Google+

FALE CONOSCO


Fale conosco:

Ou diretamente com um colunista:

Alexandre Garcia – alexandregarcia@autoentusiastas.com.br
André Dantas – andre.a.dantas@autoentusiastas.com.br
Arnaldo Keller – arnaldokeller@autoentusiastas.com.br
Bob Sharp – bobsharp@autoentusiastas.com.br
Carlos Maurício Farjoun – cmfarjoun@autoentusiastas.com.br
Felipe Madeira – felipe.madeira@autoentusiastas.com.br
Josias Silveira – josias.silveira@autoentusiastas.com.br
Juvenal Jorge – juvenal.jorge@autoentusiastas.com.br
Marco Antônio Oliveira (MAO) – marco.a.oliveira@autoentusiastas.com.br
Marco Aurélio Strassen – m.a.strassen@autoentusiastas.com.br
Milton Belli – milton.belli@autoentusiastas.com.br
Paulo Keller – paulo.keller@autoentusiastas.com.br
Portuga Tavares – portugatavares@autoentusiastas.com.br 
Roberto Agresti – agresti@autoentusiastas.com.br
Roberto Nasser – rnasser@autoentusiastas.com.br
Wagner Gonzalez – wagnergonzalez@autoentusiastas.com.br 

201 comentários:

  1. Real Power
    Sua idéia é otima, mas com a nossa atual estruturá é inviável. E nos falta o essencial: tempo. Mas agradeço muito seu interesse e sugestão. Não me esquecerei disso.

    ResponderExcluir
  2. Senhores, sugiro uma matéria sobre a interferência da qualidade da pavimentação na eficiência dos motores automotivos.
    Relato o seguinte fato: todo domingo faço um percurso de 34 km, dois trechos de 17km, com trânsito completamente fluido num fox 1.0 com a minha família. A média histórica de consumo é 18,5km/l de gasolina (pelo CB), com velocidade média de 65km/h, numa pavimentação sofrivel, tomada por remendos mal feitos, desníveis, fissuras, buracos, e outros diversos obstáculos.
    Após a conclusão de um bom serviço de recapeamento desta pista, vem a surpresa:
    a média no CB passou para 21,8km/l e 22,1km/l. POuco mais de 20% de adito no rendimento.
    A finess desta informação pode ser aferida por todos nós que andamos de bicicleta, diante da piora no substrato de rolagem, nos leva a dispensar mais energia para manter a velocidade pretendida, cansa mais!!!!

    ResponderExcluir
  3. Caros amigos autoentusiastas, gostaria muito de um conselho de vocês.
    O aniversário do meu irmão está chegando e sei que ele tem um desejo antigo de fazer um bom curso de pilotagem..
    Tenho procurado e de um modo geral fiquei entre 3 cursos: o Roberto MAnzini, BMW driver training e o lancer experience.
    Gostaria de um curso que aliasse tanto a parte tecnica de fundamentos (como fazer curvas, dicas de direção defensiva e evasiva) quanto também que desse pra se divertir um bocado! Tanto o da bmw quanto o do lancer são muito sedutores pelos carros em si que serão usados, mas pra mim tem que ter a parte de conteúdo bacana tambem!
    Gostaria de uma ajuda no direcionamento da minha escolha, podendo ser um desses cursos como até algum outro que vocês prefiram!
    Agradeço desde já o espaço para tirar dúvidas, tenho certeza de que não há melhor grupo do que vocês para me ajudar nessa!
    Abraços a todos

    Felipe

    ResponderExcluir
  4. blogger
    Você não quer dizer barra de direção? Essa peça é que tem roscas invertidas em um lado e outro. O motivo dos tipos de rosca é para a barra poder variar seu comprimento, essencial para ajuste do ângulo de convergência. Quanto ao lado de montagem é só obsevaro sentido da rosca.

    ResponderExcluir
  5. Caro Bob, obrigado por me ajudar na escolha, optei pelo curso do Roberto Manzini mesmo!
    Outra pergunta, vocês estão preparando algo especial para o salão do automóvel?
    Abraços
    Felipe

    ResponderExcluir
  6. Henrique
    Isso se faz julgando os próprios parâmetros de conhecimento e experiência. Não existe um roteiro específico para isso.

    ResponderExcluir
  7. Olá eu sou Hélio Aguiar e trabalho com uma empresa de anúncios e estou com uma oferta mensal para os ADM do blog, dependendo do seu numero de visitas posso pagar até 100 reias mensais para hospedagem dos meus anúncios no seu blog, se houver interesse entre em contato com o helioaguiar3@gmail.com, Grato. Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  8. Caro Bob, tenho um Karmann Ghia 1970 em condiçoes de originalidade muito boas e está chegando a hora de trocar novamente os pneus (troquei apenas uma vez, quando os originais praticamente se desmancharam).
    Gostaria de substituí-los por outros do tipo radial e tenho procurado, mas, aqui onde moro - Cotia - não tenho tido bom resultado.
    Voce poderia me recomendar alguma medida mais adequada e marcas que se possa encontrar ? Grato.

    ResponderExcluir
  9. Olá Bob,
    Estou para fazer a aquisição de meu primeiro carro, mas estou em duvidas entre o Punto T-jet e o New Fiesta, ambos 2013, é claro que para comprar o New Fiesta 2013 terei de esperar um pouco mais, enfim, tenho pesquisado muito, inclusive em seu site, o qual gostei muito, ja dei uma olhada no HB20, 308, Etios entre outros, mas o que mais me agradou até agora foi o Punto que para os padrões Brasileiros esta com uma exelente aparencia interna e bons itens e opicionais, pesando a favor do Fiesta (na minha humilde opinião) somente seu visual externo, (mais não ligo tanto para isso). Estou ansioso pela compra de meu primeiro brinquedo, mais gostaria da opinião de intendedores do assunto pois como nunca tive um auto, não sei bem qual a melhor opção, e não quero errar muito feio pois a compra é resultado de anos de ecônomia e trabalho.
    Muito Obrigado! (não sei se você pode possicionar-se sobre o assunto afinal diz respeito a duas marcas destintas, mais de qualquer forma Obrigado!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só uma correção, brinquedo foi só uma figuração de linguagem, não acho que carro seja brinquedo não! Até agora nimguem ajudou em minha duvida, acho que vou optar pelo Punto mesmo, Tomara que não me arrependa!
      Até! e Obrigado!

      Fernando

      Excluir
  10. Quem poderia me informar a capacidade em litros para o liquido de arrefecimento do C3 Flex 2010.

    ResponderExcluir
  11. Bob, sobre os pontos, segue o trecho do noticiado (http://www.correiodopovo.com.br/Noticias/?Noticia=476641)

    "O motorista do Honda Civic que, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) provocou acidente que deixou sete mortos e um ferido, nesta segunda-feira, em Soledade, já havia sido multado quatro vezes, apenas em 2012. As infrações de Jairo Martins Machado, de 32 anos, renderam 22 pontos na carteira e a suspensão do direito de dirigir.

    Duas autuações foram em julho por dirigir sem cinto de segurança e ultrapassar em local indevido na BR 386, mesma rodovia em ele e a família morreram. As outras duas foram em junho, em Santa Catarina, por excesso de velocidade. O registro da pontuação, no entanto, ainda não havia ocorrido, em função dos prazos de defesa."


    Não tem como não pensar "o que faria no lugar do motorista da S10". Difícil, mesmo praticando direção defensiva, sempre cuidando dos outros e prevendo situações de perigo.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo 21/11/12 00:21
      Pelo jeito é um motorista perigoso mesmo, não tanto pelo excesso de velocidade ou andar sem cinto atado, mas por ultrapassar em local proibido. E não dá mesmo para imaginar o que o motorista da S10 poderia ter feito.

      Excluir
  12. Olá AUTOentusista,

    Encontrei seus comentários, inclusive o teste que fizeram no Novo Voyage, depois de ter encomendado o meu VOYAGE TREND 1.6 que prometeram que chegaria até o próximo dia 23/11.
    Até ai tuddo certo, mas, depois localizei o mesmo video novamente, mas, com uma resalva no final, onde vocês mencionaram a chegada do BlueMotion com melhorias significativas, que influenciaram na segurança ao dirigir o carro (direção). O problema que a vendedora que me atendeu, não falou nada sobre o BlueMotion, inclusive voltei na loja para perguntar se meu carro viria com estes equipamentos, ela respondeu com uma negativa, alegando que o BlueMotion era do carro modelo antigo, que os novos não dispunham deste item.
    Puxa, fiquei chateado, sobretudo por entender que a vendedora era despreparada para exercer a função de vendedora, por não conhecer o produto. Aliás, percebi que quando fui ver o carro, ela teve dificuldades para identificar a cor que eu queria.
    O meu carro vem com pnes de aro 15. Você acha que se eu substitui-los pelos aros 14 apenas, não será suficiente para deixar o carro mais na mão?
    Se puder me responder eu ficaria muito agradecido.

    Bento Bruder
    wind_bruder@hotmail.com




    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bento
      Por que trocar os pneus? Não há necessidade, o comportamento não irá melhorar.

      Excluir
  13. Caro Bob, boa noite!

    Qual não foi minha surpresa ao receber um email seu, pessoa e profissional por quem nutro o maior respeito e admiração. Há muito acompanho seus artigos em diversas publicações e me recordo em especial de seus ensinamentos e aventuras sobre Fuscas e Kombis, máquinas das quais sou grande fã.

    Fico muito feliz de ter o nosso site, um projeto modesto, despretensioso e pessoal, na lista dos seus recomendados.

    Certamente retribuirei, não apenas como cortesia, mas também por admiração ao excelente conteúdo do autoentusiastas.

    Espero manter contato. Se algum dia precisar de alguma ajuda, em qualquer âmbito, em especial sobre o tema caminhão, estarei à disposição.


    Um forte abraço e muito obrigado.


    Evandro Fullin.
    http://caminhaoantigobrasil.com.br/


    ResponderExcluir
  14. Ao Reynaldo do dia 28/12 a revista Race Master fez um teste com um Astra medindo a potência em um dinamômetro de rolo antes e depois de usar o MILITEC, e segundo a mesma hoouve um ganho de aproximadamente 5% de potência. Um colega de trabalho houve dizer (daí você percebe que não quero me comprometer) que este tal MILITEC foi desenvolvido para o exército dos EUA para permitir que um motor continue funcionando por algumas horas mesmo quase sem óleo. Ou seja minha resposta não ajudou em nada, melhor eu não me identificar.

    ResponderExcluir
  15. Gostaria de fazer um comentário sobre 2 testes de frenagem de 2 carros.
    Cruze Sedan-1300 kG-ABS 8 geração-disco nas 4 rodas. 100 Km/h-26,0 metros(vídeo Carlos Cunha -you tube).
    J3-1060 Kg-ABS 8 geração- disco na frente, tambor atrás. 80 Km/h-26,0metros.
    A pergunta é :a que se atribui esta diferença tão grande no rendimento. Penso que o fato do J3 ter freio a tambor na traseira seja um fator e a aderencia dos pneus Champiro também. Existe algum outro fator que seja relevante?

    ResponderExcluir
  16. Anônimo 18/12/12 11:11
    Há muitas variáveis envolvidas, como pneus, condição do piso, motorista, equipamento de mediçào etc. A única certeza é de que o fato de ser freio traseiro a disco ou tambor não inteferir no resultado. Não dá para se chegar a nenhuma conclusão sem conhecer as condições exatas dos testes.

    ResponderExcluir
  17. Sr.Sharp
    tentei postar comentário e o 'sistema' exigiu q. eu' provasse q. não era um robô',lendo e digitando uma 'chave' q.,por ser quase cego,não consigo ler.
    Sem entrar em considerações qto. à necessidade ou conveniêmcia de adotar esse procedimento no acesso ao blog,devo concluir q. estou mesmo excluido da participação q.,pelo menos enqto. durou,foi muito gratificante.

    Feliz Natal pra todos

    ResponderExcluir
  18. Caro Gaboola
    Também não suporto ter de digitar essas letras, mas fui levado a usar essa ferramenta do blogger devido a um derrame de comentários, alguns dias atrás, simultaneamente em vários posts. Vou considerar seu argumento e discuti-lo com o meu grupo, mas por enquanto lhe peço paciência e recomendo que use uma lupa para ler melhor as letras. Não quero perder sua participação.
    Um abraço
    Bob

    ResponderExcluir
  19. Esta semana eu estava com esta duvida, e achei que seria muito interessante perguntar a equipe do AE:
    -Supondo suas versões de um carro hipotético, com dois motores diferentes, com o mesmo peso e a mesma potencia, Sendo que um é um motor que gira mais alto, e com menor torque, e o outro é um motor com limite de rotações menor, porem com muito mais torque. Suponha tambem que o construtor dos carros usou uma transmissao otimizada para aproveitar as caracteristicas de cada motor.
    Qual carro vcs escolheriam, e por que?
    É apenas uma curiosidade, nao estou pensando em um carro real.

