27 de julho de 2009

MAIS POLO CÂMBIO ROBOTIZADO


Anunciados os preços do Polo com câmbio robotizado e automatizado. O hatchback normal sai por R$ 42.580 e o Sportline, mais bem equipado, R$ 50.465. Já o sedâ básico custa R$ 44.810 e o Comfortline, R$ 53.815. Vendas começam já em agosto.
Diz a fábrica que, em média, 30% dos Polos serão vendidos com o novo câmbio, mas a participação deste deverá ser maior no sedã.
O preço do volante com as borboletas de troca de marcha é mesmo convidativo: R$ 470 -- mas requer a compra de rádio completo por R$ 800, deixando a brincadeira de ser tão atraente.
Um ponto importante explicado foi a lógica de troca de marcha diferenciada entre plano e subida -- são retidas mais tempo no segundo caso -- o que deu para notar perfeitamente na avaliação feita hoje entre Atibaia e Amparo, em torno de 75 quilômetros distantes uma da outra.
Informada também alteração nas relações de marcha da segunda, terceira quarta, diminuindo o intervalo numérico entre a primeira e a segunda e entre esta e a terceira, e desse modo ficando menor a queda de rotação nas trocas. Isso contribui para reduzir as "cabeçadas", efeito que é menor nas marchas mais altas. Informada redução de 0,1 segundo no zero-a-cem, 11,3 s no hatchback com etanol no tanque em razão da segunda e terceira mais curtas. O aumento de peso é insignificante, apenas 8 kg.
A VW diz que poderá empregar esse câmbio ASG em mais modelos de sua linha.
BS

19 comentários:

  1. Uma pena que o movimento seja invertido. Prefiro aumentar as marchas puxando a alavanca. É mais natural.

    ResponderExcluir
  2. Deus queira que o sistema seja oferecido no Bluemotion, mas mantendo as relações de marcha. Seria simplesmente perfeito.

    FB

    ResponderExcluir
  3. Marcelo Augusto28/07/09 01:40

    Na caixa dos Fiat não tem creeping (esse também não deve ter), achei muito estrando a sensibilidade na aceleração para estacionar.

    Estou procurando um carro pequeno automático. Se este for mais ou menos o que senti nos Fiats, vou ter que ficar com um de caixa tradicional mesmo, como o novo Fit, que é muito suave e tem quinta overdrive, mas é mais caro.

    Acho que, sendo o câmbio automático sinônimo de conforto e praticidade, acho que são por estas e outras que os automatizados (exceto os de dupla embreagem) não têm vez nos Estados Unidos.

    ResponderExcluir
  4. Rodrigo Laranjo28/07/09 18:03

    Outro detalhe é que a gente é chato também. O povão não vê isso.

    Povão vai achar "mudérnu", e "melhor que o automático porque eu posso escolher as marchas" (o 3, 2 e 1 do automático não existe).

    E também ninguém vai se encanar nos trancos. Aposto que o robozinho dá menos tranco que metade da população dirigindo (incluindo aí minha mãe!).

    ResponderExcluir
  5. Marlos Dantas28/07/09 21:00

    Não sou a favor da venda "casada" de acessórios ou pacotes de opcionais. Mesmo sendo obrigatória a aquisição do rádio completo para "casar" com o volante com borboletas, o conjunto tem um valor razoável.
    Em carater comparativo, na concessionária somente o aro do volante "esportivo" (com furos e local específico de pega) do Ka custa perto dos R$ 470 do volante com borboletas do Polo...

    ResponderExcluir
  6. Leo,
    Essa é uma polêmica sem fim. Prefiro reduzir puxando, enquanto meu amigo e jornalista Fernando Calmon pensa como você. Fico com a lógica dos controles remotos de tevê, subir canais, botão de cima e vice-versa. Realmente me atrapalho com o Stilo Dualogig e Linea, tenho de pensar a cada troca. No tempo dos vidros acionados por manivela havia uma situação parecida ao desacelerar e ir freando para a cabine de pedágio. Baixar vidro tinha de ser girar a manivela contra o sentido de rotação das rodas. Se fosse no mesmo sentido ficava estranho.

    ResponderExcluir
  7. Marcelo Augusto,
    O I-Motion não tem creeping. Você tem razão quando cita a certa dificuldade para manobrar, mas fora essa situação o creeping incomoda um pouco, como parar no plano e precisar segurar o carro no freio. Sabe o que sugeri à VW ontem? Poder-se escolher entre ter creeping ou não por meio de um botão no console. Fácil de fazer.

