25 de julho de 2011

LIGUE 1188 E AVISE A CET. FUNCIONA? NÃO

Fotos: autor

A  faixa sumiu!
No meu caminho a pé para a padaria atravesso a av. Brigadeiro Faria Lima. É o mesmo caminho que minha filha caçula faz, também a pé, para ir pro trabalho.

Se o leitor não for paulistano, possivelmente não saberá que a Faria Lima é uma larga avenida com quatro faixas de cada lado e cheia de escritórios e devido a isso tem um tremendo movimento de pedestres e carros e ônibus. Mas o leitor certamente sabe que numa avenida dessas as pessoas costumam sair em grupos do trabalho para almoçar ou tomar café e fumar um cigarrinho, e então é aquele monte de gente distraída conversando, falando de negócios, cenho preocupado, ou rindo, falando ao celular etc. Um desbaratino geral.

E aí tem a faixa de segurança para que os pedestres atravessem a tal avenida. E aí a luzinha verde acende para os pedestres atravessarem e o pessoal está distraído e nem olha para os carros e simplesmente atravessa reto feito boiada quando a gente abre a porteira.

E é aí que está o perigo,

Então eu, macaco velho e ainda ligeiro, só atravesso olhando direitinho, pra ver se não vem um motorista distraído ou um motoqueiro maluco. Avisei minha filha, porém ela, macaca nova e mais ligeira que este macaco velho, me disse que já estava ligada, o que me tranquilizou; em parte, porque me aflige ver tanta gente atravessando feito tonto sem saber do risco que correm.

Para piorar, esse perigo se exponencia quando a faixa no chão não está pintada direitinho, porque o motorista que vem guiando se não vê a faixa no chão não se toca que ali há um sinal, pois sem a faixa esse farol se torna só uma luzinha lá no céu.

E foi justamente isso que aconteceu na Faria Lima. Após uma intervenção qualquer no asfalto da avenida os lambisgóias esqueceram de repintar metade da faixa de pedestres (foto de abertura). Então, das quatro faixas de rolamento, duas faixas estavam meio apagadas e duas sem tinta branca nenhuma. E não foi em uma faixa de travessia para pedestres só, não; foram em no mínimo duas, que eu vi e estão nas fotos.

Então era tiro e queda: acabei vendo, em duas ocasiões, carros passando reto por essas faixas tendo o sinal fechado para eles. Não culpei de todo esses motoristas, pois tenho certeza que eles não foram devidamente avisados, mas que eles estavam dirigindo sem a devida atenção, estavam.

E aí estava feita a receita para uma grande cag...., já que as grandes cag... são o resultado exponencial de duas ou mais pequenas cag.... Gente desbaratinada andando x inexistência de faixa x motorista mal-avisado e um pouco distraído = grande cag....!

Cedo ou tarde alguém seria atropelado feio nessas duas semi-faixas.

Aflito, procurei um carro da CET, já que essa avenida vive coalhada de marronzinhos, porque creio que ali rende uma grana preta com multas, mas não achei nenhum nem pra remédio. Então apelei pros meus chapas no ponto de táxi e eles me deram o número do telefone da CET: 1188.

Fui pra casa e liguei.

O atendente foi muito simpático, muito calmo – creio que de meia em meia hora passam uma bandeja com chazinho de Lexotan pra esse pessoal – e anotou os motivos de minha aflição.

– Olha, cara, vai morrer gente ali logo logo. Acelera esse troço!– avisei.

– Fique calmo que está tudo anotado. Quer anotar o número do seu protocolo? – falou e perguntou àquele moço que parecia estar no Monte Olimpo, vendo-nos nós, pobres mortais, formigando aqui em baixo.

   O senhor me desculpe por desgastá-lo com essas miudezas, mas não quero protocolo nenhum porque não posso crer que eu volte a ligar, já que imagino que vocês pintarão isso hoje ou no máximo amanhã, porque o perigo você viu que é grande.

    Fique tranquilo, glub, glub..., um golinho de chá.