    Abraço

    ResponderExcluir
  20. Aeroman
    A escolha seria para o de maior torque. Mas esse motor, pelas características que você enumerou, só poderia ser turbo, e desse modo eu o escolheria, pois consome menos e mantém potência com a altitude, o que aprecio. Se não for turbo é impossível que dê a mesma potência com rotação menor e tenha muito mais torque.

    ResponderExcluir
  21. Bob,

    Na verdade eu imaginei justamente o contrario. O de menor torque poderia ate ser turbo, mas pensei em um motor moderno que pudesse subir a 7500 ou 8000 RPM, e para o de maior torque um motor de grande cilindrada e tecnologia mais antiga, como por exemplo um velho V8, que nao passe dos 5000 RPM, mas com torque de sobra.
    Como é apenas uma hipotese, achei que o tipo do motor nao seria importante na comparação, apenas o valor do torque, e a rotação aonde aparece a potencia maxima.
    Obrigado pela opinião!

    Abraço

    ResponderExcluir
  22. Me ajude BOB! Tenho passado por aqui uns tempos atrás a respeito do meu classic 2012, não sei se está lembrado! Pois bem, foi trocada a caixa de direção do mesmo e para minha surpresa, o volante do veículo ainda vibra e sinto uns leves tranquinhos vindo do miolo do volante(isso passando em ruas de paralelepípedos). Será que isso é característica do classic 2012?

    ResponderExcluir
  23. Jheff
    Você contatou a fábrica pelo SAC? Foi atendido? É difícil daqui, a distância, dizer se a direção do seu carro está ou não normal, mas algum resposta do solo no volante é normal em qualquer carro. lembre-se, tudo começou quando você me disse em 9 de agosto que o carro "tremia inteirinho", isso sim é que não é normal.

    ResponderExcluir
  24. Contatei sim! Fui atendido, e substituíram a caixa de direção.Pois bem, mas ainda sinto uns tranquinhos vindo da coluna, no meio do volante. Acho que essas vibrações existem mais nos carros da GM, já andei em outras marcas e não senti tanta interferência no volante! Amanhã vou dar uma passada na Viamar novamente, vou ver o que pode ser feito pra me ajudar. O que eu fico meio preocupado é que, em outras marcas automotivas, não percebo tanta vibração no volante por conta do asfalto irregular!

    ResponderExcluir
  25. Obrigado pelas palavras Bob! Quanto a andar no carro, foi brincadeira! rsrs! Um abraço!

    ResponderExcluir
  26. Olha eu de novo Bob! Hoje deixei meu carro na oficina novamente, por conta de uns socos no volante, mesmo depois de ter trocado a caixa de direção. Andei com o chefe da oficina Viamar, ele disse que estava compreendendo o que estava lhe passando a respeito do carro. Então marquei pra hoje e deixei o carro o dia inteirinho! Hoje de tarde quando fui buscar o carro, fui surpreendido pelo mecânico me dizendo que não tinha nada pra fazer no carro, falou que substituiu a coluna e que o carro se comportava da mesma maneira, ou seja, trepidando e dando trancos no volante. Estou decepcionado com a chevrolet!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. jheff
      O que você tem que fazer é acionar a fábrica novamente, mesmo que o que você está sentindo na direção nada tenha de grave, parecendo-me mais algo que o tem incomodado. Mas de qualquer maneira você tem o direito a um atendimento e esclarecimento do que está acontecendo. Insista, não pare.

      Excluir
    2. Bob!!!! Resolvi a trepidação do meu classic, era a coluna de direção. Levei em um mecânico de confiança e ele fez o reparo pra mim, agora sim o carro está perfeito! Ccs nunca mais!!!

      Excluir
    3. jhell
      Qual o reparo feito?

      Excluir
    4. Bob!
      foi trocado as "buchas" ou os rolamentos que tem na coluna.

      Excluir
  27. Caro Bob, gostaria muito de um conselho seu.
    Tenho um Mitsubishi Lancer e está chegando o momento de trocar o jogo de pneus.
    O carro vem de fabrica com pneus yokohama A10 215/45 18.
    No quesito eficiência estou extremamente satisfeito, excelente estabilidade e grip em curvas e até mesmo em chuva! No entanto, nem tudo são flores… com a grande ajuda do nossos asfaltos cada vez mais rugosos (assunto esse ja discutido em posts daqui) o nível de ruído transmitido para dentro da cabine é bem expressivo, a ponto de ser irritante (pelo menos para mim), por hora a solução foi mesmo aumentar o volume do radio.
    Pensando em melhorar um pouco o quesito conforto tenho pensado em outras duas medidas para substituir a medida original: 225/45 ou 245/40.
    Pelo que andei pesquisando, os 225 teriam mais confortos por ter maior altura de borracha, mas no entanto perderia um pouco de estabilidade e grip. Na sua experiência, você optaria por qual?
    Sei que se eu optar pelos 225, eu terei um carro mais confortável; mas você acredita que sentirei diferença na questão de estabilidade e grip? Ficarei com um carro menos estável do que se mantivesse as medidas originais?
    Tenho um conhecido que colocou os 245/40 e esta muito satisfeito, ja rodou 10mil kms com os mesmos, no relato dele o conforto melhorou um pouco e ele notou grip maior ainda do que o já alcançado na medida original do veículo.
    Por esses motivos gostaria muito de uma ajuda sua!
    Agradeço o espaço do blog para perguntas e peço desculpas pelo longo texto!
    Abs
    Felipe

    ResponderExcluir
  28. Muito obrigado pela rápida resposta Bob!
    Então tendo em mente a escolha pelos 225/45, gostaria de fazer mais algumas perguntas.
    Esse pequeno aumento na altura da borracha, é suficiente para me trazer uma notavél melhora no conforto? Será expressiva a melhora no quesito de ruído interno?
    E no quesito de estabilidade em curvas e grip, a "piora", em relação à medida original de 215/45 será igualmente expressiva, percebida ou praticamente nula?
    Enfim, na sua opinião, terei mais a perder ou a ganhar realizando essa troca de medidas dos pneus?
    Abraços
    Felipe

    ResponderExcluir
  29. Felipe,
    Melhoria no conforto, pouco, mas dará para sentir. No grip, um pouco mais, sem dúvida. Em que não haverá diferença é no ruído de rolagem sobre asfalto rugoso. Lembre-se que o diâmetro1,2% maior deixará o velocímetro com menos erro, será preciso ficar atento aos limites de velocidade e câmeras. Respondendo à sua pergunta final, só se você objetivar mais grip é que a troca valerá a pena. E não terá nada a perder.

    ResponderExcluir
  30. Muito obrigado pelas sugestões bob, foram de grande valia na minha decisão!
    Abraços
    Felipe

    ResponderExcluir
  31. Salve salve entusiastas, preciso da ajuda de vocês... Algum tempo atrás, navegando perdidamente pelo blog, achei um site americano sobre mecânica e engenharia, um dos leitores havia comentado e resolvi dar uma olhada. Lembro que esse site era fantástico, o salvei nos favoritos, algumas horas depois caiu um raio aqui e meu HD foi pro espaço! Agora que a situação se normalizou, lembrei do referido site e não consigo encontrá-lo de jeito nenhum, caso alguém saiba de qual estou falando e puder postar o link pagarei com minha eterna gratidão hahaha
    mas é sério galera, o site é foda! Apenas lembro que o background dele é branco e na página inicial tinha tópicos separando "engine", "transmission", "exhaust", "tires", etc.. Obrigado galera!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não temos idéia de qual site seja, lamentamos.

      Excluir
    2. tá certo, vou continuar me perdendo aqui pelas páginas do AE, quem sabe encontro o referido site novamente... Mas se puder me indicar alguns bons sites sobre o assunto, já fico feliz!! Desde a pré-adolescência tenho grande interesse por carros e mecânica, e estou ingressando este ano no curso de engenharia mecânica, espero adquirir o conhecimento necessário para desenvolver sistemas tais quais os que me fizeram escolher esta área.

      Excluir
    3. Acheeei! \õ/
      estava ná página do texto sobre a BMW 528i (http://autoentusiastas.blogspot.com.br/2012/10/bmw-528i-motor-pequeno-potencia-de-sobra.html)
      e o site é o "http://www.autozine.org/technical_school/tech_index.html"
      Passarei algumas horas mergulhado nos textos deles, e talvez tatue no braço a URL do site hahahaha
      Até mais entusiastas!

      Excluir
  32. Pessoal do AE, surfando atrás de um bom artigo sobre ruidos em pneus acabei tropeçando aqui no AE, que eu não conhecia. Basta dizer que o simples fato, para mim, do Bob Sharp escrever aqui já atesta a credibilidade do conteúdo. Este mundo não é tão grande como parece, sou funcionário do grupo VW faz muito tempo, e também de longe assinante do Estadão, onde o Bob costumava participar ativamente do Forum de Leitores. Conheço e compartilho a maioria das opiniões dele. Um abraço, voltarei com mais frequência. Agora a pergunta: Meu Fox apresenta um ruido de rodagem como se fosse algo preso no pneu (aumenta e diminui com a velocidade). Mantenho alinhamento e balanceamento em ordem, os pneus Goodyear Excellence originais de 50k kms estão visualmente intactos, mas o barulho incomoda. Já pensei em rolamentos, mas descartei, é mesmo pneu, tenho quase certeza. A grande dificuldade, vocês sabem, é achar um consultor de credibilidade, pois cada um vai tentar me vender alguma coisa. Já pensei em trocar os pneus por Continental. Fiz isso no meu outro carro (Golf) e ele como que "renasceu" para mim, tal a inacreditável diferença (para melhor) em relação aos antigos Firehawk. O que vocês aconselham ? Desde já agradeço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Newton,
      Sabe por que parei de escrever para o Fórum de Leitores do Estadão? Depois de reiterados pedidos à editora da seção para que não publicasse cartas falando de futebol, pois aquele espaço era nobre e não para ser desperdiçado com assuntos fúteis, teve um dia em que todas cartas foram sobre determinado jogo de futebol. Encheu, caí fora. Sobre o ruído que você cita, só pode ser, primeiro, num deles. Segundo, provavelmente é problema na carcaça, região da banda de rodagem. Imagino que você quis dizer ruído tipo um pedrinha presa nos sulcos, certo? Não posso lhe recomendar uma marca de pneu específica, pois o nível de excelência dessa indústria é elevado. Acho que vale a sua própria experiência, por exemplo, os Continental.

      Excluir
    2. Perfeito Bob. Quanto ao Forum, entendo sua posição. Pneus: desde já grato pela cordialidade e atenção. Sim, é um ruido similar ao que ocorre quando algum objeto fica preso nos sulcos, só que este é mais "grave" parece mais com a sensação que ocorre quando se passa sobre aqueles "sonorizadores" que ainda existem em algumas estradas brasileiras. Olhando o pneu, não se nota nada. Alguém me disse para checar rolamento de cambios, homocinéticas, mas o ruido em nada se altera engatado ou neutro, estou viajando ? Tudo converge mesmo para pneu com problema. A questão é que nem sequer chegaram perto to TWI, muito cedo para dar defeito. De qualquer forma, obrigado, se quiser acrescentar algo, fique à vontade.

      Excluir
  33. Boa tarde Pessoal do Blog. Conheci o blog há poucas horas mas de lá pra cá não consegui mudar de pagina. Já li vários artigos interessantes e já estou ficando "entusiasmados"... rsrs..
    Vendo a matéria sobre o punta-tacco e também a sobre troca de marchas no tempo, estive pensando que seria interessante um artigo sobre o DRIFFT.
    Não sei absolutamente nada de drifft além do que aprendi jogando Need For Speed.
    Eu queria saber o que é preciso ter em um carro para se fazer tal manobra.
    Abraço a todos, e parabens pelo blog... é excelente.. e "entusiasmante".. hehe..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Unknown 30/01/13 15:08
      O carro de drift precisa ser de tração traseira e ter relação peso-potência baixa.(pesar pouco e ser muito potente). Aguarde, virá em breve post a respeito. E bem-vindo ao AUTOentusiastas!

