3 de abril de 2012

UMA SEMANA COM O NEW FIESTA HATCH


Meu irmão trocou de carro há pouco tempo e acabou escolhendo o New Fiesta hatch na opção intermediária, com duas bolsas infláveis, freios com ABS e SYNC media system. Rodou menos de 500 km e viajou, e deixou o carro comigo durante uma semana.

Minha intenção era rodar com ele e sentir seu comportamento no dia a dia, indo trabalhar, encarando trânsito, levando filhos ao colégio e até transportando uma cadeira de rodas no porta-malas. Até cogitei uma subida a Petrópolis, cidade serrana aqui no estado (RJ), para avaliar melhor seus dotes dinâmicos, mas desisti já que a intenção era mesmo avaliá-lo na situação onde normalmente as pessoas dirigem 99% do tempo, no trânsito urbano.

De cara, o carro cativa pelo visual arrojado e moderno, de qualquer ângulo ele agrada, mas considero o ponto forte o perfil dele, bem de acordo com as tendências atuais sem descambar para o exagero. Abrindo a porta, uma decepção, o interior é triste, os bancos são forrados com um tecido liso, cinza escuro, sem graça como um uniforme tipo guarda-pó. Esse carro merecia mais, um interior mais alegre, um tecido melhor nos bancos, um pouco mais de cor.

O painel é correto, com material macio na parte superior e plástico de bom aspecto na parte inferior. Quadro de instrumentos de boa leitura, painel central com informações do sistema de som e do SYNC de fácil leitura. Por falar em sistema de som, esse me cativou pela qualidade, bons graves, tweeter colocado na porta proporcionando boa sensação de palco. Ponto para a Ford.

A posição de dirigir é muito boa, os bancos nem tanto, senti falta de apoio lateral para meu metro e oitenta e oito e 110 kg, sempre ficava a impressão que faltava banco nas costas.  Andei depois num simples Kangoo e o banco me abraçava melhor. Já a alavanca de câmbio não poderia estar em local mais adequado. Alta, faz com que a mão a encontre de forma natural, arrisco dizer que foi a melhor que já pus a mão em se tratando de posicionamento. Os engates são macios, mas achei que falta um pouco de peso e sobra um pouco de aspereza. As marchas entram com facilidade, mas é como se a parte interna da alavanca às vezes esbarrasse em algo, não era um movimento completamente limpo.

O carro anda bem, o motor Sigma responde sem reclamar em baixas rotações e fica mais disposto acima dos 2.500 giros, seguindo sem vibrar até a faixa vermelha. Achei apenas um pouco ruidoso, acho que por conta do isolamento acústico pobre, pois também percebi ruído de rolagem dos pneus. O Bravo que guiei com o Bob era muito melhor nesse ponto, silencioso, nitidamente melhor isolado do mundo exterior.

Não abusei em curvas, mas em uma de raio mais longo acelerei mais que o normal e o Fiesta seguiu firme, muito equilibrado, quase sem inclinação de carroceria. Meio durinho, passa a sensação de ótimo acerto e nos faz sonhar com um desses com um Duratec  2-litros embaixo do capô.  Nessa versão 1,6-litro, gostaria da suspensão um ponto mais macia, mais adequada para nosso dia a dia sobre asfalto remendado.

A direção com assustência elétrica é bem leve em manobras, mas estranhei um pouco com o carro em movimento. Passa a impressão da posição central ser quase inexistente, e por conta de ter uma relação rápida mesmo no começo do esterço, incomoda um pouco em velocidades mais altas em linha reta. Provavelmente questão de se acostumar, mas em uma semana eu ainda estranhava um pouco, às vezes parece que você não vai conseguir fazer o carro andar reto por muito tempo, qualquer mexidinha mínima no volante e ele já cisca para um dos lados.

Se eu compraria? Com bancos melhores e mais bonitos e melhor isolamento acústico, seria um sério candidato. Do jeito que está, prefiro dar mais ração ao porquinho e tentar pular para faixa superior, pois com uns 5 mil reais a mais a gente já encontra carros do segmento acima do dele,  provavelmente mais silenciosos e com certeza mais espaçosos.

AC

95 comentários:

  1. Belo post AC. Me diga qual foi a sua técnica para evitar raspar aquela dianteira baixinha (e o defletor de ar) nas estúpidas lombadas que estão presentes em grande parte do RJ.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcelo,

      o maximo que da para fazer e passar degavar para aliviar a raspada. Dei umas 3, mesmo tomando cuidado.

      Excluir
  2. É ISSO AÍ AC!!! PAU NOS INTERIORES FUNERÁRIOS!!!

    ResponderExcluir
  3. Quando o cara é gordo, esse tipo de carro realmente não é o ideal.

    ResponderExcluir
  4. Os limites de suspa dos Ford são incrivelmente altos msm.