Tranquilo o cacete. Passou um dia, passou dois, fui pra fazenda, passei lá uma semana de férias, voltei, passou outro dia, fui tomar um café na padaria, nada de terem pintado as faixas, aquele monte de gente zanzando distraída... nem fui pra padaria, saí caçando um carro da CET, achei e já cheguei quente no sujeito, olhando olho no olho do jeito que olho no olho de cachorro bravo e faço o bicho afinar só na olhada.

E o cara, coitado, era legal.

Logo se mostrou preocupado, pediu desculpas pela marcada de bobeira. Saiu andando comigo, mostrei as duas faixas e vi que ele tomou para si a resolução do problema, na base do deixa comigo. Confiei no cara.

No dia seguinte, à noite, estavam pintando as faixas, como mostra a foto abaixo, e agora posso ir mais sossegado tomar meu café espresso na padaria, e ainda escolho quem é que vai fazer o meu café, o Fernando, cujo apelido não sei por que raios é Chiquinho.

Faiza de segurança sendo repintada

Moral da história: esse 1188 não funciona. Tem muito chazinho com Lexotan rolando por lá. O olho no olho ainda é a melhor solução.

AK

21 comentários:

  1. Também existe o SAC da prefeitura, um serviço para fazer reclamações e solicitações pela internet (sac.prefeitura.sp.gov.br/).
    Já usei para avisar sobre buracos e eles atenderam, tamparam daquele jeito mas funcionou. Agora as reclamações que fiz que eram para a CET, acho que nem leram, já apertaram o DELETE e continuaram tomando o chazinho com Lexotan.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É... Nem o que era URGÊNCIA tá funcionando, mas infelizzmente a gente é "brasileiro e não desiste nunca"; Quer dizer, eu não quero, me nego a ser brasileiro se for pra ser assim!

      O fone da CET 1188 funciona quando eles querem; às vezes eles simplesmente desligam e você tem de voltar a ligar, falar com a máquina etc. Daí a ver se uma viatura aparece, são outros 500!

      Mas também o 190 - sim, da POLÍCIA - deixou de funcionar direito. Então, você está sendo assaltado, assassinado e simplesmente o 190 dá... OCUPADO!

      Não acredita? Tente ligar numa sexta-feira a partir das 18h00 (se bem que já aconteceu para outros dias da semana nesta faixa de horário!). No sábado ou domingo, então, a preguiça deve visitar todos os locais dos já "cansados" defensores do cidadão.

      Quando o 190 não dá ocupado, demora pra atender. Você aproveita e aprende inglês e espanhol, pois as gravações que indicam outros números de serviços, traduzem do português para essas Línguas. Não espalhe, pois é até mais vergonhoso ainda indicar o serviço pra algum gringo. Já pensou ele descobrir que além de terceiro mundo a gente não tem saúde, educação e segurança?

      Se a reclamação for perturbação do sossego (um bar tocando forró acima dos decibeis causadores de surdez permanente, por exemplo, a PM te direciona para algum ramal fantasma, já que oficialmente, vc deveria ser atendido pelo 190 e pronto. Mas, não! Eles deram o famoso jeitinho aí, também. Daí vc é jogado pra outro "pull" de serviço que praticamente jamais atende. É pra deixar o cidadão revoltado, porque pra ficar indignado, basta ter o azar de nascer aqui.

      Já fiquei por DIVERSAS vezes em datas diferentes E na mesma data por cerca de 20 min para ser atendido e...NÃO fui.

      É isso. Se eu não fosse tão miserável e covarde, tinha fugido deste país de merda.

      Excluir
  2. Gustavo Cristofolini25/07/11 09:37

    Porque que no Brasil é sempre assim?? Faz asfalto novo em rodovias e algumas vezes, nem as faixas pintam. Porque todo esse descaso com o transito e o cidadão brasileiro? Tempos atrás, conheci um estado-unidense. Ele era de Memphis. Perguntei como era feito lá, quando as rodovias recebiam asfalto novo, quanto tempo demorava para serem pintadas as faixas. Ele me disse que eram feitas o mais rápido possível. No máximo no dia seguinte está tudo devidamente sinalizado. Aqui no máximo até a próxima eleiçao estará tudo mais ou menos acertado.