      Excluir
  34. Rafael Pinto05/02/13 14:30

    Olhem que engraçado essa matéria...

    http://www.foxnews.com/us/2013/01/29/stick-shift-baffles-would-be-car-thieves-in-florida/

    Os ladrões (PASMEM) não sabiam dirigir carros manuais!

    ResponderExcluir
  35. Enquanto isso, na China querem fazer centros de exposição de automóveis...
    http://www.piniweb.com.br//construcao/arquitetura/marquesjordy-vence-concurso-para-novo-centro-de-exposicoes-de-automoveis-277232-1.asp

    No Brasil, jogam Mini Coopers e o Museu do Automóvel de Brasília no lixo.

    ResponderExcluir
  36. Boa noite,
    Achei muito bom o blog de vocês. Comentários acertados de quem conhece carros. Peço que realizem um teste no Subaru Legacy e Impreza - me parecem carros muito bons mas esquecidos aqui no brasil.

    ResponderExcluir
  37. Bob, postei um comentário hoje, perto do meio dia, sobre o MiTo e ele não apareceu. Falei alguma coisa contra as regras? Um comentarista perguntou sobre importação independente e eu disse que era possível, mas havia que se regular o carro para rodar com nossa gasolina.
    Abraço

    ResponderExcluir
  38. Mineirim
    Estranho, não ter entrado nos comentários. Hoje recusei um comentário e não foi o seu, certeza absoluta. Além de você ser conhecido por nós aqui e sempre fazer comentários pertinenes, esse seu não teria motivo para ser recusado. Felizmente tenho arquivo de comentários, publicados ou não, e acabei de postar esse seu, está lá. Você fez bem em me avisar pelo Fale com o AE.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  39. Caro Bob, hoje me deparei com a seguinte matéria: http://carros.ig.com.br/noticias/vem+ai+o+big+brother+dos+carros/5839.html
    Esse assunto já foi bem comentado por aqui, mas se você ler a matéria verá uma curiosidade, não estão tocando no assunto de arrecadação de multas por tempo médio de passagem de um pórtico a outro! Ou seja, estão dando uma temperada pra ficar mais fácil de engolir, mesmo que depois venha aquela indigestão!
    Se você tiver mais notícias de como anda o processo de instalação ou de outras coisas a respeito que não são noticiadas a nós eu gostaria muito que vocês escrevessem a respeito.
    Abraços

    Felipe

    ResponderExcluir
  40. Felipe
    À medida que o assunto ficar mais claro e próximo de implementação, falarei a respeito. Tudo o que sei é que há problemas jurídicos para esse tipo de conrrole. Agradeço o interesse e o envio do link da matéria.

    ResponderExcluir
  41. Caro Bob,
    Notei tem algum tempo e venho testando para ver se retornou à normalidade. No entanto, por motivos que desconheço a ferramenta de busca do blog está ineficaz!
    Nunca foi assim, sempre achei com facilidade as matérias...
    Para exemplificar, agora mesmo busquei usando as palavras "lexus" "lucas" "principe das trevas" "GTR" (matérias que gostei muito e gosto de rever) e não encontrou resultado algum!
    O motivo de eu vir dizer isso é para melhorar o blog ainda mais e tornar facil novamente encontrar as matérias que gostamos de ler e não como críticas!
    Abraços
    Felipe

    ResponderExcluir
  42. Ola boa noite , estou interessado em comprar um escort 97 1,8 16 v , gostaria que ajudassem será que compessa , pois achei seu modelo bonito , não é só isso vem a questão de custo x beneficio, podem me ajudar , aguardo resposta tambem podem enviar no meu email lopesgp13@gmail.com

    ResponderExcluir
  43. Roberto Neves28/02/13 14:43

    Parabéns aos editores do blog, que tem excelente nível técnico e de redação!

    ResponderExcluir
  44. Aumento do percentual de Etanol na Gasolina

    http://g1.globo.com/economia/noticia/2013/03/governo-oficializa-aumento-do-etanol-na-gasolina-partir-de-1-de-maio.html

    _____
    42

    ResponderExcluir
  45. Caros colegas, meu nome é Vinicius e gostaria de uma opinião .. Li anteriormente um artigo seu sobre o Honda cr-v. Minha esposa está gestante e como moro muito longe dos pais dela estou pensando em adquirir um suv ou crossover nessa faixa de preço (ate 100.000), pois quero um carro que tenha esse perfil de família . Minha pergunta é: o crv seria uma boa escolha? Qual voce me indicaria ? Obs: em minha cidade tem consercionaria Honda , mas não tem KIA ou pegeut. Desde já agradeço o auxilio de vocês ,

    ResponderExcluir
  46. Olá! Parabens pelo blog, bastante instrutivo! Gostaria de uma opiniao de voces: seria melhor comprar um carro mais "antigo" tipo 2009, com baixa kilometragem (ate 20.000 km, originais, claro...) ou um mais recente, porem mais rodado, considerando que os preços são equivalentes. Abraços!

    ResponderExcluir
  47. Caro Bob, gostaria de esclarecer uma dúvida sobre medidas de pneus:
    Tenho um Logan 1.6, atualmente com pneus 195/60 R15. De fábrica, ele saiu com pneus 185/65 R15.

    Está chegando a hora de trocar os pneus, e gostaria de saber quais os prós e os contras de se manter o 195 e de voltar pro 185.

    Obrigado e parabéns pelo site!

    César

    ResponderExcluir
  48. Bom dia. Adoro ler as matérias deste blog. Tenho uma sugestão a fazer. Comprei meu carro analisando vários números, tanto financeiro quanto técnicos. O que sinto muita falta quando leio as matérias sobre as avaliações dos carros são curvas de potência e torque do motor. Minha sugestão fica então é de, sempre que possível, apresentar esse tipo de informação.
    Abraços e parabéns novamente pelo blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Renato,
      Poucas fábricas fornecem essas curvas, a Audi é uma delas. Mas você tem razão, vou passar a pedir e insistir para todas que me mandem. Agradeço a sugestão e a leitura do blog.
      Abraço!

      Excluir
  49. Caro Bob,
    como ja mandei algumas mensagens para você creio que você já saiba que eu tenho um Mitsubishi Lancer. Uma das coisas que gosto bastante no carro são as aberturas pantográficas do porta malas, artificio esse que como você bem sabe faz com que seja possível aproveitar totalmente a capacidade do porta malas.
    Minha mãe tem um Cobalt, que na propaganda adoram dizer que é um dos maiores porta malas da categoria, mas inadmissivelmente vem com os jurássicos "pescoço de ganso", e dependendo da mala fica impossível de fechar a tampa apesar de o mesmo comportar a bagagem dentro! Imagina então se tivesse abertura pantográfica?!
    Pensando nisso ja entrei em contato com algumas pessoas mas com quem falei ninguém soube me dizer se existe ou se é possível...
    Você saberia me dizer se há possibilidade de adaptar um sistema pantografico e cortar esse "pescoço de ganso" fora?
    Desde já agradeço o espaço para dúvidas.
    Grande abraço
    Felipe

    ResponderExcluir
  50. Caro Felipe,
    Fazer a modificação é tecnicamente possível, mas requer conhecimento específico do assunto pela dificuldade que apresenta. Não sei quem indicar para isso. O profissional que fizesse isso certamente teria fila na sua porta. Vou pensar nisso, fazer alguns contatos e, quem sabe?

    ResponderExcluir
  51. Combinado então Bob!
    Vou continuar procurando por aqui, se encontrar aviso a você!
    Realmente seria um filão, as vantagens seriam enormes!
    Abraços
    Felipe

    ResponderExcluir
  52. Ok, vou fazer uns teste, só pude testar um dia mas regulei essa semana com 2% achei um pouco curto, apesar de sua função ser para neblina e para baixa velocidade acho útil em estradas e dias de chuva.... vou testar com 1%. também achei quando vi, pois com lâmpada halógena quando usava o alcance era limitado, se aumentace o facho parecia que não servia para nada (veio desregulado um diferente do outro de fábrica e com alcance bem abaixo dos 2%), acabei recorrendo para lâmpada xenon 3000k para ter "utidade" o farol(tem um "copinho" a frente da lâmpada que não deixa ofuscar direto com o brilho do mesmo). mas de alguns carros que vi o alcance era curto de fábrica, com excessão do megane II que iluminava em uma distancia legal e do Fusion que vem com projetor na neblina e apesar de não ir muito longe tinha boa eficiência..

    Obrigado Bob e parabéns ao "Autoentusiastas", um dos sites que conheço que tem conteúdo!

    ResponderExcluir
  53. Bob, Estou querendo comprar um carro até R$ 29000,00, que tenho motorização acima de 1.6, Seja " completo", no máximo 3 anos de uso e não tenha cara de carro de entrada. Não esquento com consumo prefiro potência, conforto e manutenção. Estou e olho no Astra 2010, Megane GT, O que vc indica? Sou de Salvador mas não me importo com veículos de outros Estados. Obrigado

    ResponderExcluir
  54. Jessé,
    Não é ético o AUTOentusiastas ou qualquer órgão de imprensa recomendar que carro comprar. Isso é um papel de consultoria que não nos cabe exercer. O leitor pode fazer sempre é se valer das opiniões sobre os carros por ocasião dos testes. Espero que entenda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito Obrigado pela Atenção, é que teve um post há um tempo atrás sobre carros até determinado valor e o Mercado é dinâmico, se alguém Puder me ajudar agradeço.
      Sou leitor assíduo deste e diversos blogs, prefiro-os mas que Sites " Especializados", pois a participação de quem verdadeiramente usa e gosta os veículos opinião de maneira realística.

      Excluir
  55. Boa noite BOb, ou bom dia se for o caso.

    Sou leitor do Blog a alguns meses e estes dias, num raro momento de ócio criativo... he he, pensei em fazer uma sugestão:
    Lendo matérias, novas e antigas, com os respectivos comentários tenho observado que há leitores que gostariam de aprofundar alguns assuntos, compartilhar experiências e até tirar dúvidas que vão surgindo, mas que depois de passado algum tempo da postagem os leitores, e até mesmo o autor, param de acessar aquele post. Vejo inclusive que inúmeros questionamentos ficam sem resposta.
    Então a minha sugestão seria que fosse criado um fórum aqui dentro do Blog. Assim os participantes registrados, colunistas ou simples leitores, teriam mais facilidade para compartilhar comhecimentos e experiências, abrindo tópicos para enquetes, discussão, questionamentos, conpartilhar experiências, etc. Além de uma comunicação mais efetiva os leitores ainda dispoeiam de mais uma rica fonte de informações.

    ABRAÇO AUTOENTUSIASTA.
    Sergio S.

    ResponderExcluir
  56. Caro Sergio S.
    Você nem precisava se apresentar, conheço-o pelo grande número de comentários que você faz. Sua sugestão e boa, porém saiba que depois que passamos a moderar os comentários, o aviso que nos chega de que há comentário por moderar indica com precisão a que post – de qualquer época – se refere o comentário, bastando eu ou outro editor do blog acessá-lo e responder/comentar/esclarecer. Não é preciso que nós, do blog, fiquemos vasculhando os posts para saber se existe comentário novo.
    Além do aviso no próprio blogger de que há comentário novo, o sistema me envia um e-mail automaticamente cada vez que um leitor faz um comentário, de modo que não há como deixarmos de saber que alguém comentou e sobre qual post.
    Essa sistemática de receber aviso por e-mail, inclusive, nos permite editar os comentários, por exemplo, tirar um palavrão que, de outra maneira, levaria à exclusão do comentário, ou mesmo corrigir um erro de ortografia grave que exporia o leitor ao ridículo. Fazemos isso constantemente.
    Mas vamos, sim, estudar a sua sugestão.
    Bom domingo!

