra esclarecer.. entendo a diferença entre velocidade máxima de Gol e Saveiro, mas ela se deve APENAS à aerodinâmica? Porque é bem possível que haja uma diferente relação de 5a marcha, de redução no diferencial ou mesmo no diâmetro de rodas motrizes, que a justifique.

    []'s!

    ResponderExcluir
  45. Meu nome é Ricardo e tenho uma saveiro cross 2011/2012 com 5000 km. Estou decepcionado com o consumo dela em Goiânia-Go uma media de 8 km/l de gasolina. Só depois que me falaram que ela era boa só em alto estrada a 90 por hora 13 km por litro com lona maritima de fábrica. Lembrando que ela vem com pneu 205 60 15 e 03 centímetros mais alta que a saveiro simples. Descarregada..

    ResponderExcluir
  46. "O coeficiente de arrasto (Cx) da Saveiro é 0,378 e do Gol, 0,340"

    Perdoe-me. Esses podem ser os numeros "oficiais" mas longe de serem os reais. A Saveiro fica fácil perto dos 0,440 e o Gol 0,400.

    ResponderExcluir

O Ae mudou de casa! Todos os posts do blog foram migrados para o site. Por favor busque por este post no site e deixe o seu comentário lá.
Um abraço!
www.autoentusiastas.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...