18 de janeiro de 2012

MUSEU DA SAAB À VENDA

Texto de Hans Jartoft, de Trollhätan, Suécia

Era uma vez uma fábrica de carros. No mês passado faliu. Por quê? Como sempre, não tinha clientes para os carros. Fazer um carro bom é difícil, mas vender um carro bom é ainda mais difícil.

A maior fabricante do mundo, a General Motors, não sabia como tratar a marca adquirida em 2000 e agora não querem que a Saab possa continuar com um dono da China. A Saab tem uma história muito interessante, mas não vou contar isso hoje. Quero antes ver como vai terminar aqui em Trollhättan.

Mas tem uma história que fala muito sem usar palavras. O Museu da Saab está nas mãos do administrador da falência. Sexta-feira, 20 de janeiro de 2012, esse administrador quer receber ofertas das pessoas que querem comprar o museu inteiro ou carro por carro, um por um. Seria uma coisa triste essa coleção de carros históricos ser levada ao vento, um para lá e outro para cá. 

Abaixo, algumas fotos que fiz ontem no Museu:

O começo de tudo, Saab 92, 1947


O Saab 96 de Erik Carlsson, que tanto brilhou no ralis internacionais durante 15 anos

O Aero X, conceito de 2006

Saab EV-1, Experimental Vehicle One, motor 2-litros turbo de 285 cv, de 1985

Motor do 900 turbo e do EV-1: 2 litros, 16 válvulas

Mas, olhando com outros olhos, há pessoas que acham que é melhor ver um carro andando na estrada do que pegando poeira num museu. São uns 120 carros, de 1947 até 2010. Muitos que, de alguma forma, são únicos. O primeiro de um modelo, o último de um outro, carros de exposições, protótipos, réplicas, conceitos.

O texto é em sueco, mas usando o translate.google.com dá para entender um pouco. Algumas perguntas posso atender nos comentários, se não forem muitas.

HJ

(Texto atualizado em 18/1/12 às 15h55, correção de link)

133 comentários:

  1. Uma pena, vai à falência por causa de má gestão da GM e essa de "não querer que continue com um dono da China" é demais.

    Pior ainda é não ter a Saab aqui. =(

    ResponderExcluir
  2. Triste isso...

    Lembro do motor de compressão variável.

    Salvem a SAAB!

    ResponderExcluir
  3. Mais um motivo pelo qual não consigo mais engolir a GM, mesmo com livro pra cá e pra lá, mais de 100 anos e volt pra cá e volt pra lá.

    ResponderExcluir
  4. Ainda bem que na Suecia não tem PT,senão já sabemos de quem seria a culpa...ah esses financistas.

    ResponderExcluir
  5. Espero que os entusiastas suecos estabeleçam uma fundação para manter esse acervo unido e aberto à visitação em seu próprio país. Mas se dependesse de mim, eu manteria apenas os modelos desenvolvidos pela própria SAAB, e não aqueles que foram criados depois de sua venda para a GM.

    ResponderExcluir
  6. Infelizmente as tradicionais marcas de prestígio estão fadadas a caírem nas mãos de grandes montadoras de modelos "populares" que nem sempre têm como gerir de forma ideal as novas aquisições. Seja por questões de custo, seja por questões de mercado.
    A SAAB teve o dissabor de ser absorvida pela GM, que se é a maior montadora (com o perdão da palavra) do mundo, também é a mais relutante em mudar suas políticas.
    Espera-se, pelo menos, que o museu não tenha o mesmo destino de outros tantos (nem é preciso citar exemplos).

    ResponderExcluir
  7. Sim, foi o PT que ferrou a SAAB. O PT deve ser culpado também pela M... que a GM se enfiou, pela crise econômica mundial, pelo chocolate que o Santos levou do Barcelona, pela morte do Ghadafi, do Sadan e do Bin Laden e também pelo estupro no BBB 12. Se não fosse o PT, o mundo seria muito melhor, igual a São Paulo do Kassab ou até mesmo o Maranhão do Sarney. É cada um que aparece.

    ResponderExcluir
  8. petralha é dose...

    ResponderExcluir
  9. Anônimo 18/1 14:03
    Aqui não é lugar para esse assunto, mas, desculpe, esse partido com o qual você se identifica nem poderia ser registrado pelo TSE, pois é um partido sem ideário, o que todo partido deve ter. A palavra "trabalhadores" só aparece uma vez no estatuto do partido – no título! Mas seria esperar muito daquele que o fundou, que nem sabe o que é partido político, muito menos ideário...É por essas e outras que o BBB é um grande sucesso.

    ResponderExcluir
  10. É bem por ae anonimo das 14:03,kkkk

    ResponderExcluir
  11. Bob, se você busca ideologia em um partido político em nosso país, creio que se identifique com o PSOL de Heloísa Helena e do Deputado Marcelo Freixo do Rio de Janeiro.

    ResponderExcluir
  12. Anônimo 18/01 14:28
    Não busco, espero que haja, como em todo partido decente. Até o Partido Comunista do Brasil tem ideário. E notou que não existe adjetivo pátrio para o Partido dos Trabalhadores? Por isso os membros e simpatizantes têm de ser chamados de PeTistas. Vexame total.

    ResponderExcluir
  13. PSOL. Deus nos livre!

    ResponderExcluir
  14. totiy
    Seria impossível um partido sem ideário na Suécia. Eles têm mais cérebro do que um molusco.

    ResponderExcluir
  15. BOB
    Discordo. Nem o PC do B tem ideologia. Se teve, ficou bem no passado. Vejam como os caras tratam a UNE. Simplesmente privatizaram aquilo, tomaram de assalto o que um dia já foi União Nacional dos Estudantes e o transformaram em mero aparato político, apenas com a função de arrecadar verbas. E nem falo das ONGs de fachada e da roubalheira da duplinha Orlando Silva/Agnelo Queiróz. Aquilo já caiu de podre, só o Aldo Rebelo é que ainda se salva.

    ResponderExcluir
  16. Parabéns Bob.Petista é igual viado, se vc não for um deles,vc não vale nada.não aguento mais as manchetes que o Brasil hoje é isso , aquilo depois do molusco, que não tem inflação, não sei aonde,cada vez mais compro menos com o meu dinheiro.aqui não é lugar de política, mas verdades devem se rditas.

    ResponderExcluir
  17. O PT reune o que de pior existe na política brasileira:

    - Tomou de assalto o caixa do governo, com o maior aparelhamento do estado de todos os tempos, "privatizando" o dinheiro do povo.

    - Botou para dentro da administração pública imensa legião de pelegos, que só pensam em mamar nas tetas (alguns mal trabalharam ao longo de suas vidas), através do corporativismo sindical. Aliás, os sindicatos nem de longe representam o trabalhador brasileiro. Estão pensando em seus próprios interesses;

    - Aumentou a níveis inimaigináveis a ineficiência e o inchaço da máquina pública, drenando o sado dinheiro dos impostos escandinavos no Brasil.