    ResponderExcluir
  3. Rafael Bruno25/07/11 09:58

    Ahhhh esse 1188...ligar pra esse número e ligar para operadoras de celular, dá no mesmo: em nada.

    Na frente da minha casa (Rua Santa Cruz, vl mariana), há um farol que ninguém respeita o vermelho. Resultado: já teve motoqueiro voando, carro capotando, morte, etc.

    Ligo para o 1188 e explico o problema, mandam uma viatura da CET.
    Onde a viatura fica?
    LOGO ABAIXO DO FAROL.

    Alguém passa no farol vermelho com a CET lá? ÓBVIO QUE NÃO.

    Encontro um marronzinho e explico pra ele...ele me diz: Já solicitou uma viatura da CET no local? Respondo: Já, mas ela ficou abaixo do farol...ninguém passou no farol vermelho com a viatura lá né?

    Resultado final: mais um acidente no fim de semana.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pela atitude AK.

    ResponderExcluir
  5. E tem outro detalhe, a pintura das faixas da cidade de São Paulo além de demorarem a serem feitas, parecem que são feitas com tinta cal, daquelas bem ralas.
    A Avenida Berrini foi pintada recentemente e após alguns meses já está sumindo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Marcus... Aqui na saúde tiveram a cara-de-pau de pintar sobre um asfalto que parecia um mar de tanta onda. Explico: Tenho 37 anos e desde criança nunca foi feito recapeamento asfáltico nesta rua onde moro, embora desde sempre tivemos linha de ônibus, inclusive, por aqui. Com o tempo, mesmo fazendo remendos em cima de remendos, não há asfalto que aguente - e nem estou contanto com o fato que é o de se fazer os remendos "igual o nariz" (esta é uma expressão pra dizer que é "mal feito").

      Parece piada, mas eles jogam uma tinta - como você citou - que parece cal e ainda por cima só nas proximidades dos semáforos (o resto da rua fica sem, mesmo (pra que o "luxo", não é?) e sobre as ondas.

      Não era o caso da população poder demitir sumariamente a equipe técnica da subprefeitura e, dependendo do caso, até o subprefeito? Isto, é claro, impondo-lhes processos por má administração pública e, em caso de ter havido acidente por negligência, deveriam também responder criminalmente.

      Mas isso, caro, só acontece em pais com um pouco de civilidade. O nosso, não é! (FATO)

      Excluir
  6. AK,

    A CET (Companhia de Enganar Trouxas, ou seja, nós) tem como única finalidade, multar. Salvo um ou outro funcionário novo, eles são folgados e cínicos, como a maioria dos funcionários públicos deste país.
    Moro próximo a uma universidade e é um caos no quesito "estacionamento irregular". Estudantes param nas esquinas, em cima das faixas de pedestres, em frente às garagens de casas e edifícios, etc.
    Eu e outros moradores já cansamos de fazer o que você fez aí, ligar e anotar protocolo. Aí ouvimos o tal "vamos estar providenciando blabla bla ...". E NADA, NUNCA ACONTECE.
    O curioso é que, outro dia destes, um táxi parou em fila dupla (errado!) para apanhar um casal de idosos e advinhe! Uma pick-up da CET apareceu atrás com sua sirene, enquanto os idosos tentavam entrar no táxi. A "otoridade" saiu da viatura e veio pessoalmente advertir e ameaçar com multa o motorista que auxiliava os idosos, que tinham dificuldade de locomoção. Patético!
    Tantas Cag***s só acontecem porque este aqui é um país de M**** mesmo.

    ResponderExcluir
  7. Caio Ferrari25/07/11 12:36

    Já liguei no 1188 porque um carro estava parado de frente a minha casa.
    Liguei as 14h, o carro do CET chegou as 18hs!!!!
    hahahahahah é rir para não chorar!

    ResponderExcluir
  8. O negócio é assim porque a maioria esmagadora não liga no SAC. Simples assim.

    ResponderExcluir
  9. O importante é não perder a esperança!
    Afinal, a esperança é a última de porre...