    ResponderExcluir
  57. Caro bob,
    Muito tem se falado aqui nos posts sobre o extremamente versatil motor 1.6 THP (o que pude como comprovar "in loco" no citroen DS3).
    Mas me surgiu uma dúvida a respeito dele..
    Hoje em dia os motores BMW turbos de fabrica tem adotado a tecnologia twin power, que pelo que entendi em um comentário seu (me corrija se estiver errado) não é exatamente um bi-turbo, e sim um turbo de dupla voluta.
    Todos os carros que utilizam o motor thp pelo que li nas fichas técnicas dos mesmos não mencionam a tecnologia twin power.
    Portanto minha dúvida é: Apesar de compartilharem o mesmo motor, a tecnologia twin power seria exlusiva da BMW ou é somente uma nomenclatura diferente da dos demais?
    Os motores são realmente idênticos em todos os carros hou há variação do modo da turboalimentação e no tamanho do turbo propriamente dito?
    Abraços
    Felipe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Felipe
      Twin power signfica dois turbos. Quando é dupla voluta o termo é twin scroll. Nas fichas técnicas dos THP nunca é mencionado twin scroll, portanto devemos entender que os turbos nesse caso são de voluta única. É muito provável que a BMW adote sua próprias e exclusivas especificações visto tratar-se de uma marca de caráter excepcional. Eu diria que é quase impossível obter tais informações da BMW ou da PSA.

      Excluir
  58. Caro Bob,
    Gostaria de saber se existe alguma lei brasileira que impeça a circulação ou emplacamento de carros importados com a direção do lado direito. E caso não exista o processo de regularização é complicado?

    ResponderExcluir
  59. Vitor
    Nada existe contra quanto a emplacamento, tampouco circulação. O processo de importação é algo complicado e trabalhoso e recomendo procurar os serviços de um despachante aduaneiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela resposta Bob, já me fez sonhar com diversos carros interessantes que possam ser importados do Japão ou Inglaterra.

      Excluir
  60. Rafael Nakazato30/03/13 17:13

    Aos colunistas,
    Faz algum tempo que gostaria de ler algo sobre lubrificantes. Fiz uma rápida pesquisa no conteúdo do blog e não achei nada específico, só uns pingos aqui e ali. Acredito que este tema é de grande importância e sempre foi cercado de muito misticismo, achismo e pouca informação, assim como os combustíveis. Cada um recomenda um intervalo de troca e viscosidade. Bases sintéticas, minerais, aditivos, validade, tipo de uso, como funcionam as faixas de temperatura para as viscosidades, etc. Acho que é isso que falta, desmistificar e explicar mais a fundo, utilizando aquela base técnica e científica que tanto os colunistas deste blog sabem como fazer.
    Mesmo eu achando que sei um mínimo razoável sobre o assunto, às vezes fico em dúvida quando alguém que deveria ter conhecimento sobre isso (por exemplo os consultores técnicos de concessionárias) contradiz a especificação do manual do carro. A Nissan por exemplo não usa a viscosidade indicada no manual (5W30 para o Tiida). Eles usam 10w40, 15w50, depende de cada concessionária. E cada uma dá uma justificativa, sempre sem aquela força certeza quando falam.
    Enfim, acho que é um assunto que "dá muito pano pra manga".
    Sempre, um parabéns ao blog e um grande abraço.

    ResponderExcluir
  61. Rafael
    Realmente temos tocado pouco nesse assunto, mas há motivo. Óleos, para nós, são de fácil compreensão. O que importa é a classificação de serviço API (americana) ou Acea (européia), pouco interessando se é mineral, semi-sintético ou sintético. Claro, há que se observar a viscosidade SAE também. Mas você tem razão, é um tema que precisamos abordar com profundidade, dado muitos o desconhecerem. Agradeço seu interesse e, principalmente, sua sugestão. Aguarde, por favor.

    ResponderExcluir
  62. Charles
    Muito obrigado por me enviar esse parecer. De fato, há muitos erros nessa história toda. É por isso que Art. 306 original do CTB estava correto quando dizia "Conduzir veículo automotor na via pública, sob influência de álcool ou substância de eteitos análogos, expondo a dano potencial a incolumidade de outrem." Além de estar sob influência signficava alcoolemia superior a 0,6 g de ácool por litro de sangue, era preciso que o motorista mostrasse estar embriagado, pela maneira de dirigir. Ou seja, o que venho dizendo, tudo isso que foi feito como "lei seca" era totalmente desnecessário. Bastava fiscalizar, o que nunca foi feito.
    Mais uma vez, obrigado.

    ResponderExcluir
  63. Olá Sr. Bob, não conhecia esse link aqui, por isso o assunto abaixo saiu no post do dia, sobre mão inglesa. Vi que foi publicado na íntegra, tudo bem. Será que o assunto sobre cintos em ônibus merece um post?
    De vez enquando lembro de coisas bizarras do mundo automóvel. Por qual canal poderia te enviar pra sugestão de post?

    Grato,
    Luiz CJ.


    Prefiro não publicarem as sugestões abaixo. Apenas encaminha-las ao Sr. Bob Sharp.
    Sr. Bob, aproveitando o gancho do acidente de ônibus no Rio de Janeiro, queria sugerir um post sobre a segurança em ônibus. Sempre me recusei a usar cinto em ônibus porque eles tem o mesmo efeito que cinto em "motocicleta". Os cintos são presos nas poltronas e essas em chapa fina de aluminio ou pior: assoalho de compensado naval de 3 cms, desde sempre.
    Qualquer acidente com batida frontal que já vi em ônibus, inclusive sofri 2, as poltronas se arrancam do piso e vão todas em cima do motorista. Imagina os corpos presos a elas por cinto.
    E sobre a estrutura do teto então, geralmente não aguentam o peso do chassis em capotamentos. Por isso sempre saem com o teto esmagado. Me lembra as furglaine de fibra sem gaiola de aço. Todas que capotaram (defeito nas rodas) perderam o teto. Exceto nos extintos monoblocos que a M.Benz fazia, não existe uma gaiola segura para os passageiros.

    Cadeirinha de bebê é outra enganação. Qualquer criança com menos de 3 anos vai quebrar o pescoço se a cadeirinha estiver de frente para o painel numa batida frontal. Ainda mais no banco de trás, faz a mãe motorista se destrair mais que no celular. O correto seria cadeirinha na frente e de costas para o porta luvas, com o air bag desligado.

    Grato, Luiz CJ. email jorge4142@terra.com.br

    ResponderExcluir
  64. Boa noite!!!!!
    Bom preciso trocar o meu carro urgentemente, e estou em uma dúvida cruel.
    Meu marido gostaria que eu trocasse meu gol g4 pelado por um Ka completo 1.0.
    Porem preciso saber qual o melhor custo benefício pois fiz o teste drive no J2 e amei!
    Pergunta: Seria melhor pensar em uma marca tradicional do mercado nacional, como o Ford Ka, para posterior valorização na troca, ou ficar com o Jac (que realmente gostei muito)por ser mais completo que o Ka, já que não encontrei nenhum artigo sobre ele (o Ka) no blog lembrando que o uso é unicamente urbano?
    Obrigada.

    ResponderExcluir
  65. Olá pessoal do AUTOentusiastas,

    Gostaria de conhecer melhor o funcionamento do I-Vtec (1.8) honda nacional a partir de 2012. Sei que existem muitas versões e variações do VTEC honda, mas gostaria de visualizar animações e exemplos do seu funcionamento e não estou encontrando na WEB. Acho muita coisa sobre as versões lançadas até 2000, mas não encontro muito sobre a versão atual. Vocês podem explica-la para nós ?
    Li que io i-vtec mantem a 'trottle valve'(?) aberta por mais tempo. Seira o 'metodo carga' aplicado pelo computador de bordo ?
    Não sei bem a tradução desse termo 'trottle valve', se é a borboleta do acelerador, ou a vávula de admissão.

    Obrigado
    e Parabéns pelo blog !

    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Orlando,
      Vou pedir material à Honda. Throttle valve é borboleta de aceleração. Adianto que o i-VTEC é o VTEC já conhecido, que faz variar tanto a fase de abertura e fechamento das válvulas quanto o levantamento delas, associado ao coletor de admissão de dois comprimentos. Como sempre, o objetivo é possibilitar alta potência específica sem sacrificar elasticidade.

      Excluir
  66. Olá,
    Em primeiro lugar quero parabenizar todo o pessoal do AUTOentusiastas pelo ótimo trabalho, acesso o blog todos os dias! Bom eu tenho um JAC J3, li tudo sobre ele aqui e acho um excelente carro. Sou motorista novato(1 ano) e ando muito bem em ladeiras com ele, mas tenho muita dificuldade em tirar o carro da imobilidade em uma ladeira mais forte. O pessoal com mais tempo de direção aqui de casa também tem alguns problemas. Gostaria, se possível, de uma explicação de como trabalhar esse carro em situações como essa.
    Muito Obrigado.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  67. Salve pessoal do Autoentusiastas !

    Parabéns pelo blog , que frequento , há muito , todos os dias.

    Dirijo-me ao ( excelente ) Bob Sharp, ousando fazer-lhe uma sugestão de pauta - O que acontece com a Chrysler , no Brasil , atualmente? A concessionária de Belém não tem carros à venda . A Chrysler , estranhamente ( sem algo que justificasse ) aumentou enormemente os preços a partir do final do ano passado. Estranhamente e loucamente , diria . Exemplo, prá simplificar : O Jeep Wrangler, cujo preço em 2011/2012 era de R$ 110 mil reais , foi para R$ 129 mil com o novo modelo ( motor de 284 cavalos) , em fevereiro de 2013 . De repente , não mais que de repente , elevaram para R$ 139 mil e , imediatamente , para R$ 149.900 mil !!! Essa atitude , absolutamente desconexa e surreal , não encontra paralelo em nenhum momento da industria ( ou do mercado ) automobilítisca brasileira . Já ouvi de gente da concessionária daqui de que a razão é que a Chrysler não teria nenhum jeep para vender , e aumentou assim loucamente para ninguém se "atrever " a comprar algum.... Ouvi também de que eles estão com problemas de ingressar no programa AutoInovar ..... Enfim, qual a real situação hoje da Chrysler , entre nós ??? Leio praticamente tudo que é publicado no Brasil nesse ramo automotivo , e NINGUEM fala nada ! Bob Sharp , ajude o Brasil a entender esse mistério ! Abs à todos.

    ResponderExcluir
  68. Anônimo 15/04/13 14:11
    O motivo do aumento de preços da Chrysler a partir de janeiro foi ter sido sobretaxada do IPI (mais 30%) por não ter produção no Brasil, conforme estava previsto no novo regimento fiscal da indústria automobilística, dentro do programa Inovar-Auto. Que está com o mesmo problema, por igual motivo, e ter precisado aumentar os preços, é a Kia. Aproveito para agradecer sua leitura do blog.

    ResponderExcluir
  69. Caros, queria comentar algo que vi na Áustria e que não sei porque não se usa no Brasil. Sinalização dupla em estradas com faixas de rolamento, mesmo num único sentido. Tentarei ser mais clara: entre as faixas de rolamento há linhas, por exemplo, contínuas e pontilhadas paralelas e muito próximas, indicando que quem está à direita pode passar para a faixa da esquerda, mas quem está à esquerda não pode ir para a direita.Isso é especialmente util quando se entra numa rodovia vindo de outra via mais lenta e serve para ordenar o fluxo de veículos. Infelizmente no Brasil poucos respeitamos faixa contínua, mas seria algo prático. Nora Gonzalez

    ResponderExcluir
  70. Nora,
    Boa idéia realmente. Aqui há somente a linha branca contínua proibindo a mudança de faixa, enquanto a que você viu permite a mudança pré-estabelecida segundo os interesses da fluidez. Como digo, uma boa engenharia de tráfego, com gente competente pensando e não jogando Paciênca no computador, ajuda e muito a resolver os problema normais de tráfego. Escreva sempre.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  71. Bom dia Sr. Bob. Sobre o questionamento que fiz em 05/04/13, nessa sessão, (fale com o AE) gostaria de te informar que a globo está comentando o assunto hoje (agora) no BOM DIA BRASIL. Como sempre, a globo deturpa tudo e algumas vezes desensina. Estão falando que só 2% de usuários fixam o cinto de segurança e mostram um teste da unicamp com cinto de 3 pontos em um dummie que deve ter sido usado no ford model T.
    A ideia de proteger a cabeça do banco dianteiro, nem o cinto da unicamp deu conta de fazer, ainda mais sabendo que onibus só twem cinto pélvico e a poltrona do vizinho da frente vai estar geralmente a 50 cms do seu rosto. Não acha que seria hora de criarem normas sérias para esse assunto. Somos os ou um dos maiores fabricantes de ônibus do mundo, com filiais estrangeiras de fábricas genuinamente nacionais. Poderiamos levar a segurança dos passageiros de ônibus ao nível dos automóveis. Creio que o AE tem os contatos e meios corretos para isso.

    Grato, Luiz CJ.

    ResponderExcluir
  72. Bob, com qual vc fica Jetta TSI ou Civic EXR?