    ResponderExcluir
  8. Rodrigo,
    Certíssimo o último parágrafo!

    ResponderExcluir
  9. Marcelo Augusto28/07/09 22:45

    A idéia do creeping on/off é benvinda.

    Lembro que quando ainda era um projeto, falava-se que a idéia da VW era deixar o formato de alavanca como trilho, como nos automáticos.

    ResponderExcluir
  10. Você foi de Atibia pra Amparo por Itatiba ou Bragança? As duas estradas são uma delícia de dirigir nas curvas, mas a primeira tem o problema de ter poucos pontos de ultrapassagem e dependendo do horário, muito caminhão.

    Abraços

    César Dias

    ResponderExcluir
  11. Copiando a msg no outro post...
    Fantástico. Espero que chegue logo nos populares a grande mercado de vez. Acho que vai ajudar legal na fluidez para os milhares que não sabem trocar de marcha nem sair em subidas.

    Só achei estranho o encurtamento das marchas (2a, 3a e 4a). Dado que o câmbio tem trocas automáticas, encurtar marchas deixa de fazer sentido. Outra coisa que não entendo: O fato do carro ter acelerador eletrônico, já não seria possível eliminar por completo o tranco? Se o sistema é controlado eletronicamente, mesmo com o pé no fundo, ele deveria ser capaz de desacelerar o carro nas trocas...

    Anyway, ótimo a VW entrando nessa.. Só falta a ford... Se todos entrarem na dança, fica mais difícil de micar

    ResponderExcluir
  12. Bob,
    Creeping em transmissão manual automatizada é algo meio temerário, pois implica em que o sistema vai ficar "queimando" embreagem por tempo prolongado, principalmente enquanto o carro estiver parado no trânsito, diante de um semáforo, numa subida onde o motorista resolve manter o carro parado através de um leve toque no acelerador (o que é perfeitamente possível e não danoso numa transmissão automática convencional).
    Resolver isso exigirá uma inteligência adicional no sistema eletrônico, que terá que ativar e desativar os freios quando for identificado que o carro se encontra parado num aclive. Sabe se algum fabricante está disposto a criar esta complicação? Ou todos preferem seguir a tradicional filosofia do "dane-se a embreagem"?

    ResponderExcluir
  13. César,
    Saímos à direita na D. Pedro rumo a Morumgaba, depois a serra para Amparo. Realmente uma delícia de estrada, mas tinha muito caminhão.

    ResponderExcluir
  14. Bussoranga,
    O creeping é mesmo danoso para a embreagem estando o carro parado, mas segurar o carro na subida na embreagem deve ser evitado até em câmbios e embreagens manuais. Por isso sugeri à VW um botão para ativar e desativar o creeping, pois em manobras de estacionamento o creeping ajuda, em que basta mudar a pressão no pedal de freio para controlar a velocidade. Não acho que a solução que você propôs, mexer com os freios, seria adequada. Poderia assustar o freio deixar de atuar de repente.

    ResponderExcluir
  15. Caio,
    Me acompanhe. O menor intervalo entre marchas abrevia o tempo de o motor cair de rotação para a marcha seguinte, reduzindo efetivamente a "cabeçada". Poderia ser mantido o escalonamento mais aberto do Polo normal, mas o acoplamento da embreagem após o engate seria mais brusco. A engenharia da fábrica procurou uma solução de compromisso.

    ResponderExcluir
  16. Bob, com o tal câmbio fica impossível o uso do método carga? SE você afundar o pé no acelerador ele automaticamente reduz, mesmo no modo manual.
    Parece que o câmbio sempre entende que pé no fundo = quero ganhar velocidade....

    ResponderExcluir
  17. Caio,
    Pode-se usar o método carga, pois só há redução ao se acionar o interruptor de fim de curso, que é facilmente perceptível. Experimentei, dá perfeitamente.

    ResponderExcluir
  18. @Bob Sharp
    A mudança das alavancas puxando é muito mais lógico, veja o caso dos carros de WRC, eles aumentam a marcha puxando e reduzem empurrando, pois é a lei do menor esforço. Se o carro está te empurrando para trás, é mais fácil vc puxar a alavanca, se você está freiando, fazendo uma redução, é mais fácil vc empurrar a alavanca para reduzir as marchas...

    ResponderExcluir

O Ae mudou de casa! Todos os posts do blog foram migrados para o site. Por favor busque por este post no site e deixe o seu comentário lá.
Um abraço!
www.autoentusiastas.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...