    ResponderExcluir
  10. Parabéns pelas atitudes. Anotar o número de protocolo é importante justamente para poder ligar cobrando novamente.
    O engraçado é que a porcaria da prefeitura é tão severa com os motoristas, multando e culpando eles de todos os males, e não faz sua parte, que é pintar faixas, ou sinalizar adequadamente.
    Os "marronzinhos", como tudo na vida, oscilam muito, tem desde completos sacanas até gente muito capaz e bem intencionada. Infelizmente concurso público raramente consegue avaliar caráter e prestatividade, então entra de tudo...

    ResponderExcluir
  11. Antônio Martins25/07/11 19:53

    Arnaldo,

    Esse telefone deve ser igual aos SAC http://sac.prefeitura.sp.gov.br/, não funciona.

    Mas pra tapar buraco funciona, recomendo.

    ResponderExcluir
  12. Corsário,

    Eu sei que o número do protocolo é pra isso e tenho certeza que todo leitor também sabe. Acontece que acho o cúmulo ter que ficar cobrando. Acho uma afronta, ainda mais para um caso de perigo iminente como o descrito.

    ResponderExcluir
  13. Velho, mas limpinho26/07/11 11:57

    Ak, excelente essa sua postura. É uma pena que vc é um dos poucos que além de reclamar, toma uma atitude em relação ao problema!

    E concordo, tem muito neguinho bacana na CET, mas a grande maioria é FDP mal humorado e intencionado.

    VmL

    ResponderExcluir
  14. AK, aqui no RJ após as obras da "Operação Asfalto Liso", várias vias ficaram bastante tempo sem qualquer tipo de sinalização, inclusive vias de mão-dupla com grande movimento.

    Diante desse absurdo, uma jovem de 20 anos, conhecida da minha namorada, veio a falecer em uma colisão frontal, simplesmente pelo fato do motorista não conhecer o local e confundir a via de mão dupla com uma via de mão única, sendo vítima de um ônibus em alta velocidade na curva, às 4 da manhã.

    ResponderExcluir
  15. Opa AK, realmente é ofensivo! Já estamos até ajudando a prefeitura, fazendo o trabalho de fiscais...
    Mas fazer o que, se ela joga explicitamente contra nós, não?
    Abraços!

    ResponderExcluir
  16. vcs só olham o seu rabo, procurem conhecer melhor o trabalho da cet!! o mesmo babaca que fala que é industria de multa também reclama de carros em local proibido, vcs são um saco!!!!

    ResponderExcluir
  17. Realmente o 1188 da CET não funciona. Se vc quiser colecionar numero de protocolo (ideal prá jogar no bicho) liga prá lá. O atendente é atencioso, mas se precisar de viatura, ela não vem. É sempre a mesma desculpa. As viaturas estão ocupadas em outras ocorrências. Em frente à minha residencia, numa avenida movimentada da zona norte de SP há uma faixa de pedestre utilizada por estudantes e idosos. Antes de sua instalação os atropelamentos eram constantes. Mas, tem uma casa do norte onde toda tarde um veiculo Stilo Vermelho (placas JGH-2746) estaciona em cima da faixa e fica horas lá parado enquanto seu condutor fica bebendo cerveja (duas infrações: beber e dirigir e estacionar sobre a faixa). Já tô careca de ligar para o 1188 e pedir viatura para autuar esse veiculo. Mas só tenho os protocolos. Se ligar pro 190 e pedir viatura com talão de multa (é, algumas tem), eles dizem que é prá ligar para o CET!!!. Moral da história, ninguém tá nem ai com nada e os infratores de transito ainda saem rindo da cara da gente. Isso é SP!

    ResponderExcluir
  18. Esse número sequer atende?
    Tem um semáforo travado aqui e quanto tento ligar lá só escuto "O número chamado não existe."

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Incrível. Descobri hoje que a Tim não faz ligações pra Prefeitura. Nem no 156 nem no 1188.
      E o site está com problema, o botão validar não funciona.

      Excluir

O Ae mudou de casa! Todos os posts do blog foram migrados para o site. Por favor busque por este post no site e deixe o seu comentário lá.
Um abraço!
www.autoentusiastas.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...