    ResponderExcluir
  73. Lucas dos Santos07/05/13 00:54

    Bob,

    Você que tem o costume de comentar sobre as decisões tomadas pela CET, o que acha disso: http://g1.globo.com/jornal-nacional/videos/t/edicoes/v/sao-paulo-testa-area-exclusiva-para-motos-e-bicicletas/2558421/?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucar,
      Completamente irresponsável. Estimula o tráfego de motos entre as filas em vez do contrário, permite que lentas bicicletas se postam na frente dos carros, as motos terão que sair acelerando para se manterem à frente dos carros (canso de sair na frente delas) e, finalmente, aquela placa escrito "bikes" foi de dar náusea. Vou colocar post extra amanhã a respeito. Obrigado pelo aviso.

      Excluir
    2. Lucas dos Santos07/05/13 22:36

      Grato pela atenção, Bob.

      Pois é, a parte que me preocupa - apesar de eu não ser de São Paulo - é justamente o fato de estimular o tráfego de motos entre as filas de carros.

      Eu sou recém-habilitado e ando de moto, mas ainda não me sinto seguro em trafegar entre os carros, mesmo parados. Nos semáforos prefiro aguardar na faixa de rodagem atrás de outro carro, se necessário, ao invés de ir lá para frente passando entre eles. Com essa medida eu seria praticamente obrigado a fazer isto ou passaria a impressão que eu estaria "fora do meu lugar" e certamente causaria incômodo para alguns motoristas.

      Quanto ao uso do termo "bikes", eu mal pude acreditar no que vi. Não pelo estrangeirismo em si, mas sim pela maneira informal de se expressar, levando em consideração que esse termo é normalmente usado como uma gíria.

      Excluir
  74. Anônimo 01/05/13 11:23
    Entre 155 e 200 cv, acho que não tem muito o que pensar.

    ResponderExcluir
  75. http://www.jalopnik.com.br/os-carros-brasileiros-sao-bem-mais-inseguros-do-que-voce-pensa/

    _____
    42

    ResponderExcluir
  76. Bob,
    Vi e achei interessante.
    Saiu na data de hoje, 15/05, capa do jornal Metro Curitiba, campanha publicitária da municipalidade intitulada "Lei Seca - Vai Pegar". O grande mote? Fazer o óbvio ululante: fiscalizar de forma contínua a aplicação da lei seca.
    Agora a cidade terá efetivo policial reforçado na fiscalização dos motoristas através de blitzes diárias realizadas em diversos pontos da cidade.
    A ironia fica por conta de que, enquanto a própria idéia da campanha faz remissão a inutilidade de uma lei se não fiscalizada, ainda tem gente dentro da Administração Pública achando que alcoolemia e volante se resolve só na base do endurecimento das penalidades.
    Na íntegra:
    http://s24.postimg.org/euk4zibpx/metro15052013.jpg

    ResponderExcluir
  77. Paulo Hizoniack17/05/13 10:37

    Bom dia entusiastas! Estive pensando, ultimamente, em montar no meu carro um motor Vortec 4.3 V6 bi-turbo com uns 0,8 á 1,2 kg/cm^2 de pressão, será que existem kits prontos, aqui no brasil, para isso? Ou só trazendo do exterior mesmo? Procurei pelos sites/lojas daqui por kits de pistão/biela forjados mas não achei nada. E no caso de não achar nem no exterior, os pistões e bielas originais aguentam essa preparação? Não costumo pisar fundo, no máximo até os 5000~5500 R.P.M.
    É possível ter uma previsão da cavalaria que posso obter com essa preparação? Obrigado!

    ResponderExcluir
  78. meu sonho e ser mecanico como eu posso fazer a minha mae ter confiança em mim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não temos como orientar sobre assuntos de natureza estritamente pessoal.

      Excluir
    2. Paulo Hizoniack24/05/13 14:09

      hahahaha é sério isso?? Quantos anos você tem cara?

      Desculpe a brincadeira Thales, mas enfim, se a mecânica realmente é sua paixão, siga em frente! Compre revistas de carros, manuais, livros sobre mecânica e procure por vídeo aulas na internet, caso você tenha carro, abra o capô dele e comece a se aventurar. Procure algum mecânico próximo e peça dicas para ele,explique a situação e diga que quer aprender aquela profissão.
      Boa sorte!

      Excluir
  79. Lucas dos Santos31/05/13 16:51

    Olá Bob! Eu de novo e com mais uma matéria do Jornal Nacional.

    Várias vezes comentamos aqui no blog que falta fiscalização no trânsito brasileiro. Mas o que dizer quando a fiscalização ocorre e a população acha ruim, afirmando que isso "atrapalha o comércio"(!)? Foi o que aconteceu em uma cidade do interior do Paraná: http://g1.globo.com/jornal-nacional/videos/t/edicoes/v/policial-compra-briga-com-politicos-e-moradores-apos-promover-choque-de-ordem/2606074/

    ResponderExcluir
  80. Lucas
    Eu havia visto a matéria e a achei curiosa. O tal sargento PM está certo, e a fiscalização não tem aspecto de ser arrecadatória (não há meios eletrônicos), mas para pôr ordem na casa. Obviamente a população local está num período de adaptação e depois tudo voltará ao normal, inclusive o movimento no comércio. Ordem faz bem a todos.

    ResponderExcluir
  81. passo aqui para registrar meus parabéns, há um ano comecei a seguir e agora não largo mais.

    gosto dos posts sobre os modernos e especialmente sobre os clássicos.

    ao longo dos anos tive alguns antigos e fiquei com dois o Dodge Charger nacional e um Mustang 67. Além de adorar a clássica-moderna Triumph Bonnie,

    sempre passo notícias sobre os meus antigos e dos meus amigos no www.V8nFUN.blogspot.com se tiver um tempinho dê uma sapiada.

    abração,

    Gian

    ResponderExcluir
  82. Nao conhecia este blog. Parabéns pelo conteúdo!
    Percebi que a turma aqui tem conhecimento de causa e talvez possam me ajudar.
    Comprei recentemente um Audi S6 94/95 com 50.000 km rodados. O carro está em perfeito estado e impressiona ver como é novo. A única coisa fora do padrão são os pneus 255/55 R16 Goodyear Eagle (os originais são 255/50 R16).
    Motor 5 cilindros turbo 228 cv e tração nas 4 rodas, câmbio automático 4 marchas.
    O problema é que a direção está imprecisa. O carro copia o asfalto demais. Qualquer desnível faz com que ele escorregue prum lado e pro outro. Tá difícil rodar com ele.
    Os pneus estão em bom estado. Braços de suspensão que apresentavam folgas foram trocados. O carro foi alinhado (frente e trás). Não há folga na direção. Os amortecedores não apresentam vazamentos.
    Li um post no blog sobre barra estabilizadora e gostaria de saber a opinião de vcs. O que vcs me recomendam avaliar?

    Abc a todos,

    Jacques

    ResponderExcluir
  83. Artigo interessante, sobre como construir mais vias pode não melhorar, e pode até piorar o trânsito:
    http://vadebici.wordpress.com/2013/02/16/por-que-a-construcao-de-mais-ruas-nao-alivia-os-congestionamentos/

    ResponderExcluir
  84. Dae pessoal do Autoentusiastas, como estão? Meu nome é André, leio o blog há muito tempo e já aprendi muito por aqui. Obrigado!
    Quando sai um texto a respeito do motor Zetec Rocam? É um motor próximo da aposentadoria, mas que apresenta grande qualidade (pelo menos para mim, que nunca tive problemas com ele).
    Utilizo diariamente um Ka 1.0 em trajeto exclusivamente urbano - que enquadra-se como "uso severo", tendo em vista que o motor raramente permanece mais de 15 minutos em funcionamento ininterrupto - e ainda assim, consigo médias de consumo muito boas, que variam entre 13,5 e 14,5 km/l. Quando o utilizo para ir até outra cidade, um trajeto de 45 minutos mantendo 80 km/h, consigo percorrer mais de 16 km/l. O carro completa 1 ano neste mês e está com pouco mais de 10 mil km rodados.
    Está certo que busco dirigir de maneira econômica, utilizando freio-motor e mantendo o motor entre 2000 e 3000 rpm na maior parte do tempo, mas nunca hesito em esticar uma marcha bem além dessa faixa de rotações quando preciso de desempenho. Gosto da boa dose de força que existe já a partir de 2000 rpm (considerando sua cilindrada, claro), e da suavidade que o motor apresenta. Estou bem surpreso por tal desempenho, tendo em vista que a cidade onde vivo tem relevo bem acidentado, típico aqui da serra catarinense.
    Bem, li algo a respeito do projeto do Zetec Rocam ter sido bem moderno na época de seu lançamento, mas não compreendi direito quais são as características que este motor possui. Gostaria de contar com um de seus textos tão didaticamente claros para aprender. Será que rola?
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Guilherme
      Vamos procurar atender ao seu pedido. Aguarde.

      Excluir
  85. Arnaldo Pérez13/06/13 14:32

    Boa tarde pessoal! Gostaria de pedir sugestões de livros sobre mecânica automotiva, semana passada completei a leitura da série "A história do automóvel", de José Luiz Vieira, excelentes livros, mas eu prefiro aqueles sobre a parte prática da área, de preferência algo que se assemelhe aos velho manuais de reparação de motores, transmissões, etc... Vocês tem alguma sugestão? Ultimamente tenho procurado mas não achei nada.
    Obrigado!

    ResponderExcluir
  86. gostaria de saber como montar a roda fonica do virabrequim do motor da amarok

    ResponderExcluir
  87. se alguem souber algo sobre roda fonica da amarok me ajude por favor

    ResponderExcluir
  88. Vcs poderiam postar um "guia definitivo" sobre lubrificação ? mitos e verdades, etc. Percebo que nesse assunto existe ainda muito "achismo", abraços

    ResponderExcluir
  89. Caríssimo, primeiramente, esclareço que entendo muito pouco de mecânica...enfim, tenho uma Citroen C8 e, já ha algunm tempo, venho notando que o pedal do freio afunda com o ar condicionado ligado, sempre em marcha lenta, manobras, etc... o freio falha, de fato. A oficina mecânica que sempre cuidou dos meus carros, depois de vários testes sem resultado positivo (troca dos óleos, filtros, etc inclusive a troca de uma tal de válvula de vácuo), sugeriu que o carro fosse enviado a uma concessionária autorizada para confirmar uma suspeita (da oficina), ou seja, de que o problema seria no sistema hidrovácuo...consultando a net me deparei com este blog... muito legal, por sinal. Diante dos fatos e da minha ignorância ao tema, humildemente, faço as seguintes perguntas:
    1. este problema sempre irá ocorrer em marchas lentas e com o ar ligado?...
    2. posso dirigir o carro despreocupadamente, com o ar desligado ...ou com o ar
    ligado, mas am alta velocidade?
    3. quais as possíveis causas desta patologia?
    4. alguma sugestão de solução?

    muito obrigado pela atenção e parabéns pelo Blog
    JRBandouk

    ResponderExcluir
  90. boa noite gostei muito da pagina muitas informaçoes valiosas tenho um singelo blog sobre autos http://sosautomovel.blogspot.com.br/ se tiver um tempinho da uma olhadinha sempre busco opiniões de pessoas com mais experiencia
    obrigado

    ResponderExcluir
  91. http://www.youtube.com/watch?v=eSi6J-QK1lw
    O AE sabe se isso realmente existe ? Existe planos para comercialização ? Sabem algo a respeito ?

    ResponderExcluir
  92. Não tenho conhecimento de ter sido aplicada em alguma carro.

    ResponderExcluir
  93. Bob Sharp
    Gostaria de saber se você participou daquele projeto de Um Voyage que a revista Quatro Rodas preparou e correu uma prova de longa duração em Interlagos, no início dos anos 90.
    Se sim, acho que isso dá um pelo post!

    Sou fã de carteirinha do blog, não perco uma postagem!
    Abraços

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nelson,
      Não participei, acho que estava na Oficina Mecânica nessa época. E obrigado pela leitura do blog.

      Excluir
  94. Que tal um post sobre Detroit?