    Demora um bom tempo vc descobrir até onde ele vai, e vai longe.

    ResponderExcluir
  5. O carro oficial da fábrica no WRC. Claro, extensamente modificado.

    ResponderExcluir
  6. Apesar de a Ford ter reduzido o preco do Fiesta , com um pouco mais é possivel chegar a um Focus 1.6 . Acredito que seja mais carro e nao apresente as carecteristicas negativas que vc citou
    Porem lembre-se que o Focus esta para mudar . A linha nova deve ser apresentada no Salao do Automovel e ja vendida como ano modelo 2013.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Será?????????

      Excluir
    2. È... Se vc partir do TOP de linha, que tem 7 airbags, bancos em couro,rodas 16", além de outros "enfeites", acrescentar uns trocados e vc compra um Focus... Com o msm motor e mais peso pra carregar, e SEM os 7 airbags, sem o ABS+EBD + TCS + HLA + Sync e sem ser o projeto arrojado que é esse Fiesta...

      Excluir
  7. E os 'bean counters' atacam novamente!

    ResponderExcluir
  8. É ISSO AEW GALERA PAU EM MIM!!! E NO MEU TECLADO QUE SÓ DIGITA EM MAIUCULO!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. que babaca... tentando copiar até o plutonio...

      Excluir
  9. Alexandre Cruvinel,

    Que carro você pensa em comprar com cinco mil a mais?
    Um lerdoso Focus 1,6?
    Se você tiver outra opção, me diga, que estou curioso.
    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gustavo Cristofolini03/04/12 15:09

      Fiz um test-drive em um Focus 1.6 e achei vagaroso demais. Quase mais lento que meu fusca 1300.

      Excluir
    2. Pois é Gustavo, existem muitas opções, mas o problema é encontrar um que nos satisfaça plenamente.
      Muitos se contentam e ter um carro bom como o Focus ou outro similar, sem se importar com a potência do motor. Mas eu dou muita importância a relação peso/potência. De que adianta um carro bonitinho e bom em outros aspectos, se o motor é fraco?

      Excluir
    3. lerdoso? se tu não sabe fazer o carro andar, não culpe o carro.
      mrm21

      Excluir
    4. Anônimo 01:24,

      Então dê uma voltinha com o Focus 1,6 e depois com o 2,0.
      Se você não notar diferença, rasgue a tua habilitação, ok?

      Excluir
    5. Célio, tive um 1.6 e hoje tenho o 2.0. É evidente que tem diferença. Mas é possível andar rápido com o 1.6. Acredite. Ótimo carro. mrm21

      Excluir
    6. O Focus 1.6 é um ótimo carro; plataforma no todo, conforto, bom acabamento, direção gostosa de tocar..mas é realmente bem lento na vida real - quando não se precisa pisar no limite o tempo todo - o que o torna meio cansativo em condução citadina, em cidades mais acidentadas geograficamente.

      Tudo funciona muito bem nele, mas precisa de um tanto a mais de espaço nas estradas para deslanchar legal.

      MFF

      Excluir
    7. Célio, é sério isso ???
      Se alguém não notar diferença entre um 1.6 e um 2.0 é pq não sabe dirigir?
      Me cita um carro que seja a mesma coisa nessas duas motorizações.
      Fiquei curioso.

      JM

      Excluir
    8. JM...

      A diferença do Focus 1.6 para o 2.0 é, fazendo um paralelo com os antigos, como comparar o Opala L4 com o L6... Totalmente diferente.

      Não que as motorizações menores neste dois carros sejam ruins. Não são. Mas deixam a desejar, para quem curte uma tocada mais agressiva. No contexto do "ser barato", acho até que valem... Só.

      Excluir
    9. Celio,

      nunca dirigi o Focus 1.6, mas não acredito que seja ruim. Como já fiz BH-Rio de Gol 1000 16V com 4 adultos dentro e não achei nenhum fim de mundo, teria um numa boa. Mas para quem gosta ou precisa de mais desempenho, tem que comprar o 2-litros, algo mais caro.

      Andaram anunciando Bravo Essence a 52 ou 53 mil, uns 5 ou 6 mil a mais que o Fiestinha. Também não é nenhum canhão (é pesado) mas já me serviria bem.

      Excluir
    10. Focus 1.6 é um ótimo carro, mto lindo deve ter uma put.. suspensão, mas como o cara acima mencionou p quem procura uma certa potencia, ele n é a melhor das escolhas. E posso dizer que o new fiesta anda muito mais, se não fosse o corno do motorista do focus me dar uma fechada ele teria ficado p um new fiesta km 06 pessoas dentro! Já ganhei de amarok 2.0 TDI, Gol gti 2.0, polo, city(acho q devia ser A/T pq foi mto facil e nos testes é pau a pau), SW4, fiesta rocam, courier, golf(facil facil rs), gol power.