    - Instituiu a cara de pau (Lula é bom nisto), do tipo: o ato sexual está sendo consumado e no flagrante a mulher diz que não é nada disto que estão pensando. O PT nega a robalheira explícita de uma forma vergonhosa;

    - Fez alianças com Coroneis dos grotões, tornando-se pior do que eles. Deu galinheiros gigantescos a lobos famintos;

    - Está desmantelando o pouco que resta dos quadros técnicos, das poucas estatais eficientes.

    E o Brasil perde excelente oportunidade de se desenvolver. Dar crédito e alimentar a farra de consumo (conjuntural) é mais fácil do que dar educação e infraestrutura (estrutural).

    ResponderExcluir
  18. Anônimo 18/01 14:47
    Como assim,o PCdB não tem ideário? É um partido que, em princípio, luta pelo comunismo em que acreditam, ora. Até o Partido Nazista, na verdade Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Alemães, tinha ideário, o nacional-socialismo, que se defendia do internacional-socialismo soviético. Como o PSDB fala em social-democracia, e assim por diante.

    ResponderExcluir
  19. anonimo 14:54
    A conta a ser paga pelas escolhas feitas nos últimos anos sem dúvida virá e não demorará muito. Hoje tudo é festa, amanhã a ressaca será das brabas. Pode esperar, são favas contadas.

    ResponderExcluir
  20. Anônimo 18/01 14:54
    Como na história da formiga saúva, ou o Brasil acaba com o PT, ou o PT acaba com o Brasil.

    ResponderExcluir
  21. BOB
    A explicação está nos próprios atos de quem pertence e está no partido como mencionei no comentário aí acima. Não é ideologia, é negócio. A ideologia é apenas fachada e só serve para os outros, ou seja, para quem não se beneficia das mamatas mas sustentam essa horda com seus votos.

    ResponderExcluir
  22. É ISSO AÍ BOB, SE O PT NÃO É DOS TRABALHADORES ENTÃO, PAU NELES!

    ResponderExcluir
  23. O Bob ainda acredita em partidos... pobre homem.

    ResponderExcluir
  24. É ISSO AÍ JARTOFT, SE A GM F.... A SAAB, PAU NELES!

    ResponderExcluir
  25. Ah, quer tirar meu tesão por carro? Vamos parar de debater política aqui. Se for para ler sobre política, eu entro um site de política, não de autoentusiastas. Broxei, pronto...

    ResponderExcluir
  26. Pô Bob,...

    Você fala tanto e dá corda pra assunto partidário aqui. Um post magnânimo da SAAB e agora infestado de cabo eleitoral.

    Fora isso todo mundo já percebeu PT e o resto é igual, só mudam as "oportunidades". Me provem o contrário.

    ResponderExcluir
  27. é mais quando o PSDB estava no poder quem discordava das atitudes do governo era "fracassomaniacos" ou 'neobobos",escancararam as pernas da nossa economia e vivemos situação semelhante a da SAAB ,empresas como a Metal Leve, Cofap ,Embrear ,foram engolidas pelo capital estrangeiro e só não foram encerrdas porque tinham tecnologia de ponta ,só não tinham escala de produção para competir com as multis que aqui se instalaram.

    ResponderExcluir
  28. Acho que a GMB, com seus Celtas e Agiles quem influenciou a matriz a nao investir na Sueca. É mais fácil reciclar, por um mundo mais sustentável...rs

    ResponderExcluir
  29. todas as empresas que a VW comprou aqui foram encerradas ,isso só não aconteceu com a Ford ,no tempo da autolatina ,porque o ex-presidente da Ford Luis Carlos Mello ,comunicou a matriz da ford,na cabeça desses financistas porque alimentar uma marca concorrente?

    ResponderExcluir
  30. Uma coisa é adquirir uma empresa, outra é fazer uma "joint-venture", caso da Autolatina.

    ResponderExcluir
  31. Que pena, um post sobre a nobre Saab e enchemos de comentários sobre política.

    ResponderExcluir
  32. é mesmo ,mas o objetivo era fechar a Ford,quando pediram a plataforma do Gol para fazer a versão deles ,disseram não ,enquanto se apropiavam da tecnologia de chassis para caminhões e da plataforma do scort.a Ford só não fechou pela tenacidade do Maciel ,se fosse um zé que estivesse na cadeira...

    ResponderExcluir
  33. Então, Bob, a culpa pela falência da SAAB foi de uma divulgação inadequada de seus exelentes carros, da GM, ou do PT mesmo?
    Scott Adams, um dos caras mais espertos a ganhar a vida fazendo quadrinhos (e, acredite, você tem que ser muito esperto para convencer milhões a comprar as hitorinhas do Dilbert), dizia que se quisesse encontrar os humanos mais espertos do planeta, um bom lugar para procurar seria a Suécia.
    Ele também dava uma sugestão sobre o que fazer com esse grupo de humanos muito mais espertos que a média: Dar para eles discutirem sobre uma das ditas questões polêmicas da humanidade. Disso podem sair dois resultados:
    1- Eles estão tão divididos quanto o resto da humanidade, o que significa que inteligência é irrelevante numa democracia (ops!)
    2- Eles chegam a um consenso,o que significa que a inteligência é muito relevante, mas não pode ser detectada na demoracia (ops! de novo).
    Isso posto, não creio que mesmo na Suécia consiga-se fazer a política funcionar de modo satisfatório. Provavelmente, se funcionasse, o museu já estaria nas mãos de alguma entidade devotada a preservar a história daquela nação.

    ResponderExcluir
  34. Juvenal Jorge
    Você tem toda razão. Mas pelo menos serviu para comprovar que os leitores do AE, além de autoentusiastas, são politizados. E lembre-se que automóvel e política é como amor e ódio: ambos se tocam.

    ResponderExcluir
  35. Lamentavel mesmo Juvenal, mas para entender o presente é nescessário estudar e compreender o passado , e no passado as regras da globalização econimoca foram seguidas a risca sem discussão ,sem objeção, sem democracia, algumas instituições e muitas pessoas estão pagando um preço muito caro por decisões erradas do passado..

    ResponderExcluir
  36. brauliostafora,

    Belo comentário.

    O PT fez m.. à beça ?

    Ô se fez, só não sei se mais ou menos que o PSDB, porque este além de comprar boa parte da imprensa, destruiu a educação em todos os níveis como o PSDB fez em seus governos estaduais ou no federal, vendeu várias estatais a preços suspeitos, vendeu as estradas de São Paulo e se vendeu pra telefônica, que tem esse serviço porco e não perde a concessão, entre outras coisas, isso não é o que chamo de um bom governo.