    ResponderExcluir
  95. Saudações!
    Já tem um tempo que descobri a belezura do cruise control em carros com cambio manual, tive um Astra e hoje tenho uma nova montana. Viajar dessa maneira é muito bom, não me canso muito, não levo multas por excesso de velocidade e me sinto mais seguro pelo controle da velocidade. Pode até ser mais econômico, dependendo da estrada. Como não tenho interesse em carros automáticos gostaria de saber quais carros combinam cambio manual e cruise control. Fiz um pequena lista, gostaria que fosse ampliada por vocês, talvez rendesse até uma matéria. O Astra que tive, comprei a alavanca de seta na GM e instalei por apenas 240 reais.
    - GM Astra(original e como acessório)
    - Zafira(original e como acessório)
    - Vectra Elegance(não todos) e GTX
    - Agile e Montana(sport)
    - Fiat 500
    - Megáne dinamique e GT(1.6)
    - Sentra
    - Fiat Stilo
    - Golf(mais novos)
    - Honda civic
    - Hyundai I30.

    ResponderExcluir
  96. Caro Bob, por acaso você leu essa matéria?
    Até que enfim parece que vivenciaremos um pouco de lucidez nesse país! (torçamos para que seja assim)
    Abraços

    http://carros.ig.com.br/noticias/sp+acaba+com+os+radares+moveis+e+ocultos+nas+rodovias/6463.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Felipe
      Havia visto sim. Uma grande notícia sem dúvida.
      Desculpe pela demora em responder.

      Excluir
  97. Em primeiro lugar, parabéns á toda equipe pelo blog. Tenho uma dúvida: A instalação dos "pneus verdes" que equipam alguns modelos lançados recentemente, como o Fox Bluemotion entre outros, trariam algum benefício no consumo, no caso de instalados em versões "normais" devido á sua citada baixa resistência á rolagem? Agradeço a atenção!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estevan
      Sim, o resultado aparece logo. Entretanto, como requerem mais pressão de enchimento, o carro pode perder algum conforto de rodagem, não muito, mas você sentirá.

      Excluir
  98. Obrigado Bob, e depois que escrevi e enviei a pergunta lembrei da maior pressão que se usa nesses pneus também, e se afetaria o conforto. Abraços!

    ResponderExcluir
  99. Permitam-me a impertinência de apresentar uma sugestão de pauta ou matéria para a equipe (André Dantas?).

    As Suzuki GSX-R750 1985 a 1992 tinham um sistema de resfriamento por ar + óleo dispensando bombas d'água - menos peso, menos partes móveis, menos um acessório para roubar potência do motor.

    A mim, aparentemente soa que se bem desenvolvido esse sistema seria muito inteligente uma vez que não se pode prescindir do óleo lubrificante, já da água, os fuscas que o digam.

    Porque isso não foi adiante?

    http://en.wikipedia.org/wiki/Suzuki_GSX-R750

    "Air-cooled and oil-cooled

    The oil-cooled models can be further divided into the first generation and second generation oil-cooled models. They are informally referred to as slabbies (slang) and slingshots respectively. The 85-87 models featured body work which is very flat compared to modern sport-bikes, hence slab-side. The '88-91 (92 USA) models are sometimes referred to as slingshots because the carburetors introduced in 1988 were marketed as slingshot carburetors (slingshot describes the cross section of the semi-flat slide carbs)."

    ______
    42

    ResponderExcluir
  100. Lucas dos Santos23/08/13 00:21

    Olha só, Bob: http://www.youtube.com/watch?v=cUpMZJI0XSs

    Como se não bastassem os riscos que já corremos diariamente no trânsito, sempre há quem faça o "favor" de piorar a situação.

    ResponderExcluir
  101. Lucas
    Essa é mesmo para o "Acredite se quiser". Quem gente idiota, fiquei impressionado com essa. Caminhão já é instável natureza e elevam a altura do chassi e carroceria. Só condenando a 20 anos de prisão mesmo.

    ResponderExcluir
  102. Caro Bob, escrevi no seu ultimo post do gol rallye, mas creio que pode ter passado batido a minha pergunta, portanto vou tomar a libredade de escrever aqui, ok?

    Eu gostaria de sugerir um post dizendo como detectarmos se um carro foi tropicalizado sem critério ,ou seja, suspensão levantada sem nenhum outro trabalho de recalibragem, trabalho esse exemplarmente feito como você detectou no gol rallye
    Alias, fiquei assustado quando vi o Citroen Ds4, achei muito grande a altura do paralama! Essa altura está adequada ou sofreu desse problema que citei?
    Grato

    Felipe

    ResponderExcluir
  103. Felipe
    Desculpe não ter respondido, mas há momentos em que fica difícil acompanhar ou responder a um comentário, tal o volume. Vi, sim, esse seu por ocasião do Gol Rallye.
    Talvez seja mesmo bom post específico para se detectar o padrão de tropicalização. Praticamente todos os fabricantes têm especificação de suspensão para os países de origem e para os mercados de exportação com qualidade de vias pior (não é só o Brasil). Elevar a altura de rodagem é um providência óbvia e comum, mas tem toda elevação bem feita. Exemplo de mal feita é a do Sandero Stepway; bem feita, a do Idea Adventure. Quando se mexe com altura de rodagem sem critério, tanto elevar quanto rebaixar, são grandes as chances de a suspensão e direção "desarrumarem". Isso pode ser notado pelo ângulo de braços de suspensão e de barras direção em relação à horizontal. Quando fogem da posição aproximadamente horizontal ocorre essa desarrumação, piorando o carro. O caso DS4, por exemplo, não desarrumou, o carro é fabuloso de curva, mas a calibração para mercado externo deixou a suspensão dura demais. Se você voltar ao meu post do DS4 vai notar que foi atualizado em função do que observei ao usar o carro mais tempo do que no breve teste de apresentação. O carro ficou desconfortável na autoestrada Ayrton Senna/Carvalho Pinto, algo que chega a ser surreal. Por dever profissional, comuniquei o fato à Citroën. Mas, voltando à questão de post, vou falar com o André a respeito.

    ResponderExcluir
  104. Ok Bob muito obrigado pela atenção!
    Voce acha que alguem que comprasse o DS4 por exemplo e colocasse molas esportivas, mesmo que de marcas consagradas como eibach, pioraria ainda mais esse conforto?
    Tem alguma situação que você indicaria molas esportivas ou instalação de "strut bars" nos carros ou realmente é muito dificil querer mexer nessa parte?
    Eu particularmente nunca mexi, mas tenho muita curiosidade a saber mais sobre o assunto.
    Espero que o André e a equipe do autoentusiastas escrevam algum post sobre o assunto para eu entender melhor.

    ResponderExcluir
  105. Felipe
    Tenho certeza absoluta que o problema sentido no DS4 é carga de compressão dos amortecedores muito elevada na baixa velocidade de funcionamento dos amortecedores, fácil para a fábrica acertar.
    De um modo geral, molas esportivas são mais fortes (constante mais alta) e tiram um pouco do conforto. Lembre-se, não existe ganha-ganha em mecânica.
    Molas esportivas em geral reduzem a altura de rodagem, o que no piso brasileiro é desaconselhável. Fora que os carros atuais estão muito bons de curva. Struts bars enrijecem a estrutura e são benéficas se o carro for carente nesse aspecto, o que não é fácil detectar. O André está para escrever a respeito de suspensão.

    ResponderExcluir
  106. Prezado Bob Sharp,
    Pretendo adquirir um carro usado, porque vou necessitar de um para o uso urbano e para viagens semanais (de aproximadamente 200 Km). Como a grana está curta (posso dispor de apenas R$ 10.000,00), pensei em 3 modelos: Kadett Gl 1.8 (que estou praticamente desistindo, com medo do alto consumo), Gol Mi 1.0 ou 1.6 (ano 1998) ou um Uno Mille Fire (ano 2001 ou 2002).
    Como quem não tem conhecimento suficiente busca se informar e, sobretudo, pede ajuda aos mestres, gostaria de saber de você algumas dicas sobre estes veículos (estabilidade, consumo, robustez etc). O Uno Mille é bom de curva? É um carro estável? Aguenta o tranco?
    Desde já, muito obrigado pela atenção e parabéns pelo blog! É simplesmente fantástico!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Qualquer dos carros atende ao que você precisa. Por questão de ética, não posso dar conselhos específicos sobre adquirir esta ou aquela marca, senão o que está publicado. Sobre o Fiat, leia http://autoentusiastas.blogspot.com.br/2009/02/mille-eterno.html

      Excluir
  107. Olá, tudo bem?

    Primeiramente gostaia de parabenizar o nível do blog, que é fantástico desde o nível de linguagem utilizado ao embasamento técnico automotivo.
    Acompanho o blog de vocês há pelo menos 3 anos e diariamente e li praticamente todas as matérias desde o post de abertura.

    Sou um apaixonado pelo Ford Maverick, mas ao que me consta, não há nenhuma matéria falando sobre histórias, contos ou algo a mais sobre o carro, salvo um post sobre um Maverick marrom 302 V8 e outro sobre uma volta em Interlagos.
    Gostaria de ver, pelos olhos de vocês, um post rico em informações sobre o carro e a ótica da época sobre ele, pois o que encontramos deste materia na internet é sempre muito pobre e com informações sempre copiadas e coladas de um lado para o outro, sem profundidade alguma.

    Agradeço desde já a atenção de vós!

    Abraço, Henrique Taba.

    ResponderExcluir
  108. Lucas dos Santos09/09/13 21:06

    Olá, Bob.

    Viu a reportagem que foi ao ar ontem no "Fantástico"? http://globotv.globo.com/rede-globo/fantastico/v/caminhoneiros-se-arriscam-em-manobras-pelas-estradas/2811100/

    Sei que indicar aqui, por duas vezes seguidas, matérias criticando maus hábitos de caminhoneiros pode soar como "perseguição" para alguns, mas eu juro que não é. O assunto abordado nessa matéria é muito sério eu achei de extrema importância compartilhá-lo aqui.

    Atitudes infantis e de extrema irresponsabilidade como as retratadas na reportagem apenas contribuem para denegrir e desvalorizar o trabalho de bons caminhoneiros, que, felizmente, ainda existem por aí.

    E aposto que se o AUTOentusiastas publicasse um artigo a respeito desses hábitos reprováveis e arriscados cometidos nas estradas, iria "chover" defensores dessa prática nos comentários para ofender e insultar aqueles "ousarem" criticá-los!

    É nessas horas que eu acabo concordando que é mesmo necessário "formatar o HD", como você costuma dizer.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  109. Prezado Bob Sharp,
    primeiramente gostaria de parabenizar o excelente trabalho de todo o blog! Considero este espaço o melhor de toda imprensa nacional, juntamente com o BCWS!
    Tenho uma dúvida e gostaria de saber sua opinião:
    Troquei o óleo do meu carro na concessionária há onze dias, já dirigi por cerca de 1500Km após a troca, e somente ontem me dei conta (ao verificar o "meio" litro que restou da troca) que o mecânico da concessionária adicionou 150ml a mais de óleo no motor. Eu sei que óleo em excesso pode provocar carbonização, má lubrificação de certas partes do motor, pode sobrecarregar a bomba de óleo e por aí vai. Pela sua experiência, você acredita que esses 150ml podem prejudicar o motor do meu possante? Caso positivo, como eu faria para tirar esse excesso de óleo?
    Desde já agradeço,
    Bruno Soares

    PS- Não citei a marca e o modelo pois achei desnecessário e algum leitor poderia entender que eu estivesse apenas querendo fazer alguma crítica indireta. Se necessário à resposta eu cito.

    ResponderExcluir
  110. Bob Sharp,

    Venho lhe informar e sugerir, caso ainda não tenha chego ao seu conhecimento, acerca do blog criado pelo advogado e profundo conhecedor do antigomobilismo nacional João Simonetti.
    Envio o link:
    http://osenhorautomovel.blogspot.com.br/
    Trata-se de verdadeiro tratado sobre a história do antigomobilismo no Brasil e certamente é mídia ímpar por aqui. Peço por gentileza que confira o material.
    O Antigos Verde e Amarelo divulgou a iniciativa do nobre colega há alguns dias, e sugeriria que o AE, atento e responsável diante das causas do automobilismo brasileiro, entrar em contato com o editor para eventualmente fazer uma postagem extra de divulgação por cá. É verdadeira ferramenta e arquivo vivo da preservação da nossa história automotiva.
    Não sei quanto à política do AE no assunto, mas acho eu ser bastante pertinente.
    Saudações!

    ResponderExcluir
  111. Lucas,
    Notícia realmente alvissareira, que mostra ainda haver esperança no Brasil para questões de trânsito e mobilidade. Obrigado pelo envio do link.