      Excluir
  10. Há 16 anos atrás a Ford lançava o Fiesta 1.4 CLX 16V, que foi um carro muito mais interessante na época do que esse aí hoje.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pedro Navalha03/04/12 22:55

      Caro Perneta,

      Não se esqueça que esse Fiesta foi lançado na Europa em 2008 e causou um impacto danado. O carro, além de muito bonito, tem uma mecânica invejável (lá fora claro, já que aqui na Banânia temos que engolir essa porcaria de Flex).

      A versão européia, além de mais bonita que a mexicana, também tem acabamento melhor e opção de carroceria com 2 portas, na minha opinião, a mais harmoniosa de todas.

      Aqui só pegamos fim de feira mesmo...

      Excluir
    2. Aléssio Marinho03/04/12 23:20

      Perneta,

      Realmente, o Fiesta 1,4 l era fantástico.
      Quem matou o carro foi o motor. Todo de alumínio, não aceitava retífica. Só o kit do motor, vendido naquela época a 6 mil reais...
      Por isso que não os vemos em numero abundante.

      Já este novo é muito bom e bonito, mas o interior é apertado. E muito caro! 5 mil a menos ficava ótimo.

      Excluir
    3. Concordo plenamente, Aléssio. Caro e apertado. E para ser realmente um "compacto premium" falta ar digital e câmbio automático.

      Excluir
  11. AC, esse Fiesta é realmente muito bonito. Vi o Sonic Hatch ao vivo e também gostei. Eu não acredito muito mas li que o motor Ecotec 1,8L (144 cavalos) irá equipá-lo. Se for isto for verdade este, sem dúvida, será o sucessor do meu Corsinha 1,4L.

    ResponderExcluir
  12. Esse Fiesta é, definitivamente, o pequeno mais bonito no Brasil - talvez no mundo - na atualidade.

    Em categoria abaixo fica o Picanto, no Brasil.

    ResponderExcluir
  13. 5 mil a mais dava pra pegar um Sentra de entrada, com um motorzão e câmbio de 6 marchas ou um Tiida 1.8. Na faixa dos 50 mil não há mais muita coisa...talvez um Polo ou um Linea básico. Tinha o 307 1.6, que apesar de ter um desempenho ruim, estava 46 mil, mas acho que não sem encontra mais depois do 308.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hoje o Fiesta nada de braçada sobre o nosso Polo...

      Excluir
    2. Manutenção da Nissan é caríssima e lenta

      Excluir
    3. Renato, experiencia própria ou alguem que te contou isso? Temos um Sentra em casa, e posso te garantir que é tudo dentro da normalidade. O carro tá com 80 mil km e impressiona como pouco mudou desde 0km.

      Abraço

      Lucas CRF

      Excluir
    4. Renato, Nissan não quebra, é tão forte quanto Toyota, são carros indestrutíveis. Mas se você conseguir quebrá-lo, a manutenção é dolorosa mesmo.

      Excluir
    5. Exatamente, meu amigo que quebrou... ahaha ele tem um Tiida, quando se envolveu em um acidente, o custo foi muito oneroso e uma demora inaceitável na concessionária. Mas sem dúvida é um carro excelente, assim como o Sentra.

      Excluir
    6. O problema nos Nissan não é a confiabilidade (são fantásticos), mas a falta de peças nas concessionárias (boa parte da linha deles é importada). Tive que deixar o Tiida da minha esposa 3 meses na concessionária para esperar chegarem as peças da lataria. Mas, pelo que ouço dizer, é o mesmo problema que enfrentam donos de Hyundai e Kia.

      Excluir
  14. bom comentário. é de quem gosta de carro! uma dúvida: vale o que custa, o carro?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na minha humilde opinião, é caro demais. Pode-se comprar um Renault Grand Tour, uma perua bem acabada e que anda muito bem, pelo mesmo preço.

      Excluir
    2. Bosley de La Noy03/04/12 22:49

      Putz! Comparar o Fiesta atual com uma Renault Grand Tour é mais ou menos como preterir uma jovem linda e deslumbrante para ficar com a Hebe Camargo...

      Já que é para jogar dinheiro fora (comprar carro novo no Brasil é isso) pelo menos que seja com algo moderno e agradável aos olhos.

      Excluir
    3. Já disse: embora tenha um conjunto atraente, é caro e apertado. Para ser realmente um "compacto premium" falta ar digital e câmbio automático.

      Excluir
    4. Mineirim, esses dois itens existem na versão de topo SEL, vendida lá nos EUA. Na verdade, o câmbio é automatizado de dupla embreagem. Mas a sua crítica é justa, sim.
      Quanto ao espaço, realmente, é inferior ao Rocam.