    ResponderExcluir
  37. Acho engraçado que os "anti-GM" tacam pedras na GM (com razão), mas ignoram completamente (mas agora sem razão) que suas marcas preferidas "englobam" outros fabricantes e fazem parecido, como a VW do Brasil fez com a Chrysler, Ford com a Troller, Ford com a Jaguar e a Land Rover, Fiat com a antiga FNM, Fiat com a Marelli, Cofap e Weber... Mas de qualquer forma, é grande mérito da Opel ter sobrevivido à GM...

    ResponderExcluir
  38. Tata salvando Jaguar e Land Rover...

    ResponderExcluir
  39. Bob,

    Você enaltece a filosofia do PSDB porque nenhum dos seus estudou em escola pública/técnica nos anos 90 pra pegar a transição do razoável transformado em desgraça que o partido promoveu em SP.

    PSDB é um partido coxinha que mora em condomínio e usa insulfilm no parabrisa. É isso que eles são.

    ResponderExcluir
  40. Rodrigo MG
    E o que ainda salva a GM aqui no Brasil é justamente o resquício do DNA Opel que ainda sobrevive nela. Depois disso, só Deus sabe...

    Totiy
    Engraçado esse seu comentário em resposta ao Juvenal (16:23) pois foi você mesmo o primeiro a enfiar política no assunto (13:41).

    ResponderExcluir
  41. "PSDB é um partido coxinha que mora em condomínio e usa insulfilm no parabrisa. É isso que eles são."

    Hehehe! Essa foi boa... mas eu prefiro o português bem claro: São uns cagões.

    ResponderExcluir
  42. as respostas estão coerentes, a Saab fechou porque foi globalizada e os donos do dinheiro não conhecem o sentido da palavra misericordia acabaram com a fabrica ,ok, opa !temos um tesouro em forma de museu , façam suas ofertas o capital do nosso investidor precisa ser renumerado, não há espaço para sentimentos ou coisas do tipo, basta assistir aos dois filmes sobre wall street do Oliver Stone, pra se ter idéia do que estou falando, quando o gov dos EUA colocaram o dinheiro do contribuinte para que a GM não fechasse os primeiros a colocar a mão no dinheiro foram o presidentes que não abriram mão da bonificação, afinal o trabalho deles tinha de ser pago, infelizmente é assim que funciona...

    ResponderExcluir
  43. Anônimo 18/01 16:45
    Para encerrar a discussão, o PT e o molusco eram contra o real, contra talvez o maior sonho dos brasileiros, que era ter uma moeda estável e inflação primeiro mundo. O molusco chegou a dizer em palanque, está gravado, "que se fosse trocar a moeda do país, trocaria por uma de maior valor, como a libra esterlina." E o mesmo molusco, no desespero de tirar dinheiro fácil do bolso dos brasileiros, disse, ao apagar das luzes de 2007, que quem era contra a CPMF era sonegador. Me chamou, você, todo mundo que trabalha e gera impostos de sonegador. Tivéssemos um Congresso comprometido com o povo que o elegeu, o impeachment do molusco seria imediato, por falta de decoro que o cargo exige.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bob; O mais legal de tudo isto é que o molusco vai ser eleito de novo! E aí? Vergonha por vergonha, todos eles são. Partido por partido, nenhum deles presta. Político por político, nenhum deles vale o que come. Os homens de bem se afastaram desta nojeira e entregaram o galinheiro à raposa. Congresso comprometido? Aqui? Com este ladrões democraticamente eleitos? Direitos? Cidadania? Justiça? As ruas estão começando a gritar e eles tentando calar o grito! Imprensa toda comprada e do lado do governo! Poucos não podem mandar em muitos, ainda mais quando o poder dos poucos vem dos muitos! Falta moral a tudo e todos.

      Excluir
  44. Eu não acredito em partidos. Eu acredito em pessoas, e as pessoas se juntam por afinidade.

    Os bons se juntam com os bons e os crápulas se juntam com os crápulas.

    Um cara bom no meio de crápulas se tornará um crápula, ou enlouquece, ou se deprime, ou vive numa ilusão.

    Já um crápula no meio dos bons será sempre um crápula, até que sua máscara caia.

    Sobre a SAAB, parabéns ao governo sueco, que não colocou um centavo do seu contribuinte para salvar uma empresa mal gerida por seus próprios membros.

    Esse é o preço de se acreditar na iniciativa privada e na democracia. Ruim para uns, mas funcional para a maioria.

    ResponderExcluir
  45. BOB
    De fato, com isto dito, acaba a discussão. Falta (muita) memória ao brasileiro. Alguns possuem memória seletiva, mas, aí, já é caso de má fé. Oportunidades para "impichar" o apedeuta falastrão foram mais de uma. O problema é a oposição cagona, covarde e oportunista que temos por aqui. Em suma, são todos uns FDPs.

    ResponderExcluir
  46. LINK

    Só descubri que tinha um link com os modelos em leilão no texto por causa da indicação da atualização no final.
    Mesmo assim fiquei um tempão procurando até achar.

    Em nome dos daltônicos sugiro aos editores a destacar os links no texto de outras formas, como um sublinhado ou negrito. Ou então pelo menos com cores da maior contraste com o restante do texto.

    Obrigado.

    ResponderExcluir
  47. naquele patio do detran da presidente wilson ,quase em são caetano, havia um 9000 apodrecendo sobre outras carcaças,para onde será que foram aqueles modelos vendidos pela concessionaria da marca que ficava na av Rebouças?

    ResponderExcluir
  48. E lembrar que pediam 100 mil dólares por esse modelo aqui no Brasil à época que o importavam... Brasileiro é um povo muito rico.

    ResponderExcluir
  49. Por um breve momento achei que estava no blog errado. Bem que eu tentei, mas ainda não consigo relacionar política nacional com o assunto do tópico. Sugiro que criem um tópico para isso. Aí quem não tem o menor interesse pra essa política corrupta do Brasil, não clica no link.

    Em relação ao post: R.I.P. Saab.

    ResponderExcluir
  50. GM tá no meio, não precisa falar mais nada...

    ResponderExcluir
  51. Arruda
    Você tem razão. Vamos dar um jeito nisso.

    ResponderExcluir
  52. Arruda
    Por favor, veja se as palavras que compõem o link em negrito resolve.

    ResponderExcluir
  53. Voltando pelo asunto. Qual dos 120 carros que o segundo link mostra, vai ser o mais valorisado?
    Os meus "favoritos" são:
    Pagina 1. Aquele primeiro prototipo é bacana...
    P 9. O som desse "monstro" com motor 6 cilindros 2 tempo, é algo...
    P 29. "Doidera" feito nas horas fora do trabalho normal de algumas engenheiros no um "barn" fora de Trollhättan. Fizeron 6 e musoe tem 2.
    P 62. Lembro quando o chefe das stilistas, Björn envall, ficava dirigindo ese carro nas estradas normais...
    P 67. Mais Saab de que isso nunca ficou. Depois desse 900 T16 os Saabs virou mais e mais normais tudo ano.
    P 87. Isso era algo, o carro ando 100 000 km com "wide open throtle"... Bateu o recorde mundial em tudos clases na distancia.
    P 89. O carro sem volante, so um "joy stick". 1988. Ainda dar para dirigir com o carro.
    P 101. Motor com compresão variavel. Uma empresa, sem dizer mas... , colocou o carro no museo e não no campo das provas.

    Espero que os carros vai ser bem tratados no futuro.

    HJ

    ResponderExcluir
  54. Bob,

    Você foi chato nesses comentários. Alimentou os mesmos que seeempre vem aqui encher a vida com bla bla bla minando um oásis digital que é esse blog.

    Bezerra estava certo, se gritar pega-ladrão, não sobra um meu irmão.

    E a SAAB foi embora porque o governo sueco não meteu o bedelho. Postura que aqui faria muita empresa aí ser mais responsável e competitiva.

    Mas não, aqui no lisarB o governo premia com IPI o "não-P&D", o velho, o remendo, tudo em troca de emprego para os cidadãos... mexicanos.

    ResponderExcluir
  55. "PSDB é um partido coxinha que mora em condomínio e usa insulfilm no parabrisa. É isso que eles são."

    [x2]

    ResponderExcluir
  56. Aléssio Marinho18/01/12 19:59

    Hans,

    Que bom que vc voltou, estava fazendo falta.
    Pela sua proximidade com a história, não se fala por aí numa proposta de associação com a Scania ou com a Volvo, como existiu no passado? Sei que houve esse acordo no passado com a Scania e que hoje parte do capital dessas empresas está nas mãos de outros fabricantes, mas acho que deveria haver outra solução no caso da Saab.
    Sobre o museu, acho que deve ser mantido completo. Será um atentado a história se esse museu for desmontado.

    ResponderExcluir
  57. Bob,
    Eu sou o anônimo das 14:03. Sou um grande fã seu, sinto te decepcionar, mas não sou partidário do PT. Apenas como empregado da grande estatal do petróleo, eu enxergo algumas coisas de dentro que me fazem ter convicção que se o PSDB ficasse mais 4 anos no governo, eu não teria emprego, e o Brasil talvez não tivesse mais combustivel. Você não tem idéia do que é deixar um uma refinaria sucatear de propósito para poder vender, deveria ser considerado crime, pois além de atentar contra a economia está se colocando centenas de vidas em risco. O PT não é o partido dos meus sonhos, mas é muito melhor que outros que passaram pelo governo ou ainda estão mamando lá (o PMDB se alia a todos os governos para obter cargos, isso sim é um partido sem ideologia). Quanto ao plano Real, deu certo sim, ainda bem, mas poderia ter dado errado, é só ver a situação da Argentina que aplicou uma receita parecida. Talvez o Brasil seja um país grande demais para ser quebrado.

    ResponderExcluir
  58. Os incompetentes da GM deixaram a SAAB quebrar. E impediram os chineses de salvar a empresa.

    ResponderExcluir
  59. Sinal que a GM vê fabricantes chineses de autos como sérios futuros concorrentes, no que podem estar certos. Impediu a venda da Saab para evitar que o "brand" e algumas tecnologias, coisas que faltam aos chineses, lhes fossem passadas de bandeja.

    ResponderExcluir
  60. O Bob parece que vive numa ilha de fantasia as vezes... só ele e o pessoal do quadrilátero do luxo não vê que o estado de São Paulo vai sucateando/deixando de evoluir, queimando cana, omitindo-se na segurança, apodrecendo o ensino e a fatura do cartão de crédito da classe média só aumentando.

    Bob, tente ver o que acontece "do lado de fora", mesmo depois de já estar "vivido", é um esclarecedor exercício de outras realidades.

    ResponderExcluir
  61. Cabresto,
    o Bob vê isso que você fala sim, conversamos de vez em quando (gostaria que fosse mais), e ele enxerga perfeitamente a situação.
    Inclusive ele passa por chato e pessimista às vezes justamente por não viver de fantasia nem de prestação.

    ResponderExcluir
  62. Caramba galera... eu leio os posts do AE com uma religiosidade que faria jesus me deixar entrar no céu, mas algumas discussões aqui ficam tão tensas que tiram o ânimo de participar dos comentarios (e eu já estive entre os que mais participavam haha)...

    Mas bem... Eu não poderia deixar de comentar a frase épica do Hans...
    "Fazer um carro bom é difícil, mas vender um carro bom é ainda mais difícil."

    Belo post, belas imagens.. Parabens!

    Guilherme Costa

    ResponderExcluir
  63. Opa Bob,

    Agora ficou fácil.

    Obrigado!!

    ResponderExcluir
  64. Ewerton, Bahia
    Exatamente, a GM não fez como a Ford, que vendeu a Volvo para a Geely chinesa há um ano e meio e a marca está aí, mais viva do que nunca. para gáudio dos apreciadores da marca.

    ResponderExcluir
  65. Antônio Martins19/01/12 00:13

    Isso que o Bob disse é uma verdade, a GM prefere matar uma marca a vê-la prosperar em outras mãos.

    Será que se a Opel fosse vendida não estariamos com produtos atualizados? Será que vale a pena uma marca ter fábrica aqui para "dar emprego" mas oferecer entulho reciclado de décadas passadas?

    Eu preferiria não ver aqui uma fábrica mas ter seus reais produtos, como ocorre no Chile, vejam:

    http://www.opel.cl/

    Agora dá licensa que vou tomar meu copo de veneno...

    ResponderExcluir
  66. Caros,
    Vocês estão defecando pela boca.

    ResponderExcluir
  67. Bom Dia! Parabéns pelo blog... Estou te seguindo... Se gostar do meu blog, seja meu seguidor também! Temos também nossa loja virtual www.RRmaquinas.com.br - Abraços

    ResponderExcluir
  68. HJ, usei seu comentário como "guia" na minha visita virtual ao museu. Obrigado.

    ResponderExcluir
  69. Anônimo das 20:25, quem está dentro de uma estatal (ou economia mista) vai defender o PT. Afinal vive na mesma disneylâdia em que vive o Lulopetismo.

    Me diga que a Petrobrás é eficiente e lhe digo que o preço da ação dela está uma porcaria, justamente por conta da má administração petista. Que ela é uma das petrolíferas menos eficientes que existe.

    É muito fácil ganhar todas sa regalias do emprego público, sem eficiência, bastando para tanto que o governo banque a petrobrás, aumentando o déficit público, como fez no lançamento de ações em 2010.

    É fácil trabalhar, das 8 ás 5, com estabilidade, ganhar promoção automática, anuênio, minutênio, horênio e outros aumentos absurdos de salário por conta de um sindicalismo que não pensa no povo e sim no cara que está dentro da petrobrás, pois afinal o dinheiro que paga todas estas mordomias diminui o lucro da estatal, e este seria do povo.

    Já dizia Roberto Campos. Estatal, uma ova. A Petrobrás é privatizada. Para o funcionário de lá.

    ResponderExcluir
  70. Faço minhas as palavras do anonimo das 13:52 com apenas uma ressalva: Sindicato nunca defendeu e nem nunca defenderá o povo. Alguns até vão contra os interesses da maioria de uma classe o que já diz bem para o quê e para quem servem.

    ResponderExcluir
  71. Esta sigla de duas letras citada é a sigla da destruição, do mau gosto, de tudo de ruim que existe. Eles acabam com tudo. Deveríamos acabar com eles. Refiro-me à GM.

    ResponderExcluir
  72. Puxa!, tem tanta raiva assim da GM? Ou é maluco ou é apzeiro ou fieteiro. Se bem que é tudo maluco mesmo...

    ResponderExcluir
  73. A GM no Brasil não passa de uns barracões em São Caetano do Sul.
    Só há dois tipos de pessoas que gostam de GM: os retardados e os pobres; aqueles por problemas psíquicos, estes por dificuldades financeiras.
    A propósito, o tópico é justamente falando de uma marca sueca que a GM destruiu.

    ResponderExcluir
  74. Bob, o reacionário, strikes back! Assim como o Pedro Bial, trata-se de um poeta - desde que a boca esteja fechada!

    ResponderExcluir
  75. Li mais intervenções do Bob falando sobre política... O homem está gagá, só pode ser!

    ResponderExcluir
  76. anonimo 16:21
    Muito obrigado pelo elogio já que me chamou de retardado. Fazer o quê, né! Pra ter tanta raiva assim só pode ser um desses que vivem levando benga de monzatech, hehehe! Brincadeira, hein! Agora, sério: Julgar pessoas pelo carro que tem ou preferência por marca é uma das coisas mais estúpidas e mesquinhas que tenho conhecimento.
    Seja feliz e deixe os outros serem

    ass.: Um retardado (muito)feliz.

    ResponderExcluir
  77. Bob, deve ser a idade, não é possível... Em um post e nos comentários, a contradição em pessoa. Bipolar? Não sei. O que sei é que reclama de falarem de política aqui e "aproveita a deixa" pra destilar o ódio contra o PT. Já não basta ser u eterno caga-regras quando fala de trânsito e automóveis! Ou ainda a contradição de "fumar e dirigir é ok", ao passo que vidros pretos são a oitava praga do Egito...

    Por fim, uma pergunta: Posso chamar o Bob de "Bobo" ou "Bobão", do mesmo modo que ele se refere ao Lula como "Molusco"?

    ResponderExcluir
  78. Anônimo das 16h21, como você classifica o Bob, admirador confesso do autoentusiástico Chevy Celta (pra mim, o lixo do lixo da produção nacional)?

    ResponderExcluir
  79. anonimo 16:42

    a resposta está no próprio post que escrevi às 16:21. Veja lá.

    ResponderExcluir
  80. Você não é retardado por gostar de GM. Apenas nunca teve a oportunidade de andar em um automóvel.
    Deixe seu Chevelho de lado e dirija um carro.

    ResponderExcluir
  81. Como bom morador de Moema, você deve ter votado no Serra. Serra mente menos que Lula?

    Olha o que diz a Veja - http://veja.abril.com.br/blog/ricardo-setti/politica-cia/de-onde-serra-tirou-que-foi-%E2%80%9Co-ministro-do-real%E2%80%9D/

    "De onde Serra tirou que foi “o ministro do real”?

    É muita petulância do candidato a presidente pelo PSDB, José Serra, proclamar-se em sua campanha pela TV “o ministro do real”.

    Além de, pura e simplesmente, não ser verdade.

    O Plano Real que domou a inflação no Brasil, é bom lembrar, foi implantado não no governo do presidente Fernando Henrique Cardoso (1995-2003), mas em fevereiro de 1994, quase um ano antes do presidente Itamar Franco (1992-1995) terminar seu mandato.

    O ministro da Fazenda de então, como se sabe, era FHC.

    José Serra foi ministro durante o governo FHC, mas no Ministério do Planejamento – que não trata de política monetária –, onde permaneceu apenas um ano e meio, com o real já implantado e pilotado, isto sim, pelo ministro da Fazenda, Pedro Malan, que permaneceu com FHC durante os oito anos de seus dois mandatos.

    Se houve um “ministro do real”, este foi FHC. Se houve dois, foram FHC e Malan."

    Isso sem contar que SERRA TAMBÉM ERA CONTRA O PLANO REAL.

    Mas, como sempre, Bob, você só tem olhos para o PT. E que dizer da maxidesvalorização feita pelo FHC logo após a reeleição em 1998? Por sinal, a propaganda de FHC dizia que Lula iria desvalorizar o Real... Risos!

    E a compra de deputados para aprovar a emenda constitucional da reeleição?

    Bob, você até entende de carros, mas quando fala de política, é patético e caquético. Parece uma daquelas viúvas de 64 cheia de temores quanto aos comunistas...

    ResponderExcluir
  82. Anônimo 19/01/12 16:53,
    O nome do Real não é nenhum destes citados pelo senhor, mas Persio Arida e a turma da PUC-RJ.
    Agora faça sua boa ação do dia e malhe a GM.

    ResponderExcluir
  83. anonimo 16:51

    Você que pensa... Já dirigi e esmerilhei muito carro e de várias marcas. Não vejo onde um GM é pior em relação ao que a concorrência anda oferecendo. Questão de gosto. No meu caso a razão é que eu adoro esse motor Opel, bom, andador e que não quebra por qualquer motivo. No dia em qua GM deixar de oferecê-lo eu caio fora, tchau e bênção.

    ResponderExcluir
  84. anonimo 17h00, o celta tem a pior ergonomia entre os modelos pequenos: volante torto e falta de apoio para o peh esquerdo. a suspensao eh robusta, mas direcao e estabilidade sao inferiores a media do segmento. prisma e classic usam a mesma plataforma, nada a acrescentar. agile tem as mesmas limitacoes, ressalvado o maior espaco interno e melhora na ergonomia.
    astra, vectra, s10 e blazer sao fosseis vivos, com carros melhores ao mesmo preco na concorrencia.

    o cruze eh correto e nao muito mais que isso, ficando para tras em termos de preco.

    em suma: haja paixao pra comprar chevrolet no brasil hoje!

    ResponderExcluir
  85. anonimo 17:14

    Como eu disse, questão de opinião e ponto. Ergonomia no Celta, de fato, não é o forte, mas não compromete em nada a dirigibilidade, pelo menos pra mim. E olha que eu já fiquei ao volante por nove horas seguidas na estrada, tanto com Corsa antigo quanto com Celta e Prisma. Estabilidade, mais uma vêz, questão de costume e conhecimento do que o carro pode ou não fazer. Nunca me meti em roubada por isso justamente por estar super familiarizado com a coisa, até tenho umas receitinhas para melhorar sem rebaixar a suspensão mesmo sem julgar ser necessário. Agora, quer coisa melhor nesse aspecto sem sair da marca? Pula para o Corsa 4300, é outra coisa, outro ambiente, o carro anda nos trilhos. Esse papo de falta de estabilidade tem um pouco à ver com o fato da GM ao longo dos anos ter amolecido demais a suspensão para agradar ao consumidor típico. O verdadeiro comportamento dinâmico da plataforma 4200 você encontra no velho Corsa GSi, o único, creio, a não sofrer tropicalização para andar no lisarb. Eu já andei muito e posso dizer como era... Dá pra fazer isso no Celta só que o jogo de amortecedores não se encontra mais, no máximo, pode-se usar os mesmos da extinta pick-up Corsa (possuem um pouco mais de carga) mas nem de longe fica parecido. O mesmo para as molas, que, no GSi, eram mais curtas.
    Tem muito mais, mas acho que é perda de tempo ficar aqui falando do que você não gosta, não é mesmo?

    PS. Também acho o Cruze caro mas não deve nadinha aos concorrentes e está mais barato que esse novo Civic 2012, portanto, não fica atrás em preço. Só acho que podiam fazer uma versão turbo ou 2.4 ecotec. Merecia.

    ResponderExcluir
  86. "A GM no Brasil não passa de uns barracões em São Caetano do Sul."

    Aposto que a prefeitura de lá não pensa isso. Fechem aquela fábrica de "velharias" e aquilo vira uma cidade fantasma.

    ResponderExcluir
  87. Pau no rabo do Bob Lutz!

    Foi um dos grandes responsáveis por embucetar a SAAB.

    ResponderExcluir
  88. Eu não estou nem um pouco interessado no que a prefeitura de São Caetano do Sul acha ou deixa de achar.
    GM no Brasil é um agrupamento de barracões. Fabricadora de carroças.

    ResponderExcluir
  89. E nem eu e mais um montão de gente estamos interessados nas borrachas que você vomita.

    ResponderExcluir
  90. Isso aqui tá uma bagunça, mas vamos lá, como bom empregado da "empresa de petróleo de economia mista", vou jogar mais gasolina podium da fogueira. Então o anônimo das 13:52 acha que a Petrobras é uma droga por causa do preço da ação? Quem te ensinou a avaliar uma empresa assim? Aqueles espertalhões que quebraram Wall Street? Me diga quantas refinarias de petroleo existem no Brasil, que não são da Petrobras? Quando era para comprar refinaria barata tava todo mundo querendo, agora, construir uma do zero? Não obrigado, é muito caro, precisamos "realizar" nossos lucros. Quem foi que revitalizou a industria naval e eletromecânica no Brasil? Construir navio no Brasil? Deus nos livre, na Coreia, China e na India dá pra costruir dois pelo preço de um. Eu trabalho na Refinaria aqui do RS, que foi a única que conseguiram vender 30% antes do Lula assumir. Pois bem...a Petrobras teve que comprar de volta os 30% no ano passado, porque o "sócio" se recusava a investir na modernização da refinaria, obrigatória pelas novas legislações ambientais que entram em 2014, esse é o tipo de "livre mercado" que queremos para o país?

    ResponderExcluir
  91. Ah só mais uma coisinha, promoção automática tem, a cada dois anos para quem não ganha por mérito, e é uma fortuna que não dá pra encher um tanque de gasolina de carro popular. Mas se ainda assim você continua com inveja, estuda e passa no concurso.

    ResponderExcluir
  92. Pretoliferas eficientes são a Chevron e a BP com suas plataformas bomba. Ou os arabes que extraem óleo leve em terra a 1/10 do custo e enriquecem meia duzia enquanto o povo passa necessidade, ou quem sabe a OGx que não estraiu uma gota de óleo ainda e fica fazendo especulação na bolsa de valores. O óleo da Petrobras custa caro para extrair e é dificil de refinar, quando sai da refinaria, uns "filhos de uma meretriz" misturam tudo que é tipo de porcaria para passar a perna no povo, isso sem falar no governo que bota o dobro do preço em imposto. Brasileiro tem que gostar muito de carro mesmo, a gente dirige umas carroças velhas e inseguras em estradas ruins e pedagiadas, pagamos um absurdo de imposto, a gasolina é uma droga e custa os olhos da cara, as autoridades só fiscalizam o transito quando é para assaltar nosso bolso e ainda assim estamos felizes.

    ResponderExcluir
  93. Cade a VW para adquiri-la ?????

    Alguém sabe o que se sucedeu nesta historia infeliz da SAAB ?

    ResponderExcluir
  94. Como tem troll para defender a GM. Incrível! Não podem ser AUTOentusiastas de verdade. No máximo CARROÇAentusiastas!.

    ResponderExcluir
  95. Velho da bengala de osso24/01/12 14:09

    É simples:
    Fiat: Marca de pobre que sabe que é pobre.
    GM: marca de pobre que acha que é rico.
    VW: marca de rico que acha que é pobre.
    Ford: morre de medo da Renault.
    E é isso!

    ResponderExcluir
  96. Da mesma forma como tem troll para meter o pau na GM e se acha mais entusiasta do que o outro só porque gosta. Ô gente que não tem mais o que fazer. Vai cuidar da vida, rapaz.

    ResponderExcluir
  97. Meter o pau na GM e neste bando de idiotas que defendem aquela fábrica de carroças é um baita serviço à humanidade.
    A GM é um amontoado de barracões na cidade de São Caetano do Sul.

    ResponderExcluir
  98. Eis aí, é como eu disse, coisa pra quem não tem mais o que fazer e parece estar mais preocupado com os outros que com si. Ou é coisa de quem sofre de algum distúrbio emocional.
    Gosto, sim, de ALGUNS modelos GM e ninguém, até hoje, conseguiu me mostrar onde está a tão propalada inferioridade destes em relação aos seus concorrentes nacionais diretos. Não se trata de defesa - até porque isso é coisa para gente desequilibrada - e, sim, de percepção e/ou preferência. Não recebo um tostão para defender marca nenhuma, com isso, tanto faz para mim se a dita cuja, um belo dia, feche as portas, quando trocar de carro, parto para outra marca que me satisfaça numa boa. E vamos em frente.

    ResponderExcluir
  99. Mesmo assim a GM continua sendo um aglomerado de barracões velhos em São Caetano do Sul. E lá fabricam carroças!

    ResponderExcluir
  100. Pode parar com esse papo que "a GM é um aglomerado de barracões velhos em São Caetano do Sul".
    Na verdade todos sabemos que a GM é um aglomerado de barracões velhos em qualquer lugar do mundo.

    ResponderExcluir
  101. Gente, uma boa notícia: http://www.jalopnik.com.br/conteudo/alivio-ao-menos-o-museu-da-saab-foi-salvo

    ResponderExcluir
  102. GM no mundo = JM (Jurassic Motors).

    Quando São Caetano descobrir que de primeiro mundo não tem nada, a Jurassic Motors se muda pra Baêa e todos os galpões serão transformados em lindos condomínios pra pessoas que compram Cobalt e acham que estão abafando...

    ResponderExcluir
  103. o otário tomou bucha de algum celta e ficou revoltado, ô, coitado!

    ResponderExcluir
  104. Anônimo 25/01/12 19:57, pelo seu comentário, vemos que para você a vida se resume a uma sequência de rachas. Lamento, mas a minha não cabe num Chevrolet.

    ResponderExcluir
  105. Velho da bengala de osso25/01/12 21:33

    Tem coisa mais triste que estes pobres diabos que tem GM e acham que estão abafando com aquele câmbio amarrado e aquele motorzinho "miragloso" de mil milhões de cavalos?
    Acham que estão tirando racha com todo mundo em suas "mákinas", até com carro estacionado batem pega e... Perdem!

    ResponderExcluir
  106. Melhor que ficar soldando as longarinas do APzão phodão... hahahaha! Cai fora, mané!

    ResponderExcluir
  107. velho esclerosado da bengala de osso de galinha

    Fugiu do asilo né?
    Melhor voltar logo antes que venham te buscar. E ainda por cima numa Chevrolet Veraneio. hahahaha!

    ResponderExcluir
  108. anonimo 21:12 25/01

    Não cabe? Então compre um Chevrolet Cobalt que naquele porta malas cabe tudo, até você.

    ResponderExcluir
  109. Velho da bengala de osso26/01/12 10:54

    Jovem anônimo,
    Longarina de AP? Acorda, meu filho, não é pq vejo o lixo que é a GM que necessariamente gosto da VW. Abre a cabeça, rapaz!

    Jovem do osso da orelha da galinha,
    O mais legal é que numa Veraneio terei a sensação de estar num GM 0km, afinal eles praticamente não evoluíram nada.

    ResponderExcluir
  110. Velho que fugiu do asilo e levou a bengala

    Então é só ficar aí, ranhetando bobagens pela rua que logo logo eles vem te buscar. Má notícia: Só tem lugar no chiqueirinho.

    ResponderExcluir
  111. Velho da bengala de osso, sensacional sua observação sobre a não evolução da GM!

    Anônimo, desculpe, mas não sei o que é Chevrolet Cobalt. Ele é feito naquele mesmo aglomerado de barracões na cidade de São Caetano do Sul? Você está por dentro dos lançamentos desta marca, o que mostra que é funcionário. Afinal, ninguém perderia tempo em se atualizar com futilidades se não fosse pago para tal.

    E tem mais, minha continua não cabendo em um Chevrolet.

    ResponderExcluir
  112. anonimo 12:55

    Vai lá ajudar seu velho amigo da bengala de osso no banheiro. Precisa segurar o bilau dele pra mijar.

    PS. Se eu sou funcionário da GM, bom... pelo menos eu ganho pra defender alguma coisa enquanto você fica destilando veneno sem saber do que fala e ainda por cima não leva nada em troca. Continue assim. Quanto a sua vida, se cabe ou não cabe, só você sabe, ela é sua e o problema é seu. Eu só faço sugestões, afinal de contas é pra isso que eu recebo.

    ResponderExcluir
  113. Então você conhece bem este amontoado de barracões. Porque a GM na cidade de São Caetano do Sul não passa disso; um amontoado de barracões.

    ResponderExcluir
  114. Se conheço? E como...

    Passa um dia lá pra gente tomar um cafezinho... pensando bem, melhor não, vai que eu consigo te converter ao gravatanismo dourado (sou muitíssimo bom de papo) e te criar um problema de família...

    Agora me dá licença pois tenho que justificar meu razoável salário.

    ResponderExcluir
  115. É o bravatanismo dourado. Que já foi azul um dia. Eles mudam a cor para enganar os bobos. O que não muda, ou melhor, melhora é a qualidade.
    Daí vem com essa de recall. Um termo inventado para a falta de competência.
    A GM na cidade de São Caetano do Sul não passa de um algomerado de velhos barracões velhos.

    ResponderExcluir
  116. E você já está justificando seu salário. Afinal, seu trabalho é este, vasculhar a internet para defender o indefensável. Você é conhecido na rede como troll.

    ResponderExcluir
  117. Eu nunca gostei da gravata azul, não combinava com algumas cores. A dourada está melhor, é chique e vai bem em qualquer cor de carro. Recall existe em qualquer marca, não só na GM (se eu te contar o que eu sei de alguns concorrentes e ninguém fica sabendo...). E troll por troll você também pode ser considerado um, dá na mesma, a diferença é que você faz de graça e eu recebo. De quebra, ainda me divirto com tanta bobagem.

    ResponderExcluir
  118. Velho da bengala de osso26/01/12 16:43

    Eu também me divirto.
    Aliás, o que mais me diverte é ver como dourado alegra (e engana) ignorante em busca de afirmação. Não à toa, a GM mudou do discreto azul para o douradão com prateado em volta, "coisa xique".
    Típico da classe C e D emergente, que anda de Cobalt e acha que está num "carrão".
    E ainda vai dizer pro vizinho "é um-ponto-quatro mas anda como dois-ponto-zero".

    ResponderExcluir
  119. Recall existe em todas as marcas em que há incompetentes por trás.
    E caia na real rapaz, se tivesse mesmo conhecimento do que mais ninguém sabe, você seria alguma coisa importante e não estaria aqui me dando explicações furadas. Mas na verdade você é pago justamente para trollar na rede, defender o indefensável.
    A GM em São Caetano do Sul é um aglomerado de velhos barracões velhos.

    ResponderExcluir
  120. Bom, pelo menos você está admitindo algo que é fato, e o fato é que há incompetentes em todas as fábricas. E quem falou que eu sou importante? eu hein!... mas a gente fica, sim, sabendo de algumas coisas, raro de acontecer, também nada tão escabroso mas acontece, já ouviu aquela famosa expressão "rádio peão"?, pois é... E de mais a mais, você também não deve ser grande coisa já que está aqui perdendo tempo com um "troll"...

    velho da bengala
    Deixe de ser preconceituoso, rabugento, que pobre tem o direito de ser feliz e a comprar o carro que lhe der na telha. Afirmação a gente prova é na cama com a mulher, se é que você me entende (e ainda consegue, hehehe!)
    Quanto ao 1.4 andar que nem 2.0, tá quase lá, viu!

    ResponderExcluir
  121. Velho da bengala de osso26/01/12 18:59

    Hahaha sabia que fatalmente ia falar que o 1,4 "quase anda como 2,0", isso é clássico de todo gemeiro.
    Bom, para encerrar a discussão, só dizer que, para quem se contenta com classic, prisma e outras marmotas, Cobalt tá bom demais.

    ResponderExcluir
  122. velhote

    é isso aí, 1.4 empurrando 1.6 e cutucando traseira de muito 2.0 não é pra qualquer um... GM for ever!

    saudações da gravata que sempre anda (bem) na frente.

    ResponderExcluir
  123. Velho da bengala de osso27/01/12 10:54

    Seu comentário só confirma o meu e explica pq a GM é um lixo: vende carroça com motor velho e ainda tem gente boba que se satisfaz com isso e acha que tem um carrão para "cutucar" os outros. Típico de quem acha que "dois-ponto-zero" é potência e gosta de ficar batendo pega sozinho.
    Digo e repito: para um público que se contentava com classic, Cobalt é o céu. Aliás, para quem se contentava com o Astra, digo, Vectra, Cruze então deve ser de outra galáxia.
    Boa sorte com sua gravatona dourada - o cantor Falcão deve adorar.

    ResponderExcluir
  124. velho

    Então, tá...
    Ok, vamos elevar o nível da conversa um pouco? Eu começo:
    Me diz aí, qual, dentre as fábricas instaladas aqui no Brasil, oferece um motor tão mais moderno que os atuais GM? Analise todos os aspectos (eu disse "todos") e depois veja o resultado final, sobretudo no rendimento que proporciona e custos operacionais. Vai ver que não existe disparidade nenhuma com relação ao que a concorrência oferece. Aliás, creio que em termos de custos de operação sai ganhando, e isso não é ruim (ou é?). Pessoal muito sem noção adora falar em "motor de Monza", monzatech", numa tentativa patética e infantil de denegrir um produto. O que poucos sabem (ou não se interessam em saber), inclusive muito jornalista do meio, é que, daquele motor Opel 1.6 bloco grande (família II) de 1982 até qualquer um desses de hoje em dia, notadamente o família I (bloco pequeno), a quantidade de ítens modificados, as horas de pesquisa no desenvolvimento das melhorias, em fim, o nível de evolução a que se chegou é tão grande que, arrisco em dizer, a única coisa em comum entre eles nesses trinta anos que os separam é o formato do bloco e cabeçote, sobretudo sua característica de construção (do cabeçote) em duas partes, sendo a superior conhecida pelos mecânicos como "castelo". E só. Se eu acho que está bom assim e não precisa mudar? Claro que não, acho que precisa evoluir, sim, tanto que, aos poucos, o cabeçote de quatro válvulas por cilindro já está voltando, primeiro no Cruze, depois virá um 1.6, depois, quem sabe?, até uma versão turbo, ou você acha que estão fazendo uma nova fábrica de motores só para fazer mais do mesmo? Até mais.

    ResponderExcluir
  125. Cruze Credo!

    ResponderExcluir
  126. Cruze Credo!

    ResponderExcluir
  127. Cruze Credo!

    ResponderExcluir
  128. Velho da bengala de osso27/01/12 17:17

    Anônimo das 11:50,
    Bela argumentação!
    Só que ela serve como uma luva também para o VW AP que vc malhou acima.
    Pense sobre isso.

    ResponderExcluir
  129. velho
    Cai como uma luva?
    Mais ou menos.

    Naquele comentário lá acima eu malhei foi o monobloco (soldar longarinas) e não o motor que até gosto por ser robusto e de fácil manutenção. Já tive vários VW com motor AP, tanto o 1.6 como o 1.8, tanto com carburador (2E e TLDZ) como com injeção monoponto e multiponto (só 2.0 eu não tive). Nenhum deles me deu dor de cabeça mas tenho que admitir que não são páreo contra os GM no quesito rendimento. Vou dar um exemplo, comparando uma versão do VW com uma versão do GM.
    Na linha 1990 o VW AP 1.8 a gasolina carburado e com taxa de 8,5:1 possuía 88cv. Em 1995 esse motor ganhou injeção monoponto, manteve a taxa e foi para 92cv. Chega o ano de 1997 e agora o vemos com injeção multiponto e taxa de 10:1, agora são 98cv. Esta anotando? Finalmente, em 2005 ele se torna flex e vai a 106cv, desta vez com álcool. Sendo a cilindrada exata de 1781cc temos 49,4cv/l de potência específica naquele primeiro e 59,5cv/l na última versão, um incremento de uns 20% em quinze anos de desenvolvimento. Agora vamos a um motor GM, o 1.4. Esse motor chegou por aqui em 1994 juntamente com o 1.0 estreando a linha Corsa e o bloco pequeno (família I). No Corsinha GL 1.4 eram 60cv com injeção monoponto Rochester e taxa de 9,4:1. Em 2003 esse motor estreou no Celta com injeção multiponto e taxa de 9,8:1, agora com 85cv. Hoje esse motor está no Corsa 4300 despejando 105cv com álcool com taxa de 12,4:1. São 1389cc de deslocamento volumétrico, 43,2cv/l no primeiro e 75,6cv/l no último, um acrescimo de 75% num intervalo de 14 anos. Pelo exemplo aí a GM trabalhou melhor, eu acho.

    ResponderExcluir
  130. De nada adianta vomitar milhares de dados técnicos. Depois que compramos essas carroças e precisamos de peças, eles nos viram as costas. O revendedor não tem peça, ligamos para o atendimento ao cliente e eles perguntam se "podem nos estar ajudando". Contamos o que queremos e lamentam que não podem fazer nada.
    Ora, engulam seu produto de quinta inúteis de merda!

    ResponderExcluir
  131. sinto muito a falencia da saab
    mais por alguns anos vou viver com essas 2 makinas
    moro emportugal tenho um saab 9000 turbo ano 1990
    motor 2.3 gasolina 16 vavulas 200 cavalos
    e outro no brasil ano 1992 com 260 cavalos preparado unico carro que nao da mecanica
    e chega aos 250 reais em poucos segundos
    quem nao gosta muito sao os boy que come poeira

    ResponderExcluir
  132. Geraldo Lemos10/10/12 08:29

    Acho inútil e totalmente superficial esta discussão política em um blog sobre automóveis.Lastimável o fim da Saab.Quanto à GM,não merece o título de maior do mundo,pois desistiu de inovar e se repete cada vez mais,além de perder em vendas para a Toyota.

    ResponderExcluir

O Ae mudou de casa! Todos os posts do blog foram migrados para o site. Por favor busque por este post no site e deixe o seu comentário lá.
Um abraço!
www.autoentusiastas.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...