    ResponderExcluir
  112. tenho 1 carro gol 1.0 g3 gostaria de saber porque quando ultrapasso 140 ele perde a velocidade e demora 5 minutos para voltar ,dentro desse periodo de 5 mints tenho que andar de segunda pois ele nao tem força ,obrigado

    ResponderExcluir
  113. Lucas dos Santos26/09/13 03:31

    Olá, Bob.

    Eu de novo, mas dessa vez com uma dúvida.

    Sou habilitado nas categorias A e B desde janeiro de 2012, isto é, tenho CNH há 1 ano e (quase) 10 meses. No entanto, desde que obtive a CNH, nunca mais guiei um carro! Isso significa que o único carro que dirigi em minha vida foi o carro da autoescola, pois não tenho carro próprio e ninguém da minha família tem. O que ameniza essa falta de quilometragem é que de vez em quando eu uso a moto do meu pai, então já tenho alguma experiência no trânsito, ainda que eu cometa alguns errinhos aqui e ali, coisa de principiante.

    Dessa forma eu fico um tanto inseguro na hora de aceitar um emprego em que seja necessário dirigir, por exemplo. É óbvio que eu não "desaprendi" a dirigir, mas estou um tanto "enferrujado". Embora eu confie plenamente nas minhas habilidades, tenho consciência que a falta de prática por todo esse tempo pode me "pregar algumas peças" até que eu me habitue novamente, e não seria nada legal se isso acontecesse enquanto eu dirigisse o carro de alguma empresa.

    Já descartei a possibilidade de usar o carro de algum amigo ou conhecido para praticar, até porque a maioria deles tem apenas moto. Sem falar que muita gente não gosta de emprestar o carro - com razão - principalmente para alguém que não tem prática.

    Alugar um carro seria muito mais cômodo para mim, mas descobri que as locadoras só liberam o carro para quem tem no mínimo 2 anos de habilitação. Acho isso uma grande bobagem, pois tempo de habilitação não significa experiência/quilometragem e eu sou prova disso. De que adiantará eu ter dois anos de CNH, se eu nunca dirigi um carro nesse período?

    Já cogitei procurar aqueles "Treinamentos para motoristas habilitados", mas sei lá. Acho meio exagerado. Aquilo costuma ser mais voltado para quem tem medo de dirigir, o que não é o meu caso - eu só tenho medo de dirigir o carro dos outros, hehehe, mas se tivesse carro próprio dirigiria sem problemas.

    Enfim, Bob, o que você me sugere nessa situação?

    Vale ressaltar que eu não pretendo comprar um carro tão logo, pois tenho outras prioridades - está nos meus planos comprar um moto ao invés disso - mas posso precisar dirigir um no trabalho, por isso acho importante ter um mínimo de experiência.

    Grato pela atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucas,
      De fato é uma situação estranha essa sua, uma variação da "Síndrome de Tostines", o biscoito, "Não dirijo porque não tenho prática, não tenho prática porque não dirijo." Acho que a sua única saída é dirigir mais com um instrutor, seja num Centro de Formação de Condutores, seja num desses cursos de treinamento para motorista habilitados. Você precisa do que em aviação se chama acumular horas de vôo.

      Excluir
    2. Lucas dos Santos12/10/13 23:26

      Grato pela atenção, Bob.

      É isso mesmo, a minha situação é algo que eu chamaria de "dependência circular": para dirigir é necessário ter prática; para ter prática é necessário dirigir.

      Então você acha que devo procurar dirigir na presença de um instrutor. Nesse caso, vou avaliar a possibilidade de procurar um curso para treinamento para motoristas habilitados mesmo. Creio que, na minha situação, seja melhor do que um CFC, por ser mais focado em quem conhece pelo menos o básico.

      Quantos às "horas de vôo", você está certíssimo. É isso mesmo que eu preciso. Trazendo para o mundo do automóvel, preciso acumular quilometragem. Deveria haver alguma maneira de comprovar essa quilometragem acumulada quando necessário. É muito melhor do que se basear apenas pelo tempo de habilitação, que, por si só, não quer dizer nada.

      Valeu pela ajuda!

      Excluir
  114. Respostas
    1. É um absurdo mesmo, Bob. Mas eu não sou a vítima dessa lamentável atitude.

      Apenas encontrei o post no site e achei importante compartilhar, pois, conforme eu comentei ali, acho que será difícil o colega recorrer da multa e ganhar sem que haja uma boa repercussão disso na mídia.

      Excluir
  115. Li sobre as mudanças no motor e cambio da nova S10 e fiquei intrigado. A potencia e torque aumentaram mas somente na versao automatica. Qual mudança mecanica foi realizada? É possivel realizar essa mudança (sem grandes modificaçoes) na S10 manual a posteriori ? Agradeço a todos.

    ResponderExcluir
  116. Não sabemos informar quais mudanças e por que só na versão automática.

    ResponderExcluir
  117. Lucas dos Santos19/10/13 00:20

    Situação pela qual eu já passei: peguei uma carona, sentei no banco de trás e não pude usar o cinto de segurança, pois o dono do carro fez o "favor" de recolhê-lo para baixo do banco.

    Espero que os adeptos desse hábito vejam isto e repensem essa atitude, afinal, o motorista é o responsável pela segurança dos passageiros: Falta do cinto de segurança é o terceiro maior motivo de multas nas estradas federais (Jornal Nacional)

    ResponderExcluir
  118. Lucas
    Bem lembrado, os cintos traseiros devem estar à disposição de todos os ocupantes desse banco.

    ResponderExcluir
  119. E as "bicicaixas" - aqueles "bolsões" para bicicletas antes dos semáforos que a CET estava testando em São Paulo - chega à Curitiba: http://g1.globo.com/pr/parana/paranatv-2edicao/videos/t/curitiba/v/projeto-quer-transformar-av-sete-de-setembro-numa-das-avenidas-mais-calmas-de-curitiba/2903443/

    Sem falar da ideia estapafúrdia de transformar uma das principais avenidas da cidade em "via calma", reduzindo o limite para 30 km/h e a "entupindo" de lombadas (travessias elevadas).

    De que partido mesmo é o prefeito de Curitiba? Ah sim, então está explicado.

    ResponderExcluir
  120. Olá Bob,

    Em um "passeio virtual" pela Rod. Anhanguera, através do Google Street View, encontrei um aviso, no mínimo, curioso.

    Uma placa, fixada na beira da rodovia, traz a seguinte mensagem: "Motociclista: [ao] trafegar pelo corredor, sujeito à multa".

    http://i.imgur.com/ZiRyTL6.jpg

    Durante o trajeto eu já havia encontrado outras placas recomendando ao motociclista a não trafegar no corredor. Mas até aí tudo bem, pois eram apenas isso: recomendações. Esta foi a primeira que eu encontrei, que ameaçava de multa.

    Aí fica a dúvida: com base em que artigo do CTB o motociclista que trafegasse no corredor na rodovia seria multado? Pois é sabido que o artigo que proibia isso foi vetado há anos. Confesso que fiquei curioso para saber.

    Trecho exato onde a placa foi encontrada: http://goo.gl/maps/FXlNd

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não pode multar por esse motivo específico, mas por dirigir sem atenção é possível. De toda maneira, é mais para "meter medo" do que qualquer outra coisa.

      Excluir
  121. Olá equipe autoentusiastas,

    Meu nome é Lucas e venho através desse comentário elogiar o trabalho de vocês. Acho as matérias muito bem escritas, os vídeos explicativos e sem lenga-lenga, o blog está de parabéns.
    Acho que vocês deveriam converter-se a site e manter um padrão nas reportagens e vídeos, tenho certeza que se isso ocorrer, o site passará a ter mais leitores e será mais "popular".
    Se me permitem uma opinião, vocês deveriam fazer vídeos que mostrassem o exterior e o interior dos carros, mostrando os equipamentos, design, qualidades e defeitos.
    Gostaria também de fazer um pedido: Queria ver a avaliação do Chevrolet Cobalt 1.8 e se possível uma comparação entre Voyage, Grand Siena e Cobalt, todos em suas versões top.
    No mais, parabenizo novamente toda a equipe e pessoas que estão envolvidas direta e indiretamente nesse projeto maravilhoso que é o blog AUTOENTUSIASTAS.

    Caso precisem de ajuda, basta nos avisarem, nós, os leitores.

    Obrigado pela oportunidade de expor meu comentário. Um grande abraço à todos!

    ResponderExcluir
  122. Iremos em breve passar a site, processo está adiantado. Vamos intensificar os vídeos, seguramente. Não temos carros da General Motors para teste, mas o Grand Siena e o Voyage já foram objeto de teste, veja no menu de testes no lado direito da página.

    ResponderExcluir
  123. ola smepre escuto um comentario que nao concordo mais gostaria que vcs ajudassem e verdade que um caminhao a 60 km por hora e mais rapido que um carro de passeio na masma velociadade a 60 km por hora? se vcs puderem reponder eu agradeço com JF

    ResponderExcluir
  124. Velocidade é velocidade, obviamente, é a mesma para um carro de passeio ou um caminhão. A diferença está na agilidade diferente de um e de outro, em que o caminhão requer mais espaço para parar e não tem a mesma agilidade de um carro de passeio.

    ResponderExcluir
  125. Paulistanos preparem-se, daqui a pouco nem mesmo em casa poderão ter mais carro:
    http://br.noticias.yahoo.com/blogs/habitat/s%C3%A3o-paulo-casas-para-os-carros-ou-para-204618377.html

    ResponderExcluir
  126. amigos, gostaria de ajuda de voces. Herdei um Dodge Magnum 1979 e gostaria de saber qual a bateria que recomendam para ele, com as especificações técnicas completa da mesma e onde encontrar aqui em Salvador. Grato pela ajuda e atenção.

    ResponderExcluir
  127. A bateria é de 12 V e 59 A·h. Não temos nenhum editor que resida em Salvador, procure a bateria nas boas auto-elétricas.

    ResponderExcluir
  128. Saint Clair29/11/13 21:33

    Há possibilidade do Dodge Magnum sofrer uma adaptação para gás numa empresa idônea? mesmo com o motor V8?

    ResponderExcluir
  129. Saint Clair
    É totalmente possível.

    ResponderExcluir
  130. Lucas dos Santos01/12/13 00:36

    Mais uma vez, as autoridades de uma cidade de interior - com pouco mais de 300 mil habitantes - , que atualmente sofre com problemas de trânsito, se mostram realmente preocupadas em solucioná-los, sem apelar para ideologias baratas: http://www.diariodoscampos.com.br/cidades/revisao-do-plano-diretor-preve-aumento-em-vagas-de-garagem-74288/

    Enquanto isso, em uma conhecida capital, fala-se em diminuir o número de vagas por família em prédios, nessa referida cidade o plano é justamente o contrário. Vai entender...

    ResponderExcluir
  131. Saint Clair01/12/13 12:29

    Sr. Bob, gostaria de mais informações sobre o Dodge Magnum 79, de minha propriedade. É que estou sem manual do proprietário, preciso trocar o óleo do motor e gostaria de saber qual a viscosidade e marca recomendada pela fábrica e a capacidade do carter. Muito obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saint Clair
      Não temos esses dados. Sugiro contatar algum clube de Dodge, há vários. Procure no Google por clube do dodge, há vários endereços listados lá.

      Excluir
    2. Não sou o Bob, mas estou certo que você poderá achar essas informações no sítio http://www.museudodge.com/ ou em seu fórum. Boa sorte!

      Excluir
  132. Vejam só essa matéria sobre (para usar uma expressão da mídia, "um suposto") abuso de autoridade perpetrado contra a editora do portal Motorcar, Célia Murgel:
    http://www.portalmotorcar.com.br/tv/iveco-tector.html

    ResponderExcluir
  133. marcus lahoz09/12/13 11:32

    Bob fiz um vídeo sobre a subida da montanha em campo largo. Acho que seria bacana colocar no site, segue vídeo do evento: http://youtu.be/SE0EjRYAZLM

    ResponderExcluir
  134. Caro Bob,
    Gostaria de sanar uma seguinte dúvida.
    No seu post a respeito do novo Golf você nos informou que a altura de rodagem do highline foi aumentada em 15mm em relação ao irmão europeu, esse aumento foi feito por meio de recalibração de toda a suspensão ou foi feita através da instalação de calços, como eram encontrados no Audi A3 de primeira geração?
    Se por acaso foi feito por meio de instalação de calços, e a minha cidade tenha um asfalto mais decente do que o encontrado na média do país, você contra indicaria a remoção do mesmo?
    Ao remover os calços, quais seriam as melhoras sentidas no carro?
    Pergunto isso pois acredito que se foi instalado somente um calço o carro se encontra trabalhando a uma altura superior a projetada de seu projeto original, não seria melhor restaurar a altura original para o qual o carro foi projetado, desde que o asfalto da minha região permita?
    Obrigado pelo o espaço para termos contato a equipe do blog!
    att.
    Felipe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Felipe
      Não sei se há calços para elevar a altura, vou ver no GTI que está conosco e também perguntar à VW. Se tiver calços, pode tirá-los, claro, mas é preciso ter os valores de alinhamento com a "nova" altura.