      Excluir
    5. Eu acho que cada um vai ter uma resposta diferente à sua pergunta. Meu irmão não tem filhos, não é um cara que anda rápido mas detestava o Fox 1.0 que teve antes e adorou o visual do Fiesta. Se você for compará-lo com um Fox 1.6 bem equipado (bolsas infláveis, ABS, bluetooth), provavelmente vale o que custa.

      Mas se você encotrar um Bravo a 52 mil, já pode parecer caro demais. Eu diria que está na média, e é legal para quem curte um carro moderno, com tocada mais jovem (suspensão mais firme, direção rápida) e não liga de ser um pouco mais ruidoso ou ter bancos um pouco estreitos.

      Excluir
    6. ao Bosley de la Noy,

      Prefiro pegar a Vera Fischer do que alguma dessas adolescentes que se acham.

      Excluir
  15. Eu acho que vale o que custa, sim. Mas eu digo isso hoje.
    O modelo realmente tem um visual arrojado e diferenciado, e quem quer sair da mesmice geralmente está disposto a pagar um pouco mais.
    Amanhã, pode ser que fique caro, pode ser que surjam outros modelos de design ainda mais atraente.

    ResponderExcluir
  16. Também acho o carro muito bonito, mas o painel dele é um dos mais feio que já vi!

    ResponderExcluir
  17. Não espanta o interior pobre: Nos EUA, para onde é exportado saindo da mesma fábrica mexicana que exporta para nós, o Fiesta é um carro barato, de entrada, com preço abaixo dos US$ 15.000. Aqui, no nosso distorcido mercado, virou compacto premium, quase médio.

    Mesma coisa acontece com o Fusion, um bom carro médio nos EUA, vendido aqui como carro de luxo, daí a falta de alguns mimos acaba causando estranheza. Por exemplo, que raio de carro de luxo é esse que só o vidro do motorista desce automático? É que lá na sua origem, isso é perdoável porque ele nunca pretendeu ser um carro de luxo...

    ResponderExcluir
  18. Fantastico esse Fiesta, anda muito..digo muito mesmo...o motor não para de subir é muito elastico, e andando dentro dos limites é muito economico.
    e vc ainda leva um carro muito belo e com bastante tecnologia embarcada...não tem nada melhor na categoria. Focus é melhor sem duvida, mas tem que ser o 2.0 o sigma é um pouco fraco, mas em alta vai bem tbm.

    ResponderExcluir
  19. Carro belíssimo. Na versão mais completa e ao vivo, realmente impressiona. Porém, é caro pelo que oferece. Com o atual preço, não está dentre os meus "desejáveis".

    Abraço

    Lucas CRF

    ResponderExcluir
  20. Gosto demais do Fiesta hatch. Se pudesse ter 2 carros, sem dúvida seria a minha escolha para o dia-a-dia.

    ResponderExcluir
  21. JOHNCONNOR03/04/12 21:30

    PELO PREÇO ACHO QUE PREFIRO ESSE AQUI:

    http://www.youtube.com/watch?v=40tc76LCwKc

    ResponderExcluir
  22. Sou leitor assíduo do AE e gostaria de deixar aqui minha experiência com o New Fiesta Hatch.
    No início de março eu resolvi trocar meu carro por outro, zero km, com preço na casa dos 50 mil reais (eu poderia estourar esse orçamento em no máximo mil reais, nada a mais). Nessa faixa de preço, encontrei basicamente new fiesta hatch e punto. Suvs (ecosport e duster) estavam fora de cogitação. Polo hatch era um bom candidato, mas na versão em que ficaria razoável em termos de opcionais, ele custa mais de 55 mil reais segundo o site da VW.
    Fiz um test-drive no punto e o fiesta, e acabei optando pelo segundo mesmo sendo um pouco mais caro. Não sei quanto a vocês, mas eu não nado em dinheiro, então a compra tem que ser passional, mas sempre dentro da minha realidade financeira. O punto (e o polo tb) é um carro muito bonito, mas que está no mercado a muito tempo, e logo deverá ser mudado. Pesa contra ele o péssimo hábito da fiat em descontinuar veículos para lançar outros (só não fez isso na linha uno e palio), fazendo com que um fiat usado desvalorize muito. Não faz o menor sentido comprar um carro sabendo que ele irá perder muito valor de mercado nos próximos dois anos (período que pretendo ficar com meu carro). Alem da questão comercial e de atualizações, o fiesta é mais completo. Na versão mais top (a que eu comprei), ele vem com 7 airbags, som completo (bt, viva voz, usb), bancos em couro com detalhes brancos, freio abs, controle de tração e estabilidade e todas as demais firulas que os outros carros tb possuem. Um punto, pra ficar tão bem equipado (exceto pelas coisas que não possui nem como opcional), ficaria o mesmo preço ou mais caro. Apesar da ford pedir 52400 reais em seu site, nas concessionárias consegue-se um preço bem melhor. Paguei 50 mil no meu, já com emplacamento (podendo escolher a numeração da placa), sensor de estacionamento e ipva 2012 pagos. Só pago ipva desse carro em dezembro de 2013. O fiesta tem 3 anos de garantia, o acabamento é bom (conforme o Alexandre disse), o desempenho é bom, o consumo é bom, o carro é bonito tanto por fora quanto por dentro e está atualizado com que a ford produz no resto do mundo. Nessa faixa de preço, não existe absolutamente nada melhor. Pode até ter carro que ande mais, ou seja mais espaçoso, mas que fatalmente tem preço de revisões mais caras (sem contar as manutenções corretivas) e a revenda futura é pior, sem contar a questão do design, que no caso específico do tiida, é de matar.
    Alexandre, discordo de vc quanto ao barulho de rodagem. Pelo menos no meu carro, ele é inexistente. O carro tem para-brisas acústico e ótimo isolamento, alem do motor praticamente não ter ruído e o cambio ser longo (mesmo do focus 2.0). Viajar com ele é uma delícia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu sogro comprou um new fiesta sedan no final do ano passado. Tive a oportunidade de dirigir o veiculo e posso dizer que é muito gostoso de guia-lo. Sem contar os itens de segurança e conveniencia. 07 airbags e ABS, bancos de couro, etc, etc. O motor sigma é superior ao rocam. Só tenho duas ressalvas para o new fiesta: primeiro o preço, muito alto (tanto é que a ford já baixou um pouco) e segundo o espaço interno, apertado em comparação com o antigo fiesta sedã, e no porta malas perdeu os amortecedores, que não ocupavam espaço e hoje no new fiesta são o conhecidos pescoço de ganso.

      Excluir
    2. Amaro
      Obrigado pelo seu relato. Considero a opiniao de quem é dono.
      Tenho a intencao de trocar meu atual Polo num NewFiesta , talvez nao tao equipado como o seu ...
      Fico na duvida entre ele e um focus 1.6 . que tods falam que é lento..
      Isolamento acustico para mim é importante , tinha ficado com a pulga atras da orelha qdo o Curvinel falou que escutava a rolagem dos pneus, mas vc esclareceu bem esse ponto.
      Abracos

      Excluir
    3. Amaro,

      o cambio longo é uma delícia, se não me engano 2750 rpm a 100 km/h. Mas andando com som desligado e janelas fechadas achei um pouco ruidoso sim. Nada que incomodasse, ligou o radio baixo ou abriu uma janela, nem se percebe. Não sei se é a frequência do som que entra, mas minha Zafira na mesma situação me parece mais silenciosa.

      Excluir
    4. Anônimo das 06:32:
      Antes de ter esse atual fiesta, eu tive um focus 2.0 (mk 2.5) e antes desse focus, tive outro focus 2.0 (mk 1.5). a diferença de desempenho do antigo focus 2.0 pro novo focus 2.0 é brutal (desfavorável para o novo). Fiquei tão decepcionado com a "cagada" que a ford conseguiu fazer com o desempenho do novo focus (mesmo mantendo o mesmo motor), que um ano depois da compra eu resolvi vendê-lo. Agora estou numa fase mais tranquila, onde desempenho não importa tanto, mas não me arrependo de ter trocado o focus pelo fiesta. Pelo menos no meu caso, estou mto mais satisfeito. Dica: se vai comprar focus, que seja o 2.0. Se o 2.0 já era devagar, o 1.6 deve ser uma tristeza.

      Excluir
    5. Alexandre, talvez haja alguma diferença no isolamento acústico da versão intermediária para a top, pois sinceramente não senti esse problema, e olha que antes eu vim de um focus, que tem isolamento primoroso. De qualquer forma, acho o fiesta bem silencioso. Ruidoso mesmo é o cruze, onde a GM não tratou direito do isolamento e o ruido do motor chega a incomodar muito.

      Excluir
    6. Lembrando que o consumo desse Fiesta é muito bom mesmo. Totalmente acima da média.

      Há´quem faça 20km/l na estrada rodando a 100km/h.

      Excluir
    7. Não sei se chega a isso tudo, mas na única viagem que fiz, consegui a boa média 10,5km/l usando etanol, andando numa média de 100km/l com o ar condicionado ligado o tempo todo. Com meu antigo "novo focus 2.0", nunca consegui mais que 8,5km/l (etanol) no mesmo percurso, com o ar condicionado desligado.

      Excluir
    8. Ricardo Simonsen16/04/12 21:29

      Minha sobrinha comprou um completo com sei lá quantos airbags por 50 mil na Zevel.

      Excelente carrinho, segundo o chato do meu irmão, que acha que os 2 Land Rovers (Discovery e Freelander II) dele são tudo e o resto é obstáculo.

      Excluir
  23. Aléssio Marinho03/04/12 23:24

    VJamaro;

    Desculpe, mas afirmar que a manutenção dos ford é barata é incorreto.
    Dos pequenos, para manter o carro até os 100 mil, o Fiesta Rocan é o mais caro de todos, com quase 6 mil dilmas. Imagina o New Fiesta...
    O mais em conta é o Siena, seguido do Logan.
    Ah, me dei ao trabalho de fazer essa pesquisa no sitios dos fabricantes a uns 3 meses, por curiosidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aléssio, valorizo sua pesquisa, mas minha metodologia foi diferente. As revisões da ford não são baratas, mas estão dentro da realidade dos preços cobrados pelas outras marcas (fiat com o punto e vw com o polo). Como meu atual "new" fiesta ainda está com 2 mil km rodados, não tive oportunidade de fazer nenhuma manutenção nele (e espero nem precisar rsrs). Mas antes desse fiesta eu tive dois ford focus 2.0 duratec, um da geração passada (mk 1.5) e outro da atual (mk 2.5) e em ambos não tive surpresas quanto a revisão. O preço cobrado pelas concessionárias pela troca de óleo e filtro de óleo, por exemplo, era mais barato do que em qualquer outra oficina da minha região (4,5l de óleo 5w30 sintético e filtro de óleo). Mesmo nas peças não cobertas por garantia ou revisão programada, o preço não era exorbitante. Foi baseado nas minhas experiências anteriores que eu afirmei que o preço de manutenção não seria alto. De qualquer forma, em um carro com 3 anos de garantia que eu pretendo ficar por uns dois anos (talvez um pouco mais), não pretendo fazer mais do que as revisões programadas (e com preço tabelado) e a troca de pneus e peças de freio (discos e pastilhas).
      Um grande abraço.

      Excluir
    2. Aléssio, há de se considerar também o preço do seguro no custo de manutenção. Em SP, o seguro do Siena é caríssimo.

      Excluir
    3. Siena pode ser até razoável porque qualquer mecanico mexe.

      Mas que os fiat e seus fire aparecem com frequencia lá no meu mecanico isso não tá escrito... eu nao quero um pra mim nao.

      Quer economizar em manutenção?
      Troque um Siena novo por um Corolla usado... garanto que compensa.

      Excluir
    4. Ricardo Simonsen16/04/12 21:31

      É porque você não viu quanto é a revisão de um Amarok que consegue ser mais cara do que uma Dodge Ram 2500.

      Excluir
  24. Tenho Ford a muitos anos e nunca tive problema serio com manutenção, só preventiva mesmo...já tive 3 Rocams , não sei quanto ao Sigma e Duratec se tbm são faceis de manter.

    ResponderExcluir
  25. Fabricação Ordinária, Reparação Diária!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ricardo Simonsen16/04/12 21:34

      Tem gente que idolatra uma marca e faz questão de xingar as outras.

      Para com isso camarada. Tive Versalles em 91 até 96 depois troquei por um Accord 94, Passat 99, Accord 03, Accord 06 e Fusion 2008 que troquei num Sonata.

      Fiquei anos sem Ford e voltei pra marca. Fusion foi um carro excelente!!!

      Excluir
    2. Como vc sabe que a fabricação é ordinária?
      Não sabe não fala!

      Excluir
  26. Tive Fords.
    A suspensão tem vida útil curta. Sempre foi um saco.
    Dois deles a caixa de direção foi trocada.

    Tenho Volkswagen.
    A suspensão também se vai aos 40/50mil km.

    Tive dois Renaults.
    Supreendentemente as suspensões originais ultrapassaram 100mil/km em condições.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tambem guiando feito um louco, nao ha suspenssao que aguente!

      Excluir
    2. preciso repetir que o do Renault durou mais de 100.000km pra voce entender a comparação?

      ou quer que eu faça um desenho?

      Excluir
    3. AHAHAHHAHA

      suspeNSSÃO????

      que merda...

      Excluir
    4. Ricardo Machado04/04/12 22:13

      Ledoni,

      Que coisa feia ficar apontando erro dos outros...

      Saiba que nem todos nesse blog são pessoas cultas e educadas como você, que sabe usar até a palavra merda com elegância.

      Seja mais humilde e guarde a matéria fecal só na sua cabeça!

      Excluir
    5. Ricardo Ledoni Machado05/04/12 07:02

      Machado,
      Vai aprender a interpretar o texto antes de fazer como o babaca lá de cima que chega limando o comentário do cara sem nem entender.

      E o Ledoni causou com o erro de português justamente porque o cara que comentou o comentário do primeiro anônimo é folgado.

      Agora faz o seguinte: vai cagar.

      Excluir
    6. manhêeee! olha ele!

      Excluir
  27. Quando troquei de carro, tive a oportunidade de escolher entre o Focus 1.6 ou New Fiesta 1.6 e posso afirmar:

    O maior problema do New Fiesta é o preço próximo do Focus 1.6.

    Focus é mais pesado? Sim.
    Focus é mais largo? Sim.
    Focus é mais comprido? Sem dúvidas.
    Focus é mais lento que o New Fiesta? Com certeza.
    Focus é um carro de categoria superior ao New Fiesta? Sim, tanto em acabamento quanto em mecânica. É um dos hatches médios com melhor espaço interno do mercado atual.

    Sobre o desempenho, não preciso subir o giro pra cima de 3 mil como alguns citaram. Na estrada @ 120km/h, o carro está em baixos ~3100 RPM em 5ª Marcha.

    Por 50 mil dilmas, eu não compro um New Fiesta se o Focus estiver por preço muito próximo.

    Só para comparação, paguei R$49,500 no meu Focus 1.6 GL em fevereiro de 2011.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rodolfo,

      por isso acho que falte um algo mais no Fiesta. Um 500 custa o mesmo que um Palio 1.6 com air bags e ABS, anda menos, é apertado, ou seja, nada racional. Mas não tem como ficar indiferente ao interior claro, banco de duas cores e outras frescurinhas.

      Se o Fiestinha, além do belíssimo visual da carroceria, viesse com um interior mais transado, justificaria melhor o preço. Um cara jovem (ou nem tanto) pagaria quase um Focus para não ter que andar no carro do pai de família e sim num hatch menor porém mais 'descolado'.

      Excluir
    2. Rodolfo, tive um focus 2.0 GLX 2010/11 (tirado em novembro/10) e agora tenho o new fiesta (versão top) 11/12 (tirado em março/12). Minhas impressões sobre os dois carros são opostas as suas. Sobre as dimensões realmente não há oq discutir, o focus é maior e mto mais espaçoso mesmo, afinal é de um segmento superior. A suspensão do focus é maravilhosa, enquanto a do fiesta é "somente" muito boa. O desempenho do focus 2.0 era pouca coisa melhor que o do fiesta. A ford errou MUITO a mão no acelerador eletrônico, deixando o carro muito lerdo nas saídas (tanto é que muita gente na internet usa o tal "sprint booster", dispositivo que faz o acelerador responder mais rapidamente). Lembra muito os primeiros aceleradores eletrônicos da VW, muito lentos na resposta. De resto, achei meu atual fiesta igual ou superior em tudo. O fiesta top tem mais itens de segurança (7 airbags, controle de tração e estabilidade, fora o ABS que ambos possuem), som com mais recursos (somente nos ultimos focus 2.0 10/11 em diante que vieram com BT e usb), tem bancos em couro (opcional no focus) alem de um monte de outras frescurinhas (para-brisas com isolamento acústico, freio de auxilio em subidas e descidas, comandos de voz, etc...).
      Oque vc tá dizendo sobre a diferença de preço existe em todas as marcas. É a dúvida entre pegar um carro menor porem top ou um maior porem com menos itens de segurança e conveniência. Como não tenho família, optei pelo menor top. Entre pagar 50 mil num fiesta top ou num focus 1.6 gl (o mais básico de todos), eu não pensaria duas vezes em pegar o fiesta.

      Excluir
    3. Alexandre, vc achou o interior sem sal pq estava na versão intermediária. A versão mais completa possui bancos em couro com detalhes brancos, que dão um visual muito jovial ao carro. Alem disso os leds frontais são um charme a parte, deixam o carro mto bonito a noite. Sinceramente não consegui achar nada onde o fiesta tivesse aspecto mais "sobrio" que o focus, ele é sempre mais jovial e descolado em tudo. Desde o painel de instrumentos, até o esquema do ar condicionado, o apoio de braço, os porta-copos, o design do som, o banco em couro com detalhes, etc... Veja bem, não estou dizendo que o interior do focus é feio, pelo contrário, é lindo, muito bem acabado e agradável, só que o do fiesta é mais descolado sim. Oque matou o fiesta é que a versão simples e intermediária não possuem os leds e a estampa do tecido dos bancos é pobre.

      Excluir
  28. Ei Cruvinel, cite quai s seria os modelos ca categoria acima que com 5 mil vc compra sem perder em acessórios e segurança??!!

    ResponderExcluir
  29. "A direção com assustência elétrica é bem leve em manobras, mas estranhei um pouco com o carro em movimento. Passa a impressão da posição central ser quase inexistente, e por conta de ter uma relação rápida mesmo no começo do esterço, incomoda um pouco em velocidades mais altas em linha reta. Provavelmente questão de se acostumar, mas em uma semana eu ainda estranhava um pouco, às vezes parece que você não vai conseguir fazer o carro andar reto por muito tempo, qualquer mexidinha mínima no volante e ele já cisca para um dos lados."

    No episódio 2 do Top Gear de 2002, falaram o mesmo de uma versão bombada do Focus que testaram. O carro deixou pra trás Civic Type R e um Impreza não por causa da velocidade máxima ou aceleração, mas pela velocidade que fazia curvas. Em compensação reclamaram bastante da dificuldade de deixar o carro reto na pista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não sei pq o cara reclamou disso, esse é o legal do carro. P fazer uma curva vc só da uma puxadinha minima e o carro já faz a curva.
      em rotatórias eu giro só um pouco o volante e afundo o pé, e ele faz de maneira muito boa, enquanto em outros carros eu preciso girar mto mais o volante! esse é o barato na minha opiniao! e nao tenho problemas em andar em linha reta, acho q ele devia ter pego um carro desalinhado rsrsrs

      Excluir
  30. Ola vjamaro. Vc eh de sp? Comprou seu newf em qual concessionaria?? Vlw!

    ResponderExcluir
  31. Gostei da matéria e dos comentários, mas me digam uma coisa, é a primeira vez que não ouço falar exaustivamente de um tal de problema na caixa de direção. Não sei se é verdade ou não, mas se for boato, pegou forte em outros sites... Não fosse isso, já teria comprado, pois apesar de mais apertadinho, é bonito e qual carro seria possível comprar por 50k com 07AB e ESP? Nenhum. Se não tivesse esse boato e um cambio automático por uns milzinhos a mais, seria perfeito. Gostaria de saber o que acham desse tal problema, se existe realmente ou se foi uma maldade que infelizmente pegou...

    ResponderExcluir
  32. O pessoal fala que com mais 5 mil comprava um carro, com mais 6 mil comprava outro... não sei pra vocês, mas pra mim, 5 ou 6 mil reais fazem muita diferença (até mesmo no financiamento)! Enquanto eu não acho 5 mil por aí, vou ter que ficar com o new fiesta mesmo!

    ResponderExcluir
  33. Estou com um golf sportline 2008 e querendo pegar um carro zero km na faixa de 45-50 mil reais. Estou pesquisando a uns 3 ou 4 meses, e a minha escolha provavelmente será um new fiesta top de linha. O principal ponto positivo pra mim foi o valor do seguro, sairei do meu golf com seguro na faixa de 2.600 reais para um carro de maior valor segurado por 1.500, com as mesmas coberturas na apólice.
    Outro ponto positivo é o visual, gosto é gosto, e não se discute, porém eu adorei o novo visual, sou casado a pouco tempo e não pretendo ter filhos nos próximos 3 anos, logo espaço interno não será problema.
    Caso efetue a compra, devo voltar aqui postar minha impressões.

    ResponderExcluir
  34. Tenho um Fiesta Rocam 1.6 2012, foi o meu maior arrependimento. O carro é um verdadeiro 1.4.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse aí não tem nada a ver com a nova versão. O New Fiesta só tem em comum o nome, mais nada!

      Excluir
  35. OLA PESSOAL Gostaria de comprar um carro no valor de 50 mil, estou em duvida entre o new fiesta 0 km e o new civic 2010 o que devo faser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tive a mesma dúvida e optei pelo New Fiesta Hatch (top de linha), não me arrependi ainda rsrs....

      Excluir
  36. Esse Cruvinel testa um meio carro e quer tirar conclusões... Ande no top de linha e a conversa será outra... E outro carro...
    Não tenho dúvidas em afirmar que a maior virtude do New Fiesta eh o prwzer que proporciona ao piloto... Não eh a toa q eh a referência da categoria a nível mundial...

    ResponderExcluir
  37. Bem, comprei o New Fiesta Hatch na versão top de linha e devo dizer que concordo com tudo o que o Amaro disse. Não ouço barulho algum dentro do carro se mantiver o som desligado e os vidros fechados... e olha que sou meio maníaca com relação a ruidos, ODEIO todos.
    Estou muito feliz com a escolha, é um carro muito macio e anda muito com muita estabilidade.

    ResponderExcluir
  38. Fernando Roque24/11/12 13:15

    Gostaria de saber do VJAmaro, como ele colocou o sensor de estacionamento citado por ele, pois acabei de comprar um New Fiesta Hatch versão Top e segundo a concessionaria o sensor de estacionamento não faz parte do terceiro e ultimo pacote fechado (top)... Inclusive nem me deram a opção de adquirir como opcional...

    ResponderExcluir

O Ae mudou de casa! Todos os posts do blog foram migrados para o site. Por favor busque por este post no site e deixe o seu comentário lá.
Um abraço!
www.autoentusiastas.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...