      Excluir
  135. Tudo bem Bob, muito obrigado pela a ajuda!
    Se por acaso tiver mesmo calços e eu optar por remover, quais seriam esses valores de alinhamento da nova altura?
    Seria o valor do Golf europeu? Se sim, onde posso encontrar esses valores?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Felipe
      Os Golf vêm para o Brasil com o pacote de suspensão mais alta, sem calços. Para baixar a altura só trocando as molas pelas originais alemãs ou de outra procedência especial.

      Excluir
    2. Ok Bob, muito obrigado pela informação!
      Vou pesquisar quanto a conseguir as molas originais alemãs e como enviar as mesmas até a minha casa.
      Outra alternativa que encontrei seria usar molas esportivas de fabricantes conceituados, como Eibach pro, ou VW Racing. Pelo que pesquisei essas baixariam o carro em 30mm, ou seja ele ficaria 15mm mais baixo que seu projeto original.
      Vamos supor que resolvesse em pegar uma dessas pela maior facilidade em compra, vc acredita que esses 15mm a menos do que a altura original influenciaria muito no conforto ao rodar ou seria um rebaixamento discreto? O handling melhoraria significativamente? E quanto a batidas de final de curso, correria o risco de ocorrer ou isso ocorreria somente rebaixando muito mais que isso?
      Dessas molas vi que uma delas é linear (todos os elos são do mesmo diametro) e a outra progressiva (os elos das extremidades sao de menor diametro) há diferença no quesito conforto?
      Um grande abraço e feliz 2014 para você e sua família!

      Excluir
    3. Felipe
      Baixar mais que a altura de rodagem alemã é enfaticamente desaconselhável para rodar no Brasil, além de o ganho de comportamento ser desprezível. Fora a ida ao batente mais fácil, péssimo. Mola esportiva só tem aplicação em autódromo. Mola progressiva não influi tanto no conforto, ela serve mais para compensar variações de carga a bordo.
      Um ótimo Ano Novo também!

      Excluir
    4. Muito obrigado pelos conselhos Bob, é sempre bom poder contar com a opinião de pessoas que entendem do assunto!
      Vou dar uma pesquisada a respeito das molas alemãs então, se não conseguir elas não colocarei nenhuma outra.
      Para instalar as molas alemãs, precisarei de mais algum componente como batentes entre outras partes ou preciso comprar somente as molas mesmo?
      Obrigado por tudo
      Felipe

      Excluir
  136. Tenho um FOCUS GLX 1.6 SIGMA 2010/2011 e agora estou querendo adquirir um FOCUS 2014/2014
    ( provavelmente em 02/2014 ) mas estou com algumas dúvidas que não sei onde esclarecer.
    Será que alguém aqui poderia me ajudar ? As dúvidas são as seguintes:
    1ª O motor sigma 1.6 do meu atual FOCUS é suficiente para o meu modo de dirigir,
    então penso que o FOCUS 1.6 2014 me atenderá com sobras ! Mas e se eu resolver comprar o automatizado ?
    2ª Nunca tive um carro com câmbio automático/robotizado então fico na dúvida da qualidade deste câmbio
    Powershift. Será que vale a pena arriscar, ou é melhor esperar alguns anos para ver se funciona mesmo ?
    Também tem a questão de peças para manutenção, mesmo no caso de problemas dentro da garantia. Tenho visto
    várias reclamações no reclameaqui.com.br a respeito disto.
    Também estou pensando no CIVIC, porque parece-me que a Honda respeita mais o consumidor, será ?
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  137. Lorenzo Frigerio08/01/14 02:25

    Olá Bob, sugiro artigo sobre esses casos:
    http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2014/01/1394611-policia-apreende-carro-com-mais-de-r-310-mil-em-multas-em-sp.shtml
    Como no Brasil a multa é sobre o CARRO e não sobre o proprietário, a única coisa patética que podem fazer é dizer que o dono terá de recolher 316 mil reais para ter o carro de volta. Ele não vai pagar esse dinheiro nunca! Ele não tem carteira de motorista a perder, porque nunca teve, e logo arrumará outra tranqueira, provavelmente com problemas de papel e no nome de algum falecido, e voltará a dirigir sem carteira e colocando a segurança dos outros motoristas em risco.
    Seria interessante levantar todas as consequências e não-consequências para esse sujeito, o que a lei pode e não pode fazer com ele... de qualquer maneira, isso já começou mal: ele prestou depoimento e foi liberado, e não revelaram seu nome.
    Só entra pelo cano neste País quem respeita a lei.
    Uma boa coisa para resolvermos o dia que tivermos o nosso partido político.

    ResponderExcluir
  138. Boa tarde.

    Só para relatar que, desde há algumas semanas, o meu computador "congela" por cerca de dois minutos quando acesso o AE pela primeira vez após ligá-lo, não ocorrendo mais o problema nos acessos subsequentes.

    Há alguns meses houve algo semelhante, mas após o alerta numa postagem o problema foi resolvido.

    Agradeço antecipadamente pela atenção.

    ResponderExcluir
  139. Excelente o artigo sobre os novos carros de F1 para 2014 !

    ResponderExcluir
  140. Lucas dos Santos03/02/14 21:16

    Olha só, Bob (e André Dantas):

    Motoristas de carros rebaixados fazem carreata na Zona Sul do Rio

    O que dizer sobre esse "protesto"?

    ResponderExcluir
  141. Moisés_SP04/02/14 14:24

    Olha só essa Bob,
    Semáforo irá abrir 10 segundos antes para os ônibus em SP.
    http://www.estadao.com.br/noticias/impresso,semaforo-vai-abrir-10-segundos-antes-para-onibus-em-sp,1126359,0.htm

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucas dos Santos02/03/14 00:05

      Muito interessante:

      "(...) para ser identificado, [o semáforo] trará o epigrama de um ônibus visto de lado".

      E lá se vai a padronização...

      Excluir
  142. Boa Noite!

    Sugestão de matéria.
    Poderiam aproveitar os carros dos colunistas, e fazer aquelas reportagem "avaliação sob 8 mãos", seria interessante ver isso no site.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  143. Lucas dos Santos18/02/14 22:58

    Olá, Bob.

    Como sei que os atos e projetos da Prefeitura de São Paulo em relação ao trânsito são do seu interesse, aí vai mais um "capítulo" dessa "novela" chamada "Corredores de Ônibus":

    Prefeitura de São Paulo quer alargar ruas e avenidas para criação de novos corredores de ônibus

    ResponderExcluir
  144. Lucas
    Enlouqueceram de vez.

    ResponderExcluir
  145. Bob Sharp em "jaguar de dois tempos", o comentário seu pode ser aplicado ao motor do vw up : "Bob Sharp02/02/13 13:13
    Road Runner
    O Juvenel fala no texto num Toyota 6-cilindros em linha 2-litros. Sabe como era esse motor? Era um autêntico DOHC. Para transmformá-lo em dois tempos apenas duplicaram a rotação dos comandos. Presto, virou dois-tempos (um tempo-motor a cada 120°). Foi necessário adicionar um soprador (blower), uma vez que não havia mais o curso descendente do pistão para aspiração, tinha que encher logo de ar assim que a válvula de admissão abrisse

    ResponderExcluir
  146. Caros amigos autoentusiastas nessa semana olhando o site da revista car craft me deparei com essa reportagem. http://www.carcraft.com/featuredvehicles/1402_garage_find_ultra_rare_ford_gt40_found_under_piles_of_junk/

    ResponderExcluir
  147. Lucas dos Santos07/03/14 20:32

    Uma triste notícia que me lembrou aquela matéria sobre a destruição dos Mini Cooper de corrida publicada aqui:

    Chrysler está destruindo 93 unidades raras do Dodge Viper e não há chances de salvá-las

    ResponderExcluir
  148. Lucas dos Santos13/03/14 00:08

    Olha aí, Bob.

    Motorista que respeita o trânsito em Maringá agora recebe elogio

    É uma ideia até interessante. Mas são detalhes como este que fazem a coisa desandar:

    http://i.imgur.com/q77twhW.png

    Onde já se viu parabenizar quem passa a menos de 40 km/h em um radar de 60 km/h e chamar a atenção de quem passa a 61 km/h??! Se essa moda pega...

    ResponderExcluir
  149. Bob tenho um produto que ajudará eliminar 100% do ponto cego.
    gostaria de um espaço para divulga-lo.

    Abs.

    ResponderExcluir
  150. Caro Bob.
    Foi com agradável surpresa para mim a descoberta desse blog, ao qual me sinto em casa, pois sou um radical autoentusiasta (e motociclista também). Lembro-me quando era menino (hoje 57...), já aficcionado por carros, e lia a revista 4Rodas ou Auto Esporte se não me engano, e você era piloto de corrida, certo? Lembro-me também de Camilo Christófaro (carretera?), Comolatti (tem alguma coisa a ver com o distribuidor Sama Comolatti?). Estou correto?
    Parabéns pelo trabalho!
    Henrique

    ResponderExcluir
  151. Caro Bob,
    creio que você já deve estar sabendo disso, mas tive que vir compartilhar aqui com você essa matéria que li..

    http://www.flatout.com.br/associacao-dos-fabricantes-propoe-ipva-mais-alto-para-carros-mais-antigos/

    Não sei porre eu ainda fico impressionado com a voracidade que sempre querem atacar os nossos bolsos!
    Esse é o nosso país, infelizmente...
    abs

    ResponderExcluir
  152. Hey, vocês não mencionaram nada sobre o "velocult"?
    http://velocult.com.br/

    ResponderExcluir
  153. Olá amigos do Autoentusiastas, vi no UOL que a Ford lançou de novo a Ranger Sport, motor duratec 2.5... que tal uma palavrinha de vocês se vale a pena ou não, principalmente sobre o argumento de que ela compete com as versões mais caras da Strada e Saveiro. Achei que por 67 mil ela está bem acima dessa faixa. Abraços Douglas

    ResponderExcluir
  154. Lucas dos Santos25/03/14 23:24

    Olá Bob,

    Meio off-topic, mas achei importante divulgar isto aqui, por ser uma situação que eu considero de uma intolerância absurda:

    Homenagem causa confusão em Londrina

    ResponderExcluir
  155. Carros invadem espaço que deveria ser exclusivo para pedestres e ciclistas. Infração está prevista no CTB. O que as "autoridades" fazem para evitar que o problema se repita: Fiscaliza? Aplica o previsto pela lei? Multa? Nada disso. "Solucionarão" o problema instalando barreiras no local e dá-lhe tratar o povo como "gado"!

    É essa a situação de uma ciclovia situada em um bairro de Curitiba. Pior de tudo é ver o pessoal afirmando com a maior "cara lavada" que sabe que está errado e que descumpre a lei mesmo assim, certo da impunidade.

    Como dizia um famoso (e odiado) blog, "Tem jeito, Curitiba?".

    http://g1.globo.com/pr/parana/paranatv-1edicao/videos/t/curitiba/v/carros-trafegam-pelas-ciclovias-e-nao-respeitam-bicicletas/3282546/

    Confesso ter ficado enojado com a declaração do entrevistado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Antes de assistir ao vídeo pensei se tratar de invadir no sentido de tirar umas "cascas" da ciclovia, não sua utilização plena. Absolutamente ridículo, falta total de civilidade, falta maior ainda de autoridade. Fiquei enojado mesmo antes de ouvir o entrevistado.

      Excluir

Olá AUTOentusiasta, seu comentário é sempre bem-vindo! De preferência, identifique-se ao comentar.
Atenção: comentários contendo ofensas pessoais, a marcas, a fabricantes isoladamente e/ou em conjunto, a nacionalidade de veículos, bem como questionando práticas comerciais lícitas e margens de lucro aceitáveis nas quais este blog não interfere, bem como o uso de palavras de baixo calão e a exposição de outros leitores ao ridículo, não serão publicados. O AUTOentusiastas se reserva o direito de editar os comentários sem declinar